Abrir menu principal

Wikipédia:Esplanada/propostas/Acabar com as prorrogações de votação em Eliminações por Consenso (18dez2016)

A seguinte discussão encontra-se encerrada. Por favor não a modifique Comentários posteriores devem ser feitos numa nova secção. Segue-se um resumo das conclusões obtidas nesta discussão. Proposta aprovada com apenas a oposição de Gonçalo Veiga, cuja proposta de adendo contou com apoio nulo.



Olá, editores!

Tenho observado que as PEs são muito ineficientes. Uma das coisas que observei e constatei é que as prorrogações de votações são inúteis! Para quem não sabe, o processo da PE funciona assim:

  1. 7 dias de discussão;
  2. 7 dias de votação, se a discussão for inconclusiva;
  3. 7 dias de prorrogação da votação, se a votação anterior não teve nenhuma opção com 4 apoiadores E 2/3 dos votos.

Desde 2015, na etapa de prorrogação, a contagem é por maioria simples, a fim de desestimular fantocharias. Inicialmente, era por 2/3 E 4 apoiadores, como na primeira etapa de votação. Porém, as estatísticas em que se basearam aquela proposta eram referentes a 100 PEs em 2012, época na qual a Eliminação por Consenso (EC) ainda não estava implementada.

Produzi, na minha página Usuário:MisterSanderson/Observatório das PEs/Consenso votado/2016-1, dados sobre todas as PEs fechadas nos 6 primeiros meses de 2016, que amontam a um total de 783.

PEs fechadas   Foram votadas   Votadas de novo   Votar de novo mudou algo
   783      →       62       →        29       →           2
                   7,91%             3,70%               0,25%

Não é muito trabalho, por muito pouco? Por conta de 2 PEs (Henrique Aparecido de Lima e Mari Alexandre) onde o "eliminar" que estava ganhando passou a ser um "manter", 29 foram prorrogadas. Se essas 29 que estavam inconclusivas tivessem sido fechadas como "inconclusivas" lá na primeira etapa de votação, e portanto as 29 páginas mantidas, evitava-se a prorrogação inútil sem perder nada: nem os artigos, nem o tempo dos voluntários, nem o esforço dos voluntários. E as PEs ficariam mais simples.

Se as 29 PEs tivessem sido fechadas como "inconclusivas" (ao invés de prorrogadas), isso significa que 4 PEs "eliminar" acabariam como "manter", vamos ver:

  1. Datamark Ltda.
    Antes de prorrogar: (3 votos) 3 eliminar (100%) x 0 manter (0%). (nenhuma opção atingiu o mínimo de 4 votos)
    Depois de prorrogar: (5 votos) 5 eliminar (100%) x 0 manter (0%).
  2. Psicologia cristã
    Antes de prorrogar: (25 votos) 16 eliminar (64%) x 9 manter (36%).(nenhuma opção atingiu a porcentagem mínima de 66% - 2/3)
    Depois de prorrogar: (29 votos) 18 eliminar (62%) x 11 manter (38%). Deu no mesmo, continuou sem os 66% - 2/3.
  3. Paulo Neves
    Antes de prorrogar: (2 votos) 2 eliminar (100%) x 0 manter (0%).(nenhuma opção atingiu o mínimo de 4 votos)
    Depois de prorrogar: (2 votos) 2 eliminar (100%) x 0 manter (0%). Deu no mesmo, continuou sem os 4 votos.
  4. Hablan por la Espalda
    Antes de prorrogar: (4 votos) 3 eliminar (75%) x 1 manter (25%).(nenhuma opção atingiu o mínimo de 4 votos)
    Depois de prorrogar: (4 votos) 3 eliminar (75%) x 1 manter (25%). Deu no mesmo, continuou sem os 4 votos.

