Wikipédia Discussão:Administradores

Discussões ativas

Alterar introduçãoEditar

Proponho a seguintes alteração na introdução:

Atual
Administradores são usuários com "direitos de operador de sistema (sysop). A política da Wikipédia permitia a atribuição deste acesso liberalmente a qualquer usuário que tivesse sido um colaborador durante algum tempo, geralmente encarado como um membro da comunidade conhecido e digno de confiança, e que possuísse ao menos 2.000 edições no domínio principal e uma conta com seis meses de registro. Hoje, além destes requisitos, o candidato tem que passar por um processo de sufrágio, de acordo com a política de administradores.
Novo
Administradores constituem um grupo de usuários com direitos de acesso a um conjunto de ferramentas, normalmente não disponíveis a todos usuários, como proteger e desproteger páginas, bloquear e desbloquear usuários, eliminar e restaurar páginas e visualizar páginas eliminadas. A atribuição do estatuto de administrador é restrita a colaboradores reconhecidos pela comunidade como membros dignos de confiança. Um administrador deve possuir uma conta registrada por pelo menos seis meses e duas mil edições no domínio principal. Além destes requisitos, o candidato tem que passar por um processo de sufrágio, de acordo com a política de administradores, onde se avalia sua capacidade de atuação e conhecimentos das regras de Wikipédia.

Essa história do "liberalmente a qualquer usuário" é confusa, veja as primeiras nomeações aqui. Lechatjaune msg 11h39min de 19 de maio de 2018 (UTC)

de acordo. Millbug fala 17h42min de 19 de maio de 2018 (UTC)
  Concordo. Helder 20h48min de 19 de maio de 2018 (UTC)
  Concordo Stuckkey (discussão) 20h52min de 19 de maio de 2018 (UTC)
  Concordo Mais informativo. Naldo discussão 02h29min de 20 de maio de 2018 (UTC)

  Concordo Py4nf (discussão) 20h59min de 20 de maio de 2018 (UTC)

Concordo. GoEThe (discussão) 12h55min de 24 de maio de 2018 (UTC)

WP:ADMIN - Aumentar o estágio probatório


A seguinte discussão encontra-se encerrada. Por favor não a modifique Comentários posteriores devem ser feitos numa nova secção. Segue-se um resumo das conclusões obtidas nesta discussão. Aprovadas a Proposta 1.


Proposta 1Editar

Problema detectado: tanto os administradores quanto os eliminadores precisam estar registrados há, no mínimo, 6 meses, para poderem se candidatar a esses cargos. Ora essa, se a função de administrador engloba totalmente a de eliminador e ainda traz privilégios adicionais, não seria natural que o escrutínio para esse cargo fosse maior? Como fazer um escrutínio maior se ambos passam por "estágio probatório" igual, de apenas 6 meses?

O tempo mínimo de existência no projeto não é, ou não deveria ser apenas uma exigência formal, mas sim um "estágio probatório", um período para avaliação tanto da habilidade para o cargo quanto dos aspectos comportamentais mesmo. Isso visa impedir o acesso ao cargo por pessoas que não têm capacidade de lidar com a responsabilidade que receberão, seja porquê não entendem as atribuições (o que é óbvio), quanto as que não têm comprometimento com a Wikipédia (o que não parece tão óbvio e quero expor agora).

É sabido que há um fantocheiro que foca seus esforços no aliciamento dos incautos (principalmente novatos) para que cheguem ao cargo de Administrador e, detendo maiores capacidades depois de eleitos, façam a pedido o que o fantocheiro deseja, ou até cedam a conta diretamente. Esse é um problema grave, e qualquer editor com somente 6 meses de Wikipédia ainda não tem conhecimento suficiente sobre o projeto, e muito menos o comprometimento desejado, para não deixar os novos poderes obtidos caírem nas mãos erradas.

Solução proposta: aumentar o tempo mínimo de registro para o cargo de administrador, de 6 meses para 12 meses.

Pois:

Se o prazo requerido fosse maior (digamos, 12 meses), isso dificultaria o trabalho dos aliciadores, que teriam de passar o dobro do tempo "cultivando" seus fantoches até poderem fazer uso dos privilégios, e portanto aumentaria a chance de dar errado e o tempo deles ser perdido, pois seria mais fácil obter evidências de comportamento indevido das contas, e pedir verificação, antes mesmo que chegassem a ser eleitas. Também, um editor legítimo eleito teria menos probabilidade de 'trocar favores' ou ceder a conta totalmente se tivesse mais experiência e comprometimento com o projeto, o que um novato de 6 meses ainda não tem.

Obs.: Eu acharia interessante aumentar também o prazo para o cargo de eliminador, já que também é um cargo visado pelo fantocheiro, mas não estou fazendo questão nesse momento.

--Mister Sanderson (discussão) 22h54min de 19 de janeiro de 2020 (UTC)

  Concordo com a proposta de aumentar o prazo de 6 para 12 meses necessário para requerer o estatuto de sysop. Yanguas diz!-fiz 23h04min de 19 de janeiro de 2020 (UTC)

  Comentário O problema parece ter mais a ver com a idade/maturidade do que o tempo de casa. Se houvesse alguma forma de determinar idade mínima (como para verificador/supervisor), seria algo a se pensar. Como não há, cabe à comunidade, identificar, pelos aspectos exteriores que são apresentados pelas edições, "qual é a desse editor", como dizemos aqui no Brasil. aumento de tempo mínimo é algo a se pensar, mas não vejo, em princípio, ligação com o caso. Millennium bug 23h14min de 19 de janeiro de 2020 (UTC)

@Millennium bug: Isso só faria o fantocheiro escolher seus aliciados entre editores mais velhos. E discordo que idade cronológica e maturidade andem necessariamente juntas. Há editores quarentões que se comportam como crianças mimadas, e editores bem jovens que demonstram maturidade. Lembro agora do Vini 175, que tinha menos de 20 anos quando foi eleito administrador e sempre foi respeitado pela comunidade. Yanguas diz!-fiz 23h26min de 19 de janeiro de 2020 (UTC)
Já tivemos administrador com 11 anos que fez (e ainda faz) um ótimo trabalho tanto com as ferramentas administrativas como no DP. Eu mesmo me tornei sysop com menos de 15 anos e sempre tive uma boa relação com a comunidade, tal como outros casos que conheço da mesma faixa etária. Dessa forma, idade não pode ser generalizada como fator de risco e regra para definir a maturidade de alguém, embora para se tornar checkuser seja exigido o mínimo de 18 anos. Nesse caso, por envolver acesso a informações privadas, é claramente correto existir uma idade mínima. No entanto, maturidade sim está diretamente ligada a badernas e aliciamentos e isso falta em muita gente (dentre crianças e adultos). --HVL disc. 01h39min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)
Citação: Millennium bug escreveu: «Como não há, cabe à comunidade, identificar, pelos aspectos exteriores que são apresentados pelas edições, "qual é a desse editor", como dizemos aqui no Brasil.» A ideia de aumentar o tempo mínimo para se tornar administrador é exatamente dobrar o tempo para a comunidade ver "qual é a dele".--Mister Sanderson (discussão) 10h46min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)

  Comentário Acredito que deveria ser levado em consideração não quantidade de edição ou tempo no projeto, e sim a qualidade das contribuições. Mesmo sendo permitido um editor com seis meses de registro se candidatar a administrador, a quantidade de votos favoráveis para esses novatos têm sido preocupante? Pelo que vi, os requisitos de aprovação já são rigorosos, é necessário obter 75% de votos válidos favoráveis. Quantos editores nos últimos dez anos conseguiram o estatuto com apenas seis meses de registro? ✍️A.WagnerC (discussão) 23h48min de 19 de janeiro de 2020 (UTC)

