Wikipédia Discussão:Política de bloqueio/Nova política

Discussões ativas

Veja também Wikipedia Discussão:Votações/Política de bloqueio/Tentativa de consenso

Obs.: o trecho seguinte está "compactado" de modo a despoluir visualmente o contexto da página toda.

Fundamentos da política de proteção de páginas e restrição às edições por IP.Editar

Deve ter havido "N" motivos que levou essa comunidade a desenvolver medidas que restringem o livre acesso a wikipedia das informações de colaboradores anônimos medida essa que tem como resultado a constante reversão de informações, mesmo as procedentes, pelos administradores fato que é considerado um ato de vandalismo no estatuto original.Wilson Simão (discussão) 15h29min de 9 de Fevereiro de 2008 (UTC)

Para dar inicio as contestações sobre essa atitude que reconheço claramente contrária aos estatutos originais da Wikipédia, gostaria que expusessem aqui as principais razões que os levaram a agir dessa forma.

'Motivo 1'

Aconselho a leitura atenta das seguintes Políticas/Recomendações da Wikipédia:
EuTugamsg 10h24min de 27 de Março de 2008 (UTC)

Não entendi nada. Alguém poderia me esclarecer? Lipe λ FML 20h01min de 27 de Março de 2008 (UTC)

O Wilson Simão quer saber porque os administradores (como quaisquer outros editores) revertem edições e retiram informações colocadas nos artigos, e eliminam/votam para eliminar artigos. Embora seja off-topic, a resposta está nas páginas que indiquei acima. EuTugamsg 15h34min de 28 de Março de 2008 (UTC)

Sobre o item 4 da nova políticaEditar

Vou listar desde já as minhas sugestões para discussão nos detalhes finais da política de bloqueio (copiadas da discussão do item 9), visto que vou estar ausente da Wikipédia por uns dias:

  1. Usuários que tenham sofrido bloqueios justificados nos últimos X meses (nº em aberto, por mim entre 3 e 6 seria razoável) não possam votar na referida votação. Isto destinar-se-ia a prevenir eventuais abusos por parte de usuários que foram correctamente bloqueados. Por exemplo:
    • Usuário bloqueado, sem que tenha havido Pedido de Revisão do Bloqueio - Assume-se que o bloqueio foi correcto, logo não pode votar neste tipo de votações nem abrir processos de Pedido de Suspensão durante X meses após o fim do tempo de bloqueio;
    • Usuário bloqueado, fez Pedido de Revisão do Bloqueio, o bloqueio foi mantido (com ou sem alteração de duração) - Não pode votar neste tipo de votações nem abrir processos de Pedido de Suspensão durante X meses após o fim do tempo de bloqueio;
    • Usuário bloqueado, fez Pedido de Revisão do Bloqueio, o bloqueio foi levantado por se considerar injustificado - Pode votar e abrir processos de Pedido de Suspensão livremente.
  2. Podia estabelecer-se que a pena por tentar fraudar estas votações com recurso a socks seria mais pesada do que noutro tipo de votações. Por exemplo, a pena a aplicar seria a máxima definida para o uso indevido de socks.
  3. Sei que já foi falado, mas não sei se teve apoio a ideia de os votos serem como na Wikipédia inglesa e no Commons, em que não basta por o nome mas é obrigatório justificar o voto;
  4. Este tipo de votação só poderá aparecer ligada a um caso concreto de abuso comprovado e actual. Ou seja, que não apareçam pedidos baseados em N difs antigos ou invocando situações anteriores à situação em causa como justificação para a sanção (excepto se o "abuso" em causa for Aplicar o tempo de bloqueio máximo de forma sistemática e sem justificativa plausível, que exige a demonstração de um comportamento continuado no tempo) - Deve julgar-se um abuso concreto e actual. Esse tipo de "julgamento" de todo o historial do administrador só deve ser feito nos Pedidos de Desnomeação, em que então sim, deve-se ponderar tudo.
  5. Na secção "Julgamento e punição" se altere a frase "Caso insista, deve ser desnomeado." por "Caso insista, deve ser feito um pedido de desnomeação." - convém lembrar que a desnomeação de administradores não pode ser feita localmente, e que para levar a desnomeação até instâncias superiores é preciso algo sólido como um Pedido de Desnomeação votado pela comunidade ou um pedido do próprio em como renuncia ao estatuto de administrador.