Ora... Como vemos, 3 das 4 continuaram inconclusivas, e só não foram fechadas como tal por causa da mudança na regra para que se fechasse por maioria simples... Que alguma opção não tenha 66% dos votos, até pode-se aceitar, mas não ter nem 4 votos? Em 2 das 4, não apareceu ninguém mais pra voltar e o "placar" continuou o mesmo. Em 1, Datamark Ltda., é que o resultado "eliminar" foi devidamente confirmado. SÓ UMA.

Sabe, não existe mágica pra fazer as PEs se tornarem conclusivas... Se não apareceram nem 4 editores para votar numa opção, é porquê ninguém se importa com aquela PE. E se nenhuma opção consegue 2/3 dos votos (66,66...%), é porquê não tem como solucionar mesmo. Não adianta ficar prorrogando.

Então, é isso que proponho: quando a primeira etapa de votação for inconclusiva, fecha-se como inconclusiva e mantém-se o artigo por inconclusão. Quem não gostar, re-propõe a eliminação depois de 3 meses, como mandam as regras vigentes.

Houve já uma proposta sobre isto, feita pelo Leon saudanha em 15 de julho de 2015: Wikipédia:Esplanada/Arquivo/2015/Julho#Diminuir as duas semanas da fase de votação da PE. Na época, eu me opus pois queria estatísticas que comprovassem a inutilidade das prorrogações. Muito bem, eu mesmo as fiz e aí estão. Mudo meu posicionamento para Symbol support vote.svg Concordo. --Mister Sanderson (discussão) 13h16min de 18 de dezembro de 2016 (UTC)

Symbol support vote.svg Concordo essas prorrogações em geral não mudam nada. Só servem para adiar aplicar uma decisão praticamente já estabelecida. Dispensável e redundante-- Leon Saudanha 13h28min de 18 de dezembro de 2016 (UTC)

Symbol support vote.svg Concordo e fico muito satisfeito de ver uma proposta que apresente dados e análise para explicar o benefício da proposta. Parabéns!OTAVIO1981 (discussão) 13h31min de 18 de dezembro de 2016 (UTC)

Symbol support vote.svg Concordo e também lhe dou os parabéns pelo belo trabalho feito em provar a ineficiência das prorrogações. Bia Alencar Mensagens 14h20min de 18 de dezembro de 2016 (UTC)

Symbol support vote.svg Concordo, eficiência é importante num projeto colaborativo. E se está provado que é ineficiente... --Luk3🔔📖 15h26min de 18 de dezembro de 2016 (UTC)

Symbol support vote.svg Concordo com a proposta pois se a prorrogação de uma votação não muda em nada no resultado final não tem porque continuar existindo, ou seja, encerrou os 7 dias iniciais de votação e não deu os 2/3 necessários, que encerre logo como Symbol unsupport vote.svg inconclusiva e está ótimo. WikiFer msg 19h07min de 18 de dezembro de 2016 (UTC)

WikiFer, não é só alcançar 2/3 de votos em uma opção, tem que alcançar pelo menos 4 votos também.--Mister Sanderson (discussão) 19h20min de 18 de dezembro de 2016 (UTC)
@MisterSanderson: Exatamente, já que menos de 4 votos numa opção não é quórum suficiente de votação. WikiFer msg 19h28min de 18 de dezembro de 2016 (UTC)

Symbol support vote.svg Concordo Tetraktys (discussão) 22h36min de 18 de dezembro de 2016 (UTC)

Symbol question.svg Pergunta Se a proposta for aprovada, mudaria o prazo para que o artigo possa ser candidatado a PE novamente quando a anterior tiver sido Symbol unsupport vote.svg inconclusiva? --ArgonSim (discussão) 02h43min de 19 de dezembro de 2016 (UTC)

@ArgonSim: Mesmo com a proposta aprovada toda PE cujo resultado for inconclusiva, terá que esperar os 3 meses para reabrir novamente. WikiFer msg 02h46min de 19 de dezembro de 2016 (UTC)
ArgonSim, ArgonNão, conforme escrito na caixinha amarela de destaque que tem a proposta dentro: Citação: Quem não gostar, re-propõe a eliminação depois de 3 meses, como mandam as regras vigentes. (grifo meu)--Mister Sanderson (discussão) 03h09min de 19 de dezembro de 2016 (UTC)