Citação: A.WagnerC escreveu: «Acredito que deveria ser levado em consideração não quantidade de edição ou tempo no projeto, e sim a qualidade das contribuições.» Como você propõe que a qualidade seja medida?--Mister Sanderson (discussão) 10h47min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)
@MisterSanderson: Através da análise das contribuições. Lá é possível verficar as edições que o(a) candidato(a) tem feito no projeto. É um processo árduo, mas é importante, pois permite conhecermos o perfil desse(a) editor(a). O pessoal muitas vezes prefere utilizar as ferramentas para ver quantas reversões, edições e páginas criadas. Isso também é importante, mas tem que ser complementar. Mas não sou contra a sua proposta de elevar o tempo mínimo de registro no projeto. ✍️A.WagnerC (discussão) 11h00min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)
A.WagnerC, isso seria o ideal, mas não sei quantos voluntários teriam tempo de sobra para checar, candidatura-a-candidatura, milhares de edições para ver se o editor pode mesmo se tornar administrador ou não.--Mister Sanderson (discussão) 11h04min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)
@A.WagnerC: Como disse o MisterSanderson, essa proposta seria o ideal, mas me parece utópica e, portanto, contraproducente. Além disso, cada editor tem um critério próprio de "qualidade", e isso emperraria ainda mais as já burocráticas discussões e decisões no projeto. Yanguas diz!-fiz 16h28min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)
@Yanguas:. Eu mudei de ideia e   Concordo também com a proposta 1. Estamos a avaliar aqui os critérios objetivos para que o editor possa se candidatar para administrador. Os subjetivos, analisamos durante o pedido. ✍️A.WagnerC (discussão) 16h41min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)

  Comentário Não creio que isto seja uma coisa que possa ser imposta com regras. Entre 6 meses, 1 ano ou 2 anos vai dar ao mesmo. O que tem que mudar é a cultura de exigência e responsabilização no ato eleitoral. Há uns tempos, para ser administrador era necessário ter experiência significativa de edição e alguma participação em discussões da comunidade. Atualmente muita gente vota a favor de qualquer coisa que mexa. Basta um novato ficar uns meses a carregar no fastbuttons e há logo uma série de gente que vota a favor para administrador. Passou-se do 80 (super-difícil) a 8 (escandalosamente fácil). Parece que o critério de eleição deixou de ser experiência, integridade e comprometimento com o projeto para ser uma espécie de miss simpatia ("ah, novato tem zero de experiência e nunca participou em nada, mas é bacana e dou voto de cofiança"). Mesmo com red flags gritantes levantadas nas eleições, continuam a votar a favor. Depois ficam muito surpresos quando aparecem fantocheiros na administração ou com decisões desastrosas. É tão fácil um fantocheiro chegar a sysop que até dói. JMagalhães (discussão) 00h03min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)

Citação: JMagalhães escreveu: «Parece que o critério de eleição deixou de ser experiência, integridade e comprometimento com o projeto para ser uma espécie de miss simpatia» A ideia da proposta é mudar isso, ao menos em parte. Quanto mais tempo o "novato bacana" passar sem fazer nada de significativo, mais claramente ficará exposto que o potencial que as pessoas vêem nele não se realiza. Se o tempo mínimo de registro aumentar, será mais difícil um fantocheiro chegar a administrador.--Mister Sanderson (discussão) 10h50min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)
@JMagalhães:, concordo plenamente contigo. Acho ainda que a maioria vota mais baseado em sua relação pessoal, ou para pagar algum favor, do que visando a capacidade para exercer o cargo. É por isso que apoio a proposta de aumentar o estágio probatório. Yanguas diz!-fiz 16h28min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)

  Concordo a proposta. Se quiserem acrescentar três mil edições como requisito, também concordo (é muito fácil chegar em dois mil - cinquenta edições por dia no domínio principal e com quarenta dias alcança).FábioJr de Souza msg 01h21min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)

  Concordo. Poderia ter alguns requisitos a mais, como tempo com a ferramenta de reversão ou autorrevisão. EVinentefale comigo 01h25min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)

  Concordo com você, EVinente. Que tal lançar uma contraproposta? Crie um tópico, como o JMagalhães fez, e lance lá sua redação para os demais editores avaliarem.--Mister Sanderson (discussão) 10h59min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)

Eu   Concordo pois embora não elimine 100% o risco de uma conta com más intenções conseguir as ferramentas administrativas, como bem ressaltado pelo JMagalhães, teremos um dificultador desse processo. Sob o mesmo contexto aproveito para questionar se não seria válido substituir o item "2 000 edições válidas no domínio principal" dos requisitos da administração para algo do tipo: "2 000 edições válidas no domínio principal que preferencialmente envolvam um histórico de combate ao vandalismo, adição de conteúdo e manutenção em geral". Da forma como consta atualmente, é repassada a ideia de que basta reverter 2 000 vandalismos com scripts como "reversões e avisos" ou "FastButtons" no DP durante 6 meses que já pode ser julgado como apto. Tal como fui rebatido pelo MisterSanderson, entendo que a checagem dessa atuação pelos participantes de um pedido exigiria uma consulta aprofundada nas contribuições do candidato, mas justamente por isso que incluí o "preferencialmente". Não seria uma obrigação — embora o adequado seria que fosse, mas assim sendo provavelmente ficaríamos a nível crítico em quantidade de sysops —, mais como uma sugestão a ser levada em consideração pelo avaliado e pelos avaliadores. --HVL disc. 01h39min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)

@HVL: Vide proposta 2 mais em baixo. JMagalhães (discussão) 01h49min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)

  Concordo. No entanto, sendo a proposta III também aprovada, os efeitos desta seriam superados e, portanto, penso, nem precisaria ser acrescentado na política, de modo a evitar tautologia. Érico (disc.) 15h25min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)

  Concordo. Lá embaixo "concordei com as duas". Aqui deixo claro. Millennium bug 16h20min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)

  Concordo. Pedro H. diz×fiz 17h28min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)

  Discordo da proposta 1. Apesar da iniciativa ser boa, exigir o aumento de um ano para requisito mínimo a flag de administrador não resolverá a questão das contas ilícitas, uma vez que é abrirá brecha para contas dormentes (com mais de um ano de registro) que já tiveram alguma edição válida no domínio principal antes, possa retornar ao projeto realizando a quantidade mínima de edições para o cumprimento deste requisito. Neste caso, o período mínimo de um ano poderia ser menos de um mês dependendo do período em que esta conta esteve dormente no projeto, além de ser subjetivo para os burocratas cancelarem ou não a votação. WikiFer msg 18h13min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)