EuTugamsg 15h34min de 28 de Março de 2008 (UTC)

Comentando os itens do EuTuga:

  1.   Neutro Sinceramente não sei, pois limita um pouco a chance de defesa. O problema é justamente definir os bloqueios "justificados". Não acho que os itens citados podem afirmar que um bloqueio tenha sido justificado ou não. Erro coletivo é comum e já vimos várias vezes. Em qualquer caso, creio que o que se sentiu prejudicado terá que ter apoio de outras pessoas. Sem apoio não faz nada. E, para ter apoio de alguém, é porque precisa ter argumentos para convencer esse alguém.
  2.   Concordo. No caso, é 6 meses.
  3.   Neutro. Eu prefiro o voto justificado, mas creio que se a pessoa não disser nada, é porque concorda com o proponente; não seria necessário dar CTRL+C CTRL+V. A não ser que o argumento tivesse que ser diferente (o que não faz sentido).
  4.   Concordo. Podemos até definir um limite, em que "diffs" não poderão ser usados como provas para nada se for mais antigo que 6 meses ou 1 ano, por exemplo.
  5.   Neutro. Pode ser, mas tem um porém: em caso de insistência de um administrador não cumprir a punição dada, a comunidade (maioria simples) não poderá ter autonomia para vetar a desnomeação dele. Vamos imaginar um caso bem ruim: o administrador bloqueou uns 3 usuários sem motivo algum, é punido com a suspensão e mesmo assim utiliza o bloqueio várias vezes, é avisado e... Vai para uma votação de desnomeação, e lá encontra velhos amigos, que o absolverão. Isso não poderia acontecer. Nesse caso ele teria que ser desnomeado e, no futuro, talvez indicado para a administração novamente por alguém.

Lipe λ FML 21h58min de 5 de Abril de 2008 (UTC)

Comentando os comentários do Lipe:
  1. Não creio que limite a chance de defesa. A ideia é que se foi bloqueado e o mesmo não foi anulado (mesmo que tenha sido reduzido, se foi mantido algum tempo de bloqueio), é porque o usuário fez algo de errado sim. Se, apesar disso, ficar demonstrado que houve um abuso por excesso do administrador, qualquer outro usuário pode iniciar o processo. De qualquer forma ele vai precisar de apoio na votação, e com esta regra podemos reduzir significativamente o número de pedidos infundados, o que poupa tempo e paciência à comunidade;
  2.   Concordo;
  3.   Concordo com o Lipe. Preferia o justificado mas entendo o argumento apresentado pelo Merrill D​ C​ E​ F: [1];
  4.   Concordo. Assim: Quando o abuso for Aplicar o tempo de bloqueio máximo de forma sistemática e sem justificativa plausível, não podem ser usados diffs com mais de 6 meses; para os restantes tipo de abuso definidos na política de bloqueio os diffs têm de ser actuais e ligados ao pedido de revisão de bloqueio que desencadeou o processo;
  5.   Discordo. A desnomeação de um administrador é um assunto muito sério e, conforme já referi antes, nem sequer pode ser feita localmente. Para mim, só existe legitimidade para desnomear um administrador por decisão da comunidade na sequência de um pedido de desnomeação. Compreendo a sua preocupação, mas faço minhas as palavras da Béria: Citação: Beria escreveu: «Oras, se não presumimos a má fé dos novatos, nem mesmo a má fé dos IPs... não acho lógico presumir má fé justamente do grupo que mais trabalha para a manuntenção da wikipédia!»;
EuTugamsg 10h11min de 7 de Abril de 2008 (UTC)

Sobre o item 4, concordo com os 6 meses. Mas essa regra não poderia se estender para os casos de bloqueio também? Por exemplo: alguém não pode ser bloqueado por algo que fez há 6 meses atrás, e isso não poderia ser usado como "prova" e nem para reforçar possíveis provas atuais. O que acha? (depois comento os outros itens) Lipe λ FML 16h22min de 7 de Abril de 2008 (UTC)

Por princípio não tenho nada contra, mas acho que pode ser uma faca de dois gumes. Se por um lado concordo que ir buscar