Symbol support vote.svg Apoio Mr. Fulano! 🔔Fale Comigo📩 03h46min de 19 de dezembro de 2016 (UTC)

Symbol support vote.svg Apoio --Zoldyick (Discussão) 03h55min de 19 de dezembro de 2016 (UTC)

Symbol support vote.svg Concordo Excelente ideia! --Wikimasterbz Fale 13h27min de 19 de dezembro de 2016 (UTC)

Symbol support vote.svg Concordo. For God's sake. Edilson Vinentefale comigo 13h37min de 19 de dezembro de 2016 (UTC)

Symbol neutral vote.svg Neutro Mesmo sem entender o porquê da pressa, fico indiferente --Usien6 18h25min de 19 de dezembro de 2016 (UTC)

Usien6, não é só buscar velocidade nos encerramentos, mas eficiência de gasto de recurso de voluntários: o tempo de vida deles (necessariamente finito), o tempo que dedicam ao projeto (e no qual poderiam estar fazendo outra coisa mais produtiva, como criando artigos), e o esforço necessário. Cada vez que uma votação precisa ser fechada, os eliminadores têm que ver se:
  • todos os participantes têm direito ao voto:
    • está logado?
    • editou pela primeira vez há mais de 90 dias da abertura da votação?
    • fez pelo menos 300 edições no domínio principal antes do começo da votação?
    • é sockpuppet?
    • o usuário votou com mais de uma conta dele?
  • alguma opção atingiu 4 votos - ok, é evidente, só olhar;
  • alguma opção alcançou 3/4 dos votos - somar o total de votos (18 eliminar + 11 manter = 29 votos) e fazer uma regra de 3 (18*100/29 = 62,06%, que é menor que 3/4 = 66,666...%)
Tudo isso à toa! Porquê não faz diferença de qualquer maneira. Da primeira vez, pode até ser necessário, mas fazer de novo pra prorrogação não é necessário e não traz vantagem. O que não traz vantagem, pode trazer desvantagem, como apontei.
No tempo que o eliminador perde checando tudo isso de novo, ele poderia fechar mais PEs. Ou menos eliminadores seriam necessários para dar conta da mesma carga de trabalho (menos campanhas "precisamos de eliminadores"). Ou eles teriam mais ânimo no serviço, por ser menos maçante... Ou cada eliminador teria uma carga de trabalho menor, terminaria o que tem de fazer e iria cuidar de outra coisa... Se o Einstein tivesse uma carga de trabalho muito pesada no escritório, ele não teria escrito a Teoria da Relatividade. Quem sabe temos um Einstein em Yes check.svg POTENCIAL, mas ele está ocupado com burocracia? (hahahahha)
Citação: artigo "Albert Einstein" escreveu: «Os textos do Ano Miraculoso são trabalhos acadêmicos que estabeleceram Einstein como um dos físicos mais importantes do mundo. Não só publicou artigos importantes nesse ano, mas também encontrou tempo para escrever outros 23 de revisão para uma série de revistas. Realizou tudo isso em seu tempo livre depois que chegava em casa do trabalho. No início de 1905 tinha 25 anos, era um homem de família, com dois anos de casamento, e encontrou tempo para pensar sobre física. Independentemente de como conseguiu concentrar-se com sua vida agitada, os resultados alcançados nesse ano foram notáveis. Estão entre os trabalhos mais profundos já publicados na física.» (grifos meus) --Mister Sanderson (discussão) 20h03min de 20 de dezembro de 2016 (UTC)
@MisterSanderson: Se a questão é a de tempo dispendido analisando a validade dos votos, posso fazer um script que dê conta dos aspectos mais mecânicos… --Usien6 20h34min de 20 de dezembro de 2016 (UTC)
Usien6, aprovada a proposta ou não, tudo indica que esse script seria bom para os eliminadores.--Mister Sanderson (discussão) 20h46min de 20 de dezembro de 2016 (UTC)