Citação: WikiFer escreveu: «abrirá brecha para contas dormentes (com mais de um ano de registro) que já tiveram alguma edição válida no domínio principal antes, possa retornar ao projeto realizando a quantidade mínima de edições para o cumprimento deste requisito.» Isso já é possível agora, e continuará sendo depois. Aumentar o prazo de registro não facilita que isto aconteça. Por outro lado, torna mais evidente este tipo de padrão, o que 6 meses não torna tão claro.--Mister Sanderson (discussão) 22h14min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)
MisterSanderson Bom, você disse que aumentar o tempo de seis meses para um ano continuará servindo de brecha para a aparição destas contas; a verdade é que ampliação desse tempo só vai prorrogar que haja a prática do surgimento destas contas, não solucionar o problema – as contas dormentes continuarão surgindo. Contudo, você não chegou a imaginar que, talvez, o principal problema no processo de escolha para novos administradores seja, de fato, o excessivo número de edições semiautomáticas? Acredito que seja por isso que os vândalos estão subvertendo a regra. WikiFer msg 22h48min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)
WikiFer, ok, mas você tem alguma contraproposta para acabar com as contas dormentes?--Mister Sanderson (discussão) 12h40min de 22 de janeiro de 2020 (UTC)
MisterSanderson Não tenho porque Wikipédia:Conta dormente ainda não foi regulamentada, só sabemos que burocratas podem anular votos com base na interpretação deles se existir evidências de meatpuppetry para manipular uma votação. Neste caso uma conta dormente com alguma edição válida poderia ressurgir ao projeto e cumprir estes requisitos, o que não seria um impedimento para o cumprimento dos requisitos mínimos. Quanto ao período inativo e o tempo que eles editam no projeto, a comunidade, neste caso, iria avaliar numa PDA. WikiFer msg 13h52min de 22 de janeiro de 2020 (UTC)
WikiFer, se você não tem como fazer o que é ideal, e a proposta não faz mal algum, porquê se opor à ela? Não percebo nenhum efeito colateral negativo que possa surgir a partir da ampliação do tempo do estágio probatório.--Mister Sanderson (discussão) 18h28min de 22 de janeiro de 2020 (UTC)
MisterSanderson Analisando melhor os comentários apresentados, vi que o único usuário que não demonstrou posição favorável a sua proposta foi o Saturnalia0, mas ele manteve-se neutro nas propostas 1 e 2 (neste caso pode-se desconsiderá-lo); JMagalhães também descartou posição contrária. Nesta proposta você já me refutou, afirmando que manter com seis meses não mudará a prática das contas dormentes. Sendo assim, irei ajustar minha proposta 4 com base nessa e, assim, podemos estabelecer o consenso na proposta 4. WikiFer msg 18h54min de 22 de janeiro de 2020 (UTC)
WikiFer, devo presumir que você deixou de se opor à Proposta 1?--Mister Sanderson (discussão) 19h00min de 22 de janeiro de 2020 (UTC)
MisterSanderson Sim, nesta edição eu já risquei minha posição inicial quanto à proposta 1. Falta você fazer o mesmo sobre sua posição inicial na proposta 4 e estabelecer um novo parecer lá. WikiFer msg 19h06min de 22 de janeiro de 2020 (UTC)
  •   Concordo Não resolve, mas ajuda. José Luiz disc 03h02min de 21 de janeiro de 2020 (UTC)

A discussão acima encontra-se encerrada. Por favor não a modifique. Comentários posteriores devem ser feitos numa nova secção.


Proposta 2: deixar de contabilizar edições automáticas para o acesso a estatutosEditar

Lanço aqui uma segunda proposta: deixar de contabilizar edições automáticas para o acesso a estatutos.

Atualmente são necessárias 2000 edições no domínio principal para poder lançar uma candidatura a administrador. No entanto, com ferramentas como o fastbuttons, reversão e avisos e hotcat, é muito fácil chegar às 2000 edições em poucos/dias semanas. Isto corrompe e subverte o espírito da regra e torna o projeto extremamente vulnerável a socks e contornos de bloqueio. Esta falha tem sido sucessivamente explorada por fantocheiros que querem obter rapidamente estatutos sem ter muito trabalho e ficam o dia todo a carregar num botão. Portanto, proponho que a partir de agora passem a ser contabilizadas apenas edições manuais que efetivamente acrescentem ou melhorem o conteúdo, tal como a regra pretende.
A contabilização pode ser feita com a ferramenta Autoedits no Wmflabs

Obs: isto é uma segunda proposta diferente, não deixem de opinar sobre a proposta mais acima. JMagalhães (discussão) 01h48min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)

  Concordo com a segunda proposta, em relação ao estatuto de administrador. Eu acho essa proposta de deixar de contabilizar edições automáticas melhor do que a de aumentar o tempo mínimo. Pois a estratégia dos fantocheiros é justamente aumentar a quantidade de edições através dessas ferramentas de edição automática. Com essa segunda proposta, privilegiará os editores que colocam a mão na massa. Quanto à primeira proposta, eu me mantenho neutro. ✍️A.WagnerC (discussão) 01h56min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)

  Neutro Para ambas propostas. O tempo de uso não significa muito se a conta esteve inativa por um período considerável, e o número de edições (automáticas ou não) também não diz muito, mas sim a qualidade e diversidade das mesmas. Um usuário que apenas combate vandalismo e nada mais, clicando em "reverter" em vandalismos óbvios, passa em ambos critérios mas não (só) por isso teria meu apoio. A avaliação subjetiva e caso-a-caso continua sendo a maior ferramenta de avaliação, os requisitos mínimos são meros filtros. Não me importo com o aumento e restrições propostos, mas acho que pouco adicionam. Saturnalia0 (discussão) 02h05min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)

@JMagalhães: Sabe se existe alguma ferramenta que faz essa contabilização? --HVL disc. 02h15min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)

@HVL: Sim JMagalhães (discussão) 02h17min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)
Sendo assim, também   Concordo com a proposta 2, porém sugiro que a ferramenta seja indicada no item do critério. --HVL disc. 02h21min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)
Jmagalhães, eu só vou concordar com a Proposta 2 caso a ferramenta apontada por você seja incluída no texto da proposta, como sugeriu o HVL. Se isso não for feito, existe o risco de cada burocrata seguir a estatística de uma ferramenta diferente, e assim, acabar gerando discrepâncias.--Mister Sanderson (discussão) 11h30min de 22 de janeiro de 2020 (UTC)
@MisterSanderson: Hum, já tinha concordado. De qualquer forma, acrescentei lá em cima o link para o XTools. JMagalhães (discussão) 15h05min de 22 de janeiro de 2020 (UTC)
HVL, já que você concordou com a Proposta 2, seria interessante você opinar sobre a Proposta 4, que engloba a 2.--Mister Sanderson (discussão) 11h30min de 25 de janeiro de 2020 (UTC)
Jmagalhães, notei que, abrindo minhas estatísticas, não estão contabilizadas as milhares de edições que fiz no AWB há uns 8 anos atrás. Ou seja, existe um furo nessa ferramenta, que não permite ela funcionar 100% para determinar o cumprimento ao critério.--Mister Sanderson (discussão) 10h58min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)
@MisterSanderson: de facto parece não estar a contabilizar edições automáticas muito antigas. O Érico também se queixava que não contabilizava correctamente edições do Huggle de 2011. Pode ter a ver com o facto de nessa época as etiquetas de edição não existirem ou serem diferentes; é uma questão a ver no futuro. Mas edições mais recentes parecem estar a ser corretamente contabilizadas, e no fundo é isso que interessa porque estamos a falar de distinguir "novatos do fastbuttons" com conta criada nos últimos meses ou anos. JMagalhães (discussão) 11h50min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)

  Concordo Com ambas as propostas. Mesmo com essas restrições, continua sendo fácil o suficiente para quem está comprometido. Não acredito que essas propostas sejam uma solução definitiva para o problema e talvez não resolvam, mas também não vejo prejuízo. Millennium bug 03h10min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)

  Concordo com essa proposta, também.FábioJr de Souza msg 03h21min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)

Fabiojrsouza, já que você concordou com a Proposta 2, seria interessante você opinar sobre a Proposta 4, que engloba a 2.--Mister Sanderson (discussão) 11h30min de 25 de janeiro de 2020 (UTC)

  Concordo completamente. Parabéns ao Mister Sanderson pela proposta! :). Micael D. Oi, meu chapa! 10h44min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)

Micael D., você me parabenizou pela proposta, porém o fez na seção da proposta do JMagalhães. Afinal, você está concordando com a minha proposta, com a proposta dele, ou com ambas?
Micael D., já que você concordou com a Proposta 2, seria interessante você opinar sobre a Proposta 4, que engloba a 2.--Mister Sanderson (discussão) 11h30min de 25 de janeiro de 2020 (UTC)
Estou concordando com ambas, Mister! Enfim,   Feito. Opinei sobre todas as propostas aqui apresentadas. Micael D. Oi, meu chapa! 13h47min de 25 de janeiro de 2020 (UTC)

