Abrir menu principal

Wikipédia:Critérios de notoriedade/Política

PolíticosEditar

  • Chefes de Estado ou chefes de governo de quaisquer países do mundo.[1]
  • Presidentes de organizações políticas internacionais, tais como a ONU, OPEP, OTAN, União Europeia, Mercosul, e demais organizações análogas.[2]
  • Ministros de Estado.[3]
  • Governadores de estados, províncias, departamentos ou demais subdivisões nacionais análogas.[4]
  • Prefeito (no Brasil) ou Presidente da câmara municipal (em Portugal) é relevante e deverá ter artigo próprio, desde que diga qual o período do governo e fale algo substancial e com fontes sobre sua administração.[5]
  • Membros do Poder deliberativo/Poder Legislativo de nível nacional (no Brasil, deputados federais e senadores).[6]
  • Membros do Poder Legislativo de nível estadual (no Brasil, deputados estaduais).[7]
  • Vereadores serão relevantes somente se tiverem feitos de grande destaque no cenário político local, ou envolvidos em algum fato que resultou em grande comoção e/ou repercussão (necessário ter fonte).[8]
  • Personalidades envolvidas em grandes escândalos políticos, cujo conteúdo relacionado exceda os limites do escândalo em si (exemplos: Fernanda Karina Somaggio, Delúbio Soares) ou que tenha seu nome relacionado a vários artigos diferentes (exemplos: Naji Nahas, Daniel Dantas).[9]
  • Demais personalidades políticas que, mesmo não cumprindo um dos critérios acima, foram objeto de debates, teses ou demais trabalhos no meio acadêmico; ou que foram, por algum motivo, objeto de inúmeras reportagens no nível nacional.[10]

Partidos políticosEditar

  • Todos os partidos políticos registrados oficialmente na política oficial de determinado país ou estado, e que tenham participado de alguma eleição.[11]
  • Partidos que sejam objeto de debates, teses ou demais trabalhos no meio acadêmico; ou que foram por algum motivo objeto de inúmeras reportagens a nível nacional.[12]
  • Tendências e grupos internos dos partidos deverão constar no próprio corpo do artigo do partido, podendo serem desmembrados para uma lista, sob a nomenclatura "Lista de tendências do partido X".[13]

EleiçõesEditar

  • Poderá haver artigos para eleições majoritárias nacionais, estaduais e municipais de grandes cidades, desde que haja fontes e que haja conteúdo significativamente relevante para cada uma delas (exemplo: Eleição municipal de Niterói em 2008). Considera-se grande cidade aquela com mais de 100 mil habitantes. O artigo deverá necessariamente ter fontes.[14]

Referências

  1. Aprovado por 27 votos a 8, mas na verdade houve praticamente um consenso total: a pergunta da votação falava em "desde que ocupasse o cargo por pelo o menos 6 meses", porém 12 dos que votaram a favor manifestaram serem favoráveis a dispensa desses 6 meses. Outros que votaram contra o fizeram pelo mesmo motivo
  2. Aprovado por 30 votos a 0
  3. Aprovado por 29 votos a 0.
  4. Aprovado por 30 votos a 0.
  5. Aprovado por 21 votos a (7 + 7).
  6. Aprovado por 25 votos a 6.
  7. Aprovado por 21 votos a 10.
  8. Aprovada por 25 votos a (4 + 4 +1).
  9. Aprovada por 30 votos a 0.
  10. Aprovada por 22 votos a 13.
  11. Aprovada por 31 votos a 0.
  12. Aprovada por 29 votos a 0.
  13. Aprovada por 17 votos a 16.
  14. Aprovada por 18 votos a 15.

Ver tambémEditar