Symbol support vote.svg Concordo. Até o momento, nada me parece verificar a eficiência das prorrogações. • L‘éditeur? 18h59min de 19 de dezembro de 2016 (UTC)

Symbol support vote.svg Concordo. Com esses dados apresentados, é mais que óbvia minha decisão. cósmicodisc 22h31min de 19 de dezembro de 2016 (UTC)

Symbol support vote.svg Concordo José Luiz disc 19h16min de 20 de dezembro de 2016 (UTC)

Symbol support vote.svg Concordo Já que é demonstrado que são ineficientes, as prorrogações tem que ser mesmo abolidas. --Pap@ Christus msg 03h15min de 21 de dezembro de 2016 (UTC)

Symbol support vote.svg Concordo Com a ineficiência do prorrogamento das PEs mostrada tão detalhadamente, creio que a única opção lógica seria extingui-la. --Hume42 03h35min de 21 de dezembro de 2016 (UTC)

Symbol support vote.svg Concordo Celeridade num projeto como o nosso é sempre importante, então se algo é ineficiente, corta-se ou reinventa. !Silent (discussão) 14h14min de 22 de dezembro de 2016 (UTC)

Symbol neutral vote.svg Neutro - Uma vez que discordo em absoluto de qualquer sistema de votações para definir o que deve ou não constar do projecto, é-me perfeitamente indiferente se estas são prorrogadas ou não.-- Darwin Ahoy! 14h58min de 23 de dezembro de 2016 (UTC)


A discussão acima encontra-se encerrada. Por favor não a modifique. Comentários posteriores devem ser feitos numa nova secção.


Como está o andamento dessa proposta? Foram feitas as alterações nas políticas? Ao mínimo falta a alteração do texto padrão das PEs. Chico Venancio (discussão) 18h37min de 19 de fevereiro de 2017 (UTC)