  Concordo, pois da forma como está, a letra da lei contradiz o espírito da mesma.--Mister Sanderson (discussão) 10h54min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)

  Concordo. Érico (disc.) 15h23min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)

Érico, já que você concordou com a Proposta 2, seria interessante você opinar sobre a Proposta 4, que engloba a 2.--Mister Sanderson (discussão) 11h30min de 25 de janeiro de 2020 (UTC)

  Concordo, não vejo impedimentos. Leandro Drudo (discussão) 16h46min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)

Leandro Drudo, já que você concordou com a Proposta 2, seria interessante você opinar sobre a Proposta 4, que engloba a 2.--Mister Sanderson (discussão) 11h30min de 25 de janeiro de 2020 (UTC)

  Concordo. Parece ser a melhor alternativa. Mas também acho que há de se desconsiderar o uso do botão "desfazer". Pedro H. diz×fiz 17h28min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)

Pedrohoneto, já que você concordou com a Proposta 2, seria interessante você opinar sobre a Proposta 4, que engloba a 2.--Mister Sanderson (discussão) 11h30min de 25 de janeiro de 2020 (UTC)

  Observação: Esta proposta parece ser interessante, mas é importante ressaltar que a prática excessiva de salvamentos sucessivos e edições menores é muito adequado para um novato que inicia seu desempenho no projeto (meu início), portanto ignorar as edições semiautomáticas não significa que resolverá a questão, porque edições menores e salvamentos sucessivos não fazem parte deste requisito. Além disso, o XTools identifica o comando Desfazer como uma edição semiautomática quando, na verdade, deveria ser uma edição manual, pois se trata em desfazer um vandalismo, podendo até realizar algumas modificações na edição que está prestes a ser desfeita (vai que existe resquícios mínimos de vandalismo numa edição + conteúdo referenciado a ser expandido); quanto a ferramenta de reversor (comando Reversão), aí sim poderia considerar como semiautomática porque só reverte edições de vandalismo claro, além do que só reverte múltiplas edições de um único editor apenas. Portanto, não gostaria de discordar da proposta 2 por este motivo, mas acredito que deve-se discutir melhor esse ponto antes de aplicar qualquer consenso. WikiFer msg 18h13min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)

@WikiFer: É insustentável para um fantocheiro tentar ganhar edições à conta de salvamentos sucessivos. Os salvamentos sucessivos são proibidos e à segunda ou terceira tentativa o mais provável é acabar bloqueado. De qualquer forma, nenhuma destas soluções é milagrosa. Ajudam, claro, mas há um esforço final de escrutínio que tem obrigatoriamente que ser feito por quem está a votar e que nenhuma regra pode substituir. É a tal questão da cultura e responsabilidade que eu comentei na proposta 1. JMagalhães (discussão) 23h06min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)
JMagalhães Eu compreendo a importância de atualizar os requisitos mínimos para a eleição de novos administradores, inclusive, ultimamente a comunidade vem tendo o costume de eleger novos administradores sem analisar o desempenho deles no projeto pelo domínio principal, isso ocorre quando não há evidências de que este usuário não possa receber a confiança do projeto. Em relação a sua proposta, antes de me posicionar, até gostaria de aguardar como será definido a contabilização de edições semiautomáticas no que diz respeito ao comando Desfazer que, ao meu ver, é uma edição manual (passível de modificações antes de ser desfeito) e necessário para o novato já ter o costume de combater o vandalismo justificando no sumário de edições. WikiFer msg 23h25min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)
@WikiFer: Uma edição que ao desfazer também modifique conteúdo nunca é contabilizada como desfazer. JMagalhães (discussão) 15h05min de 22 de janeiro de 2020 (UTC)
JMagalhães Só que o XTools registra essa edição como semiautomática porque usou o botão Desfazer, é isso que deve ser questionado, pois nem sempre todo conteúdo a ser desfeito pode ser considerado vandalismo. Às vezes o sujeito inclui vandalismo + conteúdo válido ao mesmo tempo, o que resultaria num ajuste da edição desfeita modificando a edição antes de salvar. WikiFer msg 15h11min de 22 de janeiro de 2020 (UTC)
@WikiFer: É isso que estou a dizer. Se a edição for mais do que desfazer, não é contanilizada como desfazer. JMagalhães (discussão) 15h14min de 22 de janeiro de 2020 (UTC)
JMagalhães Neste caso, o número de edições válidas pelo comando Desfazer teria que ser analisado caso a caso; só não seria subjetivo para os burocratas aplicarem requisito das 2000 edições se este já cumprir a quantidade das não-semiautomáticas. WikiFer msg 15h21min de 22 de janeiro de 2020 (UTC)

  Concordo José Luiz disc 03h04min de 21 de janeiro de 2020 (UTC)

jbribeiro1, já que você concordou com a Proposta 2, seria interessante você opinar sobre a Proposta 4, que engloba a 2.--Mister Sanderson (discussão) 11h30min de 25 de janeiro de 2020 (UTC)

Há edições por ferramentas automáticas que não são marcadas como tal. Por isso, algum cuidado com isso. GoEThe (discussão) 11h48min de 21 de janeiro de 2020 (UTC)

Proposta 2.1: deixar de contabilizar edições automáticas para o acesso a estatutos e considerar experiência técnicaEditar

Em adição ao texto do JMagalhães, também considero oportuno que os candidatos tenham experiência técnica (reversor e autorrevisor), bem como participação regular nos meandros da comunidade. Então proponho em adição:

1. Mínimo de 1 ano de experiência regular com a ferramenta de reversão e/ou autorrevisão (atribuída após pedido);
2. Participação regular nas discussões de eliminação, EAD, entre outras de relevância para se qualificar a experiência pregressa do candidato;

-- EVinentefale comigo 14h54min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)

  Concordo exceto quanto ao "atribuída após pedido". Se a pessoa quer ferramentas que permitem bloquear e eliminar páginas, deve demonstrar que tem algum conhecimento nessas áreas (até porque, os estatutos são para ajudar o editor em tarefas que estão desempenhando.FábioJr de Souza msg 15h19min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)

  Concordo com o ponto I, mas não com o II, que é subjetivo e portanto não pode ser um critério mínimo, aferido sumariamente como pressuposto de abertura do pedido. A participação em discussões ou votações deve ser julgada pela comunidade, e não pelos burocratas quando estes avaliam se o pedido pode ou não continuar. Érico (disc.) 15h21min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)

Érico, o ponto I não é subjetivo também? O que é "experiência regular"? Não é algo que vai variar dependendo do burocrata que avaliar o pedido?--Mister Sanderson (discussão) 11h27min de 22 de janeiro de 2020 (UTC)
MisterSanderson Não é subjetivo. Está lá: 1 ano de experiência regular como autorrevisor ou reversor. Não permite julgamento político pelos burocratas. Érico (disc.) 13h39min de 22 de janeiro de 2020 (UTC)
Érico, existe uma grande diferença entre "1 ano de experiência" e "1 ano de experiência regular". A questão é que para o primeiro termo, basta conferir a data de atribuição do estatuto de autorrevisor/reversor, contar se passaram-se 12 meses, e dar um resultado. Para o segundo termo, por causa da palavra "regular", torna-se necessário ver quão assiduamente o estatuto foi realmente usado, mas não há um padrão de referência para diferenciar "1 ano de experiência regular" de "1 ano de experiência irregular". Com base em quê um burocrata poderá afirmar que a experiência não foi regular?--Mister Sanderson (discussão) 13h55min de 22 de janeiro de 2020 (UTC)

  Concordo com o conteúdo exposto pelo JMagalhães na proposta de número 2.

