Wikipédia:Artigos bons/arquivo/Couraçado Classe Yamato

Yamato e Musashi ancorados nas águas das Ilhas Truk em 1943

Os Couraçados Classe Yamato (em japonês: 大和型戦艦, transl. Yamato-gata senkan) eram navios de guerra da Marinha Imperial do Japão (IJN) construídos e operados durante a Segunda Guerra Mundial. Pesando 73000 toneladas, os navios dessa classe eram os maiores, mais pesados e armados já construídos. A classe carregava a maior artilharia naval já equipada em um navio de batalha, nove canhões navais 40 cm/45 Type 94 de 460mm, cada um capaz de atirar 1360kg de projéteis a mais de 42 km. Dois couraçados da classe (Yamato e Musashi) foram construídos e concluídos, enquanto um terceiro (Shinano) foi convertido em um porta-aviões durante sua construção.

Devido à ameaça dos submarinos e porta-aviões norte-americanos, tanto Yamato como Musashi passaram a maior parte de suas carreiras em bases navais de Brunei, Truk e Kure—estando diversas vezes à disposição em defesas contra assaltos americanos em bases japonesas —antes de participar da Batalha do Golfo de Leyte, como parte da Força Central do Almirante Kurita. Musashi foi afundado durante o curso da batalha por aeronaves vindas dos porta-aviões americanos. Shinano foi afundado dez dias depois de sua convocação em novembro de 1944 pelo submarino USS Archer-Fish (SS-311), enquanto Yamato foi afundado em abril de 1945 durante a Operação Ten-Go. (leia mais...)