Chicocvenancio, já fiz alterações nas políticas e predefinições, mas não sei se faltou algo. Eu não tinha atualizado aqui pois o Gonçalo Veiga estava enchendo o saco com a proposta sem apoio dele, e eu estava sozinho tendo que lidar sozinho, então preferi não voltar à página e deixar ele quieto.--Mister Sanderson (discussão) 21h08min de 20 de fevereiro de 2017 (UTC)
Faltou o Wikipédia:Páginas para eliminar/Novoapagar. Eu faria as edições, mas ainda não compreendi completamente porque alguns entenderam que essa proposta passa o limite para maioria simples de votos. Chico Venancio (discussão) 00h32min de 21 de fevereiro de 2017 (UTC)
Chicocvenancio, a primeira etapa de votação tem uma regra de contagem (2/3 dos votos), e a segunda etapa (abolida) tinha outra regra de contagem (50%+1) desde 2015. Uma pessoa (abaixo) entendeu que acabar com a prorrogação acaba com o 50%+1 e que isso é um problema, mas ninguém concordou com essa pessoa sobre isso ser um problema. Se você vir algum problema nisso, diga. Atualmente não tem nem porquê discutir.
Eu cheguei a mexer na Wikipédia:Páginas para eliminar/Novoapagar sim, dia 6 de fevereiro. Agora revisei e tirei mais um pedaço sobre prorrogação. Falta alguma coisa mais ali?--Mister Sanderson (discussão) 21h44min de 21 de fevereiro de 2017 (UTC)
Perfeito agora na Wikipédia:Páginas para eliminar/Novoapagar. Creio que foi na discussão do Oxe e do Zoldyick que fiquei confuso. Me parece que ambos ficaram com impressão que a votação passou para maioria simples. Chico Venancio (discussão) 21h52min de 21 de fevereiro de 2017 (UTC)
Chicocvenancio, o fórum legítimo para discussão dessas mudanças de regra é a Esplanada, se eles não vierem aqui se manifestar ou criarem um tópico pra eles, eu não tenho nem sequer como ficar sabendo. De qualquer forma, a proposta ficou 2 meses aberta e só teve oposição de 1 usuário que foi ignorado pelos outros participantes (não os convenceu). Não pretendo ficar mais vários meses recebendo manifestações de pessoas...--Mister Sanderson (discussão) 23h48min de 21 de fevereiro de 2017 (UTC)
@Chicocvenancio: Foi o Zoldyick quem achou que agora as votações eram por maioria simples e eu, em algum momento, posso ter pensado o mesmo. O problema é que a política foi alterada mas as mudanças não foram adequadamente anunciadas, nem se explicou como seriam tratadas as PEs que iniciaram antes da alteração e acabaram depois dela. Oxe (discussão) 23h55min de 21 de fevereiro de 2017 (UTC)
Oxe e Zoldyick, ou seja, vocês seriam contra se mudasse para 50%+1 como o Gonçalo Veiga queria, mas não se opõem a continuar sendo 2/3? OK! Sobre não anunciar direito: eu disse acima que me senti perdendo tempo na discussão abaixo e preferi fazer as alterações sem mexer diretamente com o editor em questão.--Mister Sanderson (discussão) 23h58min de 21 de fevereiro de 2017 (UTC)
Já mudou de maioria simples para 50%+1? Oxe (discussão) 00h01min de 22 de fevereiro de 2017 (UTC)
Oxe, sua pergunta nem ao menos faz sentido (maioria simples é o mesmo que 50%+1), mas se quer a resposta, pode ler a discussão acima com o Chicocvenancio? Tenho absoluta certeza de que sua dúvida foi respondida antes mesmo de ser feita.--Mister Sanderson (discussão) 00h08min de 22 de fevereiro de 2017 (UTC)
É mesmo? Quanto é 50%+1 de um número ímpar de votantes, por exemplo, 11? Se você disser que são 6 você está errado. É cada coisa que se lê. Oxe (discussão) 00h14min de 22 de fevereiro de 2017 (UTC)
Oxe, enquanto estás correto matematicamente esse seu comentário não ajuda muito. Certamente que o Sanderson quis dizer a mesma coisa pelas duas expressões. Chico Venancio (discussão) 14h29min de 22 de fevereiro de 2017 (UTC)
@Chicocvenancio:, precisão é indispensável quando se está a discutir ou explicar modificações de políticas, porque redações dúbias e imprecisas são fontes de muitos desentendimentos aqui na Wikipédia. Oxe (discussão) 14h55min de 22 de fevereiro de 2017 (UTC)

Bom, vamos lá: eu citei a maioria simples de forma precipitada (?!?!). Acontece que antes dessa discussão a da modificação das regras, após uma PE ser prorrogada em votação (21 dias) as coisas eram decidias em maioria simples: vence a opção de tiver um voto a mais. Na tentativa de evitar contradições nas políticas, acho que deveríamos ao menos discutir isso antes de encerrar o caso. --Zoldyick (Discussão) 03h09min de 22 de fevereiro de 2017 (UTC)