Os atuais requisitos mínimos são fracos, pois: (i) "protege" a comunidade de um "novato" obter as ferramentas por apenas seis meses, sendo que alguns banidos vem tomando pose de contas já existentes. (ii) estabelece um número mínimo de edições facilmente atingido por ferramentas (semi)automáticas.

Sobre o que propôs o EVinente, concordo com o primeiro item; contudo, o segundo item é um pouco subjetivo. Quem irá determinar que o usuário tem participação regular (o que seria regular?). Eu vejo o segundo item como um requisito dos participantes das candidaturas em avaliar a aptidão do candidatado. Edmond Dantès d'un message? 16h05min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)

  Concordo com o item i,   Discordo da frase "atribuída após pedido e   Discordo do item ii, per anteriores. Millennium bug 16h38min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)

  Concordo com o primeiro item da proposta, mas discordo do segundo dela, pelo mesmo motivo dos usuários acima. Leandro Drudo (discussão) 16h44min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)

  Discordo em absoluto do primeiro ponto. A ideia á primeira vista até parece boa. Mas ninguém considerou o escandaloso potencial de abuso que isto tem. Se um administrador não quiser que um desafeto seja alguma vez eleito sysop, basta remover lhe um dos estatutos, fazendo com que uma decisão da comunidade passe a ser unilateral. E pode continuar a fazer isto indefinidamente, na prática minando qualquer possibilidade do desafeto ser avaliado pela comunidade. (e não, não venham dizer que ações vingativas não acontecem neste projeto nem que não é possível pegar um toda e qualquer miudeza para "justificar" a remoção) JMagalhães (discussão) 17h12min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)

  Discordo. Tornar-se administrador não é uma "promoção" dos demais estatutos. Além das ferramentas serem independentes umas das outras, um administrador não precisa ser ativo no combate ao vandalismo para ser eleito, já que cada um é livre para atuar na área que mais lhe apetecer. Impor que alguém precise reverter edições só fomenta a cultura de termos editores-robôs como administradores. Pedro H. diz×fiz 17h28min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)

  Discordo do ponto I, que abre subjetividade quanto ao "mínimo de 1 ano com experiência regular". Uma conta pode editar de forma ativa no mês de janeiro e fevereiro, se ausentar entre março e maio, depois volta em junho, e ausenta no mês de setembro... por aí vai. A verdade é que exigir 1 ano de experiência pode abrir interpretações se esta "experiência" deve ocorrer durante um ano de atividade ou um 12 meses completo em contribuições com o projeto, ignorando o período de ausências. Quanto ao ponto II, não podemos esquecer que os requisitos mínimos é uma prerrogativa para os burocratas determinarem se um PDA está apto para ser validado ou não; portanto, exigir participação em discussões de eliminação, EADs, e entre outros, é uma função da comunidade avaliar, não dos burocratas. WikiFer msg 18h13min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)

  Discordo de ambos os pontos pelo que foi exposto pelo JMagalhães. --HVL disc. 19h17min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)

  •   Concordo com o primeiro item, mas não com i segundo. Chronus (discussão) 21h32min de 27 de janeiro de 2020 (UTC)

Proposta 3Editar

Lanço aqui uma terceira proposta:

"Um administrador deve possuir estatuto de eliminador/reversor por pelo menos seis meses e 1000/500 ações administrativas".

Assim foca nas ações administrativas e não em edições comuns, sem deixar de considerar essas edições. Pra deixar claro: 1000 ações administrativas pra eliminador e 500 pra reversor (que só pode bloquear). -- Sete de Nove msg 15h31min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)

  Concordo Há a necessidade de se aplicar regras mais rigorosas aos estatutos, sobretudo no que se diz a respeito a ferramentas sensíveis. Deixar de contabilizar edições automáticas é uma proposta importante, não é difícil atingir 2000 edições através de ferramentas automatizadas, há também a necessidade de avaliar criteriosamente o editor através de suas contribuições "manuais" e benéficas ao projeto, bem como uma análise comportamental e participações em discussões da comunidade. Ações administrativas também são importantes para melhor avaliação do candidato. Embora não considere as propostas apresentadas como a solução definitiva ao problema, dificultará e reduzirá o êxito de aliciadores e a obsessão pelo poder. Jhonnycach (Discussão) 16h02min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)

Em relação à proposta 3 em especial, também estou em desacordo. Cada um possui vocações e áreas de atuação dentro do projeto, e cada um deles tem sua importância. É problemático um editor(a) se submeter em uma área de atuação em que não possui afinidade por números, nem todos atuam em eliminações e um administrador atua em diversas áreas. A observação feita pelo Millennium bug é importante. Jhonnycach (Discussão) 19h27min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)
Jhonnycach, a Proposta 3 desconsidera que cada administrador tem diferentes vocações. Presume que todos devem necessariamente se especializar em eliminações. O que você tem a dizer a respeito disto?--Mister Sanderson (discussão) 11h29min de 22 de janeiro de 2020 (UTC)
MisterSanderson, conforme citei acima, discordo desta proposta. Ter conhecimentos sobre a política de eliminação é importante, mas ser ativo na área não deveria ser fator crucial para admissão de administradores. As ferramentas administrativas oferecem muito mais tarefas a serem executadas, como proteções, bloqueios estendidos, gerenciamento de privilégios, supressões...muitos fatores devem ser levados em consideração. Jhonnycach (Discussão) 11h50min de 22 de janeiro de 2020 (UTC)
Jhonnycach, você não disse que discorda. Seu comentário é um "concordo". Será que você se confundiu?--Mister Sanderson (discussão) 12h38min de 22 de janeiro de 2020 (UTC)
MisterSanderson Concordei com as propostas anteriores e fiz um novo comentário discordando deste em particular, embora discorde também do ponto I da proposta 2.1, como bem observado pelo JMagalhães. De fato ficou confuso e peço desculpas por isto. Jhonnycach (Discussão) 12h45min de 22 de janeiro de 2020 (UTC)

  Discordo Cada admin tem vocações diferentes. Não é necessário ser mestre em bloqueio de ip ou em eliminação para o estatuto. Não dá para substituir a análise de cada votante sobre o usuário por um calhamaço de critérios objetivos - aí, sim, pode dificultar e desestimular quem tenha vocação mas não tenha saco paciência ou prazer para ficar o dia inteiro fazendo tarefas repetitivas. Assim, do mesmo modo que se está desvalorizando a tarefa repetitiva em uma proposta, se valoriza tal tarefa em outra. Então, os requisitos, ao se acumularem, se somam: o candidato terá que ter 2000 edições no DP sem contabilizar os automatizados e, além dessas edições terão que ter mais duas mil reversões, para que um quarto dessas resultem em bloqueio. Conclusão: requisito demais e desnecessário. Millennium bug 16h27min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)

PS: Ao "quantificar" bloqueios e eliminações como portfolio de realizações da conta, há um problema até mais sutil aqui: o usuário que estiver nesta fase será tentado a bloquear ou eliminar, em detrimento das outras opções, como não bloquear, manter em observação, avisar, impugnar ER, melhorar e ajudar a manter, mandar para PE, não necessariamente porque aquelas sejam as ações melhores, mas porque dão número. Enfim, "remunerar um policial pelo número de prisões ou um juiz pelo número de condenações" nunca foi uma boa ideia. Millennium bug 16h34min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)

Tal como o Millennium bug, também acho que cada administrador pode ter uma vocação diferente, e que por isso não se deve cobrar que todos sejam canivetes suíços. Mas, por enquanto, prefiro não opinar oficialmente sobre a Proposta 3.--Mister Sanderson (discussão) 16h33min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)