Zoldyick, existiam duas etapas de votação: a primeira era decidida com 2/3, e a segunda com 50%+1. Eu propus acabar com a segunda votação, então sobrou somente a primeira, que é decidida com 2/3. O que você quer discutir?--Mister Sanderson (discussão) 10h09min de 22 de fevereiro de 2017 (UTC)
@MisterSanderson: Se não atingir esses 2/3 fica como, inconclusivo? -- Darwin Ahoy! 11h39min de 22 de fevereiro de 2017 (UTC)
(me intrometendo) Isso. Chico Venancio (discussão) 14h29min de 22 de fevereiro de 2017 (UTC)
Darwinius, está escrito no texto da proposta, que é o quadrinho amarelo lá em cima. Pessoas que estão caindo de para-quedas não estão lendo a discussão e me dando trabalho de repetir o que já falei.--Mister Sanderson (discussão) 17h59min de 27 de fevereiro de 2017 (UTC)
Por mais que eu dê voltas a isto, a minha posição continua a ser Symbol neutral vote.svg Neutro. A votação nem devia existir: Onde já se viu, "votar" para eliminar ou manter conteúdo, quando esse conteúdo rege-se é pelas regras do projecto e não pela vontade da maioria. Existindo, ambos os sistemas propostos parecem maus, é difícil para mim perceber qual seria o menos mau.-- Darwin Ahoy! 14h40min de 22 de fevereiro de 2017 (UTC)
A maldade é inevitável, Darwin. Você sabe tão bem quanto eu que é impossível a criação de um sistema que obedeça as regras e, simultaneamente, atenda a vontade da maioria. Ainda mais sabendo que a minoria pode fazer barulho com "argumentos". --Zoldyick (Discussão) 15h41min de 22 de fevereiro de 2017 (UTC)
Darwinius, eu não poderia acabar com as 2 etapas de votação de uma só vez. O ideal é que no futuro seja tudo encerrado por consenso somente. Mas 62 PEs (quase 8%) foram levadas para votação em 2016/1. Se você quiser pegar essas 62, analisar, e apresentar à comunidade como era desnecessário ou incorreto serem votadas, ótimo; elas estão em Usuário:MisterSanderson/Observatório das PEs/Consenso votado/2016-1. O que eu preferi fazer foi: acabar com a prorrogação primeiro, para depois que as PEs estiverem rolando sem prorrogação de votação (2017/1 ou 2017/2), medir o que aconteceu nelas e ver se na prática realmente era indevido. E aí sim, propor qualquer coisa que seja.--Mister Sanderson (discussão) 18h10min de 27 de fevereiro de 2017 (UTC)
Darwinius, eu estive pensando: se ao invés de propor simplesmente acabar com a primeira etapa de votação (a que sobrou), você propusesse transformar essa etapa de votação em uma etapa de prorrogação da discussão, eu acho que as chances da sua proposta ser aprovada seriam muito maiores. O que você acha?--Mister Sanderson (discussão) 15h09min de 5 de março de 2017 (UTC)
Sanderson, eu não concordo em acabar com a maioria simples (50% + 1 é a mesma coisa). No passado, antes desse método existir, qualquer pseudoartigo que tivesse 5 votos pela manutenção e 7 para eliminação era mantido (2/3 de 12). O mesmo caso, só que para eliminação, se fosse o resultado inverso. Acontece que isso dá a falsa sensação de que a vontade da comunidade está em conformidade com as regras vigentes de conteúdo e de eliminação. Exemplos de pseudoartigos ganhando discussões relativamente fáceis de se decidir, e de artigos salváveis que são enviados pras PEs, é o que não falta. A maioria simples também não é perfeita: um voto a mais determinará o futuro de um verbete. Mas me parece ser o mais correto, se for contar com um sistema de 2/3 onde muitas vezes há vontade da maioria e as políticas podem ser negligenciadas. --Zoldyick (Discussão) 15h41min de 22 de fevereiro de 2017 (UTC)
Zoldyick, em 2016/1, 62 PEs (7,91%) foram para votação, das quais 29 foram prorrogadas (3,70%), e 33 não (4,21%). Isso já mostra que não vai ser mantido/eliminado "qualquer pseudoartigo", porquê ainda existe uma etapa de consenso primeiro que resolve 92,09% dos casos. O que eu gostaria era que você apresentasse uma análise com base nas 33 PEs fechadas por 2/3 em 2016/1, e não simplesmente falasse "me parece", "muitas vezes" e "podem ser". Caramba, eu tive que analisar 783 pra fazer essa proposta, e as pessoas que estão contra não querem analisar nem 33. Eu sei é que o ônus da prova cabe a vocês. Eu já disse isso abaixo, pro Gonçalo Veiga, e ele também só me apresentou achismos. --Mister Sanderson (discussão) 18h25min de 27 de fevereiro de 2017 (UTC)
@MisterSanderson e Zoldyick: É verdade que eu caí de paraquedas, e nem sei bem que quadrinho amarelo é esse de que você fala, Sanderson. Tem uma proposta aí em cima num quadrinho amarelo, no meio dessa discussão, ainda é isso que tá valendo? Em todo o caso, eu acho todo este sistema demasiado complexo e burocrático, por isso por norma afasto-me das PEs. Eu estou mal habituado, que no Commons essas discussões duram o tempo que precisarem durar. Quando é coisa óbvia, um administrador fecha logo, mesmo que seja minutos depois da criação. Quando é assunto muito controverso, a discussão pode levar meses, literalmente. Mas no fim sempre se encontra um consenso, sem ser preciso votações nem toda essa complicação. Mas são realidades e comunidades diferentes, fazer o quê. Seja o que for que decidirem aqui, será difícil eu concordar, de modo que o melhor mesmo é desconsiderarem a minha opinião.-- Darwin Ahoy! 18h15min de 27 de fevereiro de 2017 (UTC)
Darwinius, sobre discussões sobre algo óbvio ou não-óbvio, eu tenho outra análise em andamento: Usuário Discussão:MisterSanderson/Observatório das PEs/2016/FF. Se quiser trocar uma ideia, ajudar a fazer, és bem-vindo.--Mister Sanderson (discussão) 18h38min de 27 de fevereiro de 2017 (UTC)

Anunciei no Café dos Eliminadores a aprovação da proposta.--Mister Sanderson (discussão) 19h25min de 27 de fevereiro de 2017 (UTC)

Proposta de adendoEditar

Proposta de sock

  Discordo A alteração das regras em 2015 que implementou a maioria simples no prolongamento das votações visou acabar com as minorias de bloqueio (muitas vezes reforçadas com socks). A ser aprovada esta proposta faria voltar tudo ao antigamente em que muito lixo era mantido pois para eliminar era preciso 2/3 dos votos e para manter bastava 1/3+1. A alteração do sentido da votação raramente acontecer no prolongamento (prorrogação) não invalida o incentivo anti-sock que a regra da maioria simples tem para o projecto, pelo contrário até reforça, as PEs têm menor risco de fraude. Gonçalo Veiga (discussão) 15h18min de 3 de janeiro de 2017 (UTC)

@Gonçalo Veiga: Na verdade a implementação da prorrogação não incentivou em nada na questão dos "anti-socks", já que mais de 90% das PEs prorrogadas tiveram o mesmo resultado na votação inicial de 7 dias. Antigamente a comunidade ainda presumia a manipulação de socks em votação, mas anos se passaram e foi provado que nada disso influenciou. Se houvesse influência, consequentemente esta justificativa faria sentido, mas não é o caso. WikiFer msg 16h35min de 4 de janeiro de 2017 (UTC)
@WikiFer: Pois a minha teoria é que a regra da maioria simples desincentivou o uso de socks nas votações das PEs, com ou sem prorrogação. Saber que para manter o artigo (opção recorrente do uso de socks) na votação normal (1ª volta/turno) são precisos 2/3 dos votos e que mesmo na prorrogação (2ª volta/turno) são precisos 50% claramente desincentiva o uso de socks. Parecendo simples esta proposta é uma alteração muito substancial, pois para manter o artigo passa a bastar 1/3+1 dos votos e nem se admite prorrogação. É mesmo um retrocesso, havendo um incentivo ao retorno dos socks. Gonçalo Veiga (discussão) 09h29min de 8 de janeiro de 2017 (UTC)
Gonçalo Veiga, aguardo você apresentar os dados que confirmam a sua teoria.--Mister Sanderson (discussão) 09h31min de 26 de janeiro de 2017 (UTC)
Citação: Gonçalo Veiga escreveu: «A ser aprovada esta proposta faria voltar tudo ao antigamente em que muito lixo era mantido» Isso é Reductio ad absurdum! Se você olhar os dados que produzi, apenas 3,70% das PEs são prorrogadas; você fala como se fossem prorrogadas a maioria delas ("tudo"), quando na verdade, estamos falando de menos de 4% delas...--Mister Sanderson (discussão) 09h31min de 26 de janeiro de 2017 (UTC)