  Comentário Como Érico destacou, estamos a analisar aqui critérios objetivos. Os subjetivos são tratados quando vamos votar no candidato. Então, o que for decidido aqui, lógico que não vai resolver definitivamente os problemas, mas entendo que nem devemos pensar nisso no tocante aos critérios objetivos. Esses critérios objetivos só servem para o burocrata avaliar se ele pode pedir ou não o estatuto. É por isso que   Discordo da proposta 2.1, Sobre a proposta 3, entendo que está valorizando mais as pessoas que usam ferramentas de edições semiautomáticas. E como bem disse Millennium bug, algumas pessoas podem ficar tentadas e até mesmo abusar da ferramenta de bloqueio, por isso, apesar de eu apreciar a proposta de 79a, eu não acho viável a proposta 3, mas vou ficar neutro. ✍️A.WagnerC (discussão) 16h39min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)

  Discordo Nem todos os administradores têm interesse por eliminações. A ferramenta é muito ampla e as atribuições de administrador são muito diversas. JMagalhães (discussão) 17h17min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)

  Discordo, per Millennium. Pedro H. diz×fiz 17h29min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)

@Millennium bug, A.WagnerC e JMagalhães: Eu não especifiquei "eliminações", mas "ações administrativas". Quanto aos "abusos", se ocorrerem, é um bom motivo pra não atribuir o estatuto. Será que 1000/500 ações administrativas em seis meses é muita coisa? A ideia aqui é ver o que o editor faz com as ferramentas que tem e criar "efetivamente", um "estágio" (obrigar a passar antes por "eliminador" ou "reversor", e isso não é difícil). Se não faz uso dessas ferramentas, será que precisa do estatuto maior? -- Sete de Nove msg 17h37min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)
O estatuto de administrador tem muito mais ferramentas e atua em muito mais áreas do que eliminação de páginas. JMagalhães (discussão) 17h50min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)
@JMagalhães: É ações administrativas (você leu o que eu escrevi?) -- Sete de Nove msg 17h55min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)
Uma ação administrativa é uma ação que no software MediaWiki só possa ser realizada com privilégios de administrador. Vou considerar que eliminações são também ações administrativas, dado que o estatuto de eliminador é uma versão light do de administrador. De resto, não percebo o que é bque entende por ações administrativas. É bloqueio por reversores? Está a exigir que para alguém se poder candidatar a administrador tenha que ter bloqueado 1000 pessoas nos últimos seis meses? Balha-me deus... JMagalhães (discussão) 18h05min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)

  Discordo da proposta 3. Nem todo administrador precisa se candidatar a eliminador para estar apto a flag. Eu, por exemplo, fui eleito sysop em 2015 sendo apenas autorrevisor e reversor. Além disso, a quantidade de bloqueios (nível reversor) cabe a comunidade avaliar, não aos burocratas. WikiFer msg 18h13min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)

  Comentário Eu conheço uma administradora muito boa, mas que usa pouco as ferramentas de ação administrativa. ✍️A.WagnerC (discussão) 19h02min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)

  Discordo segundo o que foi colocado pelo Millennium bug. Eu próprio atuo muito pouco na eliminação de páginas. --HVL disc. 19h17min de 20 de janeiro de 2020 (UTC)

Também me ponho como   Neutro nessa proposta. Micael D. Oi, meu chapa! 13h43min de 25 de janeiro de 2020 (UTC)

Proposta 4 – adendo das propostas 1 e 2Editar

Com base no que foi discutido nas propostas anteriores, lanço essa aqui para determinar o consenso e aplicar no texto da política de administradores:

Para solicitar a permissão de administrador, o usuário, deverá possuir:

  • Uma conta com pelo menos seis meses um ano de registro;
  • 2 000 edições válidas no domínio principal;
    • Edições semiautomáticas não são contabilizadas (com exceção do botão Desfazer);

Os usuários que não cumprirem os requisitos supracitados poderão ter seus pedidos cancelados a qualquer momento por um burocrata antes do prazo de encerramento.

Acredito que isso já é suficiente para aplicar o consenso. WikiFer msg 15h32min de 22 de janeiro de 2020 (UTC)

  Discordo, é essencial para mim que o prazo mínimo de registro seja de, pelo menos, 12 meses. A sua proposta anularia a minha proposta original.--Mister Sanderson (discussão) 16h44min de 22 de janeiro de 2020 (UTC)
MisterSanderson Mas a sua proposta foi refutada pelo JMagalhães sob alegação que deve-se avaliar um usuário com base no desempenho das edições no domínio principal, além de que aumentar o tempo não mudará a cultura como a comunidade deve avaliar um candidato. WikiFer msg 16h51min de 22 de janeiro de 2020 (UTC)
Eu não me posicionei contra a proposta. Só comentei que era insuficiente e que o problema é mais cultural do que técnico. JMagalhães (discussão) 16h59min de 22 de janeiro de 2020 (UTC)
Não se posicionou contra, mas apresentou razões pelas quais o período de tempo não seria benéfico para a proposta. Além disso, outros usuários também chegaram a se manifestar a respeito do tempo também. WikiFer msg 17h11min de 22 de janeiro de 2020 (UTC)
Risquei minha discordância pois agora o texto da Proposta 4 já foi alterado para uma forma da qual não discordo.--Mister Sanderson (discussão) 19h09min de 22 de janeiro de 2020 (UTC)

Esta "proposta 4" só está a gerar confusão desnecessariamente. A primeira parte é a repetição da proposta 1. A segunda parte é a repetição da proposta 2, com a única diferença de desfazer uma edição não contar como edição semi-automática. Sobre este último ponto já tinha sido referido que quando se desfaz uma edição E se modifica de alguma forma o conteúdo, essa edição não é contabilizada pelo XTools como "desfazer". JMagalhães (discussão) 19h51min de 22 de janeiro de 2020 (UTC)

JMagalhães A proposta 4 é um adendo das propostas 1 e 2, com a inclusão de abrir uma exceção em relação ao botão Desfazer pois o XTools identifica estas edições como semiautomática (meus dados constam mais de 2 mil edições pelo desfazer como semiautomática). Sendo assim, é importante deixar bem claro para os burocratas antes de legalizar qualquer candidatura para uma PDA – este adendo é para estabelecer o consenso. WikiFer msg 19h57min de 22 de janeiro de 2020 (UTC)
As duas propostas iniciais já estavam encaminhadas para o consenso, com praticamente unanimidade a favor. Essa questão do desfazer ou não pode ser perfeitamente levantada na própria proposta e deixada à consideração dos restantes. Quem concordar consigo pode referir que tem igual posição. Não é preciso abrir duas propostas para a mesma coisa, que só vão gerar confusão para a obtenção de um consenso. JMagalhães (discussão) 20h03min de 22 de janeiro de 2020 (UTC)
Também acho inadequado lançar uma nova proposta que incorpore duas outras só para mudar um detalhe de uma delas. Parece-me um tiro no pé, pois repetitividade tende a não atrair participação da comunidade. Só espero que não acabe atrapalhando as demais propostas dessa forma. --Mister Sanderson (discussão) 20h06min de 22 de janeiro de 2020 (UTC)

  Comentário Dei uma reformulada na subseção da proposta 4, registrando o adendo, acredito que isso pode ter gerado a tal confusão. No entanto, a proposta 4 já deixa organizado como se deve ser alterado a política de administradores, cabendo apenas decisão sobre este tema do XTools, algo que até o usuário Pedrohoneto levantou esta questão. Isto não é um problema que vai atrapalhar um consenso que já foi estabelecido em duas propostas anteriores. WikiFer msg 20h11min de 22 de janeiro de 2020 (UTC)

Repito e esclareco o que disse na proposta 2. Há ferramentas automáticas que não são contadas no X-tools, porque não deixam nenhuma indicação diagnóstica no sumário de edição. É temerário fiar-se nisso para determinar que uma edição não é automática. GoEThe (discussão) 16h20min de 24 de janeiro de 2020 (UTC)
Quais? JMagalhães (discussão) 16h29min de 24 de janeiro de 2020 (UTC)
GoEThe O sistema do XTools costuma deixar de registrar edições semiautomáticas. Eu já realizei aprox 1000 edições com AWB em 2015 e o site não registrou. A proposta 2 descarta edições semiautomáticas; já a proposta 4 é um adendo que abre uma exceção ao botão Desfazer. WikiFer msg 16h31min de 24 de janeiro de 2020 (UTC)
o Java wiki browser que eu saiba, pelo menos, e qualquer uma que não esteja nessa lista, em geral, obviamente. Mesmo o Awb tem uma opção para n colocar no sumário de edição que ele foi usado. GoEThe (discussão) 19h35min de 24 de janeiro de 2020 (UTC)
Ok, vou requisitar a inclusão. JMagalhães (discussão) 23h03min de 24 de janeiro de 2020 (UTC)
Eu já pedi em [1], mas não parece ser possível. GoEThe (discussão) 11h19min de 28 de janeiro de 2020 (UTC)

  Concordo com os termos exatos da proposta 4. Argumentos já apresentados. Por mim, encerra! ✍️A.WagnerC (discussão) 20h25min de 24 de janeiro de 2020 (UTC)

  Concordo com a proposta e com encerrar o debate. Millennium bug 04h09min de 25 de janeiro de 2020 (UTC)

  Concordo com a proposta final. Vanthorn® 04h31min de 25 de janeiro de 2020 (UTC)

  Concordo com a proposta final. Micael D. Oi, meu chapa! 13h45min de 25 de janeiro de 2020 (UTC)

  Concordo com a proposta e encerrar a questão. FábioJr de Souza msg 14h50min de 25 de janeiro de 2020 (UTC)

Esta "proposta 4" só está a confundir. O texto repete as propostas 1 e 2, que já tinham um amplo consenso. A única diferença é a introdução de um adendo que propõe que desfazer edições volte a ser incluído nas contas para obtenção do estatuto. No entanto, isto não está nada claro. Creio que as pessoas estão a apoiar convencidas que isto é a proposta 1 e 2 em conjunto. E sobre o adendo em si, eu   Discordo. O objetivo destas propostas tem sido assegurar que o candidato tem um mínimo de histórico na criação/melhoria de conteúdo, respeitando o espírito da regra. Nesse contexto, em que é que desfazer edições é diferente de desfazer edições com o botão de reversão, com o script reversão e avisos ou com o Huggle? Nenhum. Qual é o sentido de uma candidatura de alguém que a única coisa que fez no projeto foi desfazer 2000 edições? Em que é que isso é diferente de usar outros scripts? Em que é que isso combate exatamente a fantocheria? JMagalhães (discussão) 15h44min de 25 de janeiro de 2020 (UTC)

Acredito que você esteja esquecendo que o estatuto de administrador é redundante com o de reversor, que exige que o usuário tenha conhecimento no combate ao vandalismo para receber a flag. O uso do comando Desfazer é uma prática recomendável para todos os usuários que estão iniciando no projeto, podendo justificar edições no sumário, além de modificar parte do texto a ser desfeito antes de salvar uma edição. Portanto, seu parecer, na verdade, está prejudicando o consenso de toda esta discussão, uma vez que o adendo é justificamente para resolver esta questão que o usuário Pedrohoneto registrou antes mesmo da minha avaliação sobre a proposta 2. Alegar que "está a confundir" é subestimar os cinco pareceres favoráveis pela proposta 4 acima, que já inclui tudo que foi discutido por aqui. WikiFer msg 16h18min de 25 de janeiro de 2020 (UTC)
Que confusão sem pés nem cabeça. Exigir que a pessoa tenha no mínimo 2000 edições de afetivo acréscimo/melhoria de conteúdo não significa que a pessoa não possa ter também ações de combate ao vandalismo. As duas coisas não são mutuamente exclusivas. Também já lhe foi dito vezes sem conta que desfazer e modificar conteúdo não conta como edição automática. O que o seu adendo vai permitir é que novatos que nunca criaram/modificaram conteúdo se possam candidatar a administrador. Por outras palavras, é sabotar toda a proposta e voltar praticamente ao ponto onde estamos, onde fantocheiros chegam à administração com um mínimo de trabalho e só a desfazer vandalismo óbvio. JMagalhães (discussão) 16h34min de 25 de janeiro de 2020 (UTC)
É justamente por isso que a proposta 4 é necessária, pois uma pessoa também deve ter ações no combate ao vandalismo sem a necessidade de usar uma ferramenta semiautomática, isso não impedirá que o usuário contribua no domínio principal. Por outro lado, todas as edições do comando Desfazer é contabilizado como edição semiautomática, eu mesmo já provei isso apresentando mais de 2 mil edições recentes minha sobre este botão. A proposta 4 é para abrir uma exceção sobre este comando, para que os burocratas possam desconsiderar o comando Desfazer da lista de edições semiautomáticas. Não se pode confundir um comando atribuído para todos os usuários deste projeto com a prática de novatos nunca modificarem conteúdo, pois para usar AWB precisa ser autorrevisor, para usar o Huggle precisa ser reversor, a única forma de um fantocheiro burlar o sistema é usando FastButtons e Reversão e Avisos, estes sim possuem comandos que vão além da prática de desfazer um vandalismo. Da mesma forma que usuários bem intencionados podem expandir conteúdo de artigos, podem também desfazer vandalismos de artigos que eles já vigiam no projeto, usando um botão já disponível para todos eles, é a prática da presunção de boa-fé. WikiFer msg 16h46min de 25 de janeiro de 2020 (UTC)

Concordo com o teor da proposta, mas   Neutro em relação à inclusão da opção "Desfazer" na contagem de edições. Se por um lado indica que a conta tem interesse em combater vandalismo, pelo outro basta um mal intencionado desfazer 1600 vandalismos manualmente intercalados com outras 400 de adição de fonte em um esboço aleatório para que a comunidade o veja como apto. Com isso eu realmente opto por me abster nesse ponto, mas caso seja dada uma alternativa ou eu mesmo pense em algo posso voltar para opinar. --HVL disc. 17h12min de 25 de janeiro de 2020 (UTC)

Contudo, a comunidade seria soberana para questionar as múltiplas edições de vandalismos desfeitos do usuário, a ponto de avaliar se este receberia a flag de administrador ou não. A proposta que está sendo alterada aqui é apenas como os burocratas deverão legalizar a abertura de uma PDA. WikiFer msg 17h20min de 25 de janeiro de 2020 (UTC)

  Comentário É importante ter em mente, também, que quem vai decidir se a pessoa vai ser eleita ou não é a comunidade. Então, se a pessoa abusou do botão desfazer, isso vai ser levado em conta. Ademais, a conta terá que ter um ano de registrada. Só usar o botão desfazer durante um ano....FábioJr de Souza msg 17h50min de 25 de janeiro de 2020 (UTC)

  Concordo com essa última proposta apresentada. --Editor DS.s (discussão) 02h40min de 26 de janeiro de 2020 (UTC)

  Comentário As propostas estão apenas avaliando os critérios de admissibilidade para a candidatura. Não precisa haver muita complexidade. Se houver suspeita de que o candidato é um fantocheiro, é só votar contra. É bom lembrar que o requisito de aprovação é de 75%. ✍️A.WagnerC (discussão) 03h08min de 26 de janeiro de 2020 (UTC)

  Contra, não é necessária uma Proposta 4 se a Proposta 1 e a 2 já são suficientes.--Mister Sanderson (discussão) 10h52min de 28 de janeiro de 2020 (UTC)

Consenso?Editar

Parece quase unânime que a vontade da comunidade é aumentar o rigor dos requisitos mínimos para o estatuto de administrador. Houve ampla concordância com duas das propostas, que foram, posteriormente, sintetizadas nesta última proposta com um adendo. Embora tenha havido alguma divergência sobre a conveniência ou não de se criar essa proposta autônoma com a repetição das anteriores ou, alternativamente, se discutir unicamente o adendo, parece que, ao fim, os editores que opinaram concordam com o conteúdo da proposta 4. Podemos encerrar isso e aplicar? Millennium bug 01h21min de 28 de janeiro de 2020 (UTC)

Millennium bug De minha parte, encerrar. FábioJr de Souza msg 03h00min de 28 de janeiro de 2020 (UTC)
De minha parte também. ✍️A.WagnerC (discussão) 03h13min de 28 de janeiro de 2020 (UTC)

A proposta 4 não é uma síntese das propostas 1 e 2. As propostas 1 e 2 já tinham um consenso praticamente apurado, depois apareceu esta proposta 4, que se fez passar por um texto praticamente idêntico ao das duas, mas que na realidade introduziu um adendo: não contar edições de desfazer como edições automáticas. Como é evidente, isso é dar uma volta de 360º e sabotar por completo a proposta 2, voltando exatamente ao ponto onde estávamos no início. Foi toda a gente na conversa da "proposta de síntese", sem na realidade se ter apercebido disto. O consenso é para aplicação das propostas 1 e 2. JMagalhães (discussão) 07h48min de 28 de janeiro de 2020 (UTC)

Vc é favorável a contar o uso do botão desfazer como edição automática? Normalmente, usamos esse botão em reversões não óbvias, que merecem uma análise, um sumário, mormente quando não se trata de vandalismo. Entendo sua preocupação e concordo com ela, no sentido de que algum editor abuse dessa dessa opção, revertendo vandalismo desta forma, como forma de "burlar" os requisitos ou mesmo por não ter ainda o botão de reversão. No entanto, se formos mais fundo nesta discussão de valoração de edições, veremos que o buraco é mais embaixo, porque existem outras formas de fraudar esta exigência. Apenas para pensar num exemplo simples sem se esforçar muito para isso, se o "aspirante" em questão sair aleatoriamente procurando erros triviais como falta de vírgula ou sua colocação incorreta ou mesmo fazendo mínimas melhorias na estrutura sintática, sem usar o AWB para isso, necessariamente essas edições são valoradas como melhor do que as do Huggle ou Fastbuttons? O fato é que estamos arrastando a discussão por minúcias que não têm tanta importância, porque o "problema", se é que se pode dizer assim, só pode ser resolvido a partir da análise, caso a caso, de cada PDA, subjetivamente, na qual a qualidade da atividade do editor pode ser valorada. Dada a situação atual, só vejo duas soluções para essa discussão não se tornar interminável: ou uma parte cede e concorda com o adendo, ou, alternativamente, aplicamos as duas propostas iniciais afirmando apenas que edição automática é o que o XTools diz que é e abrimos, em seguida, outra proposta para regulamentar essa definição e, eventualmente "abrandar" as alterações aqui deliberadas. Por mim, pelo bem do consenso, concordo com a aplicação das propostas 1 e 2, se os demais editores cederem de igual modo. Millennium bug 10h14min de 28 de janeiro de 2020 (UTC)
Não é uma questão de ser "favorável". O recurso ao botão desfazer é e sempre foi considerado uma edição automática: não é mais do que um atalho para fazer o artigo voltar automaticamente ao texto da versão anterior. Ter uma candidatura de alguém que nunca fez mais nada do que desfazer 2000 edições continua a padecer do mesmo problema inicial: não houve real trabalho de acréscimo/melhoria de conteúdo. Por outro lado, rever gamaticalmente e ortograficamente um texto é trabalho a sério, ainda que as diferenças em kb sejam mínimas. As propostas 1 e 2 estavam praticamente aprovadas. A "minúcia" e implicância vieram depois. Eu avisei ao início que só ia criar confusão e arrastar a discussão. Para não variar, estava certo. JMagalhães (discussão) 10h20min de 28 de janeiro de 2020 (UTC)
Tudo bem, embora discordando de que desfazer necessariamente não seja um trabalho a sério, peço que os demais opinem sobre a aplicação das propostas 1 e 2. Millennium bug 10h56min de 28 de janeiro de 2020 (UTC)

  Comentário Já pode aplicar o consenso da proposta 4, que unifica tudo e estabelece o adendo pela remoção do comando Desfazer na lista de edições semiautomáticas. Nesse exemplo aqui, desfiz conteúdo sem fonte e, posteriormente, o usuário desfez minha edição inserindo fonte (a edição dele jamais deve ser considerado como semiautomática), é justamente situações como essa devem ser contabilizados no número de edições principal. Desfazer vandalismo ou conteúdo sem fonte, podendo inserir referência e corrigir a edição desfeita é a prova de que este deve ser uma exceção. Ninguém está acima de uma decisão majoritária, a comunidade é soberana na aplicação de qualquer consenso na Esplanada; resultado contrário a isso é subestimar da inteligência dos usuários que deram parecer favorável a proposta. WikiFer msg 12h47min de 28 de janeiro de 2020 (UTC)

O botão "desfazer" permite a inclusão de edições manuais. É diferente do botão "reverter" que é automático. Logo,   Concordo com as propostas 1,2 e 4. Se não há consenso quanto a isso, que se abra uma votação. ✍️A.WagnerC (discussão) 12h54min de 28 de janeiro de 2020 (UTC)

Consenso da proposta 1 (aumentar de seis meses para um ano)Editar

Enquanto se discute o que é considerado edição semi-automática e como contabilizar edições, há consenso que o período mínimo deve passar de seis meses para um ano. Podemos aplicar? Millennium bug 15h15min de 1 de fevereiro de 2020 (UTC)

@Millennium bug: De acordo. ✍️A.WagnerC (discussão) 15h35min de 1 de fevereiro de 2020 (UTC)
Millennium bug Sim, também estou de acordo. Houve consenso pela proposta 1. WikiFer msg 15h41min de 1 de fevereiro de 2020 (UTC)

Bom, acho que não há por que não aplicar, já que todos concordam. Assim,   Feito. Millennium bug 16h11min de 1 de fevereiro de 2020 (UTC)

E os burocratasEditar

Por uma questão, no mínimo, de isonomia, creio que seria o caso de aplicar também em WP:POLB. Millennium bug 16h15min de 1 de fevereiro de 2020 (UTC)

Millennium bug Neste caso, eu tenho que discordar porque o critério para eleição de eliminadores e burocratas é por consenso, diferente de sysop que é por votação. São funções diferentes que requer do usuário mais conhecimento da política do que técnico. WikiFer msg 16h19min de 1 de fevereiro de 2020 (UTC)
  Discordo Burocratas eu acho desnecessário modificar, eliminadores também. Não vamos ampliar a discussão, que durante todo esse tempo se referiu a administradores. ✍️A.WagnerC (discussão) 16h55min de 1 de fevereiro de 2020 (UTC)
  Discordo pelas razões dos que me atecederam. Ademais, está difícil encontrar um consenso nos administradores. Vamos resolver esse e depois faz-se uma proposta sobre os demais.FábioJr de Souza msg 18h35min de 1 de fevereiro de 2020 (UTC)
Voltar à página de projeto "Administradores".