  Pergunta Se o objectivo é somente acabar com as prorrogações nas PEs porque não aplicar as regras actuais da prorrogação à votação normal, com a regra da maioria simples a ser logo aplicada ao fim de uma semana de votação? Gonçalo Veiga (discussão) 09h38min de 8 de janeiro de 2017 (UTC)

Se o objectivo é somente acabar com as prorrogações nas PEs porque alterar as regras actuais de prorrogação da votação normal, com a regra da maioria simples a ser logo aplicada ao fim de uma semana de votação?--Mister Sanderson (discussão) 09h35min de 26 de janeiro de 2017 (UTC)

@MisterSanderson: As prorrogações foram poucas/ineficazes precisamente porque as regras actuais desincentivam os socks ao dificultarem e muito a sua actividade/eficácia. Considerando que os socks são primordialmente usados para manter lixo, posso resumir assim o problema desta proposta.

Regras actuais:
Votação normal - para manter são exigidos 2/3 dos votos (é preciso muito sock, dá vontade de nem tentar)
Prorrogação - para manter são exigidos 50%+1 dos votos (mais acessível, mas ainda assim difícil de alcançar)

Regras desta proposta:
Votação única - para manter basta 1/3 dos votos (incentivo claro ao uso de socks, pois em PEs semi-desertas como tanto sucede bastam alguns socks activos para atingir essa proporção)

Conclusão: Muito para além do fim das prorrogações esta proposta altera substancialmente as regras no sentido da facilitação do número de votos exigido para manter um artigo contestado, o que agrava o risco de viciação por uso de socks. Lembro até que as regras não prevêem sequer a anulação dos votos suspeitos nas PEs pelos burocratas, como sucede nos PDAs, pelo que qualquer relaxamento das regras equivale a um incentivo claro ao regresso em força do uso de socks no processo de eliminação. Gonçalo Veiga (discussão) 03h50min de 31 de janeiro de 2017 (UTC)

Citação: Gonçalo Veiga escreveu: «as regras actuais desincentivam os socks ao dificultarem e muito a sua actividade/eficácia» {{carece de fontes}}. Você apenas está afirmando aquilo em que você crê, mas como eu já lhe pedi antes: você tem dados estatísticos que confirmam sua teoria na prática? Você ACHA que impede socks, e só. Quanto à sua proposta, é o que eu já disse: eu apenas propus "acabar com as prorrogações", já você, está propondo "acabar com as prorrogações" + "mudar as regras da votação normal". O seu adendo à minha proposta não teve apoio nenhum nos mais de 20 dias que esteve aberto, a minha proposta teve, e acho que o consenso tende pra minha então. Porquê nenhum dos 16 editores que deixaram "concordo" pra minha proposta original não se manifestaram concordando com sua proposta de adendo? Eu pretendo fazer o seguinte: simplesmente concluir aqui, e depois, se você quiser mudar as regras da votação normal, crie uma proposta à parte na Esplanada mesmo.--Mister Sanderson (discussão) 09h20min de 31 de janeiro de 2017 (UTC)
Pois talvez os editores acima não tenham percebido que o real objectivo da proposta não seja acabar com as prorrogações mas sim mudar radicalmente as regras da votação, passar dos actuais 2/3 na 1ª semana e 50%+1 na 2ª semana para uma semana única em que passam a bastar 1/3 dos votos para manter artigos contestados. Isso você não disse, pelo que não há qualquer consenso para uma proposta que não é clara nos seus objectivos. Se era para passar entre os pingos da chuva, lamento mas não dá. Gonçalo Veiga (discussão) 13h02min de 31 de janeiro de 2017 (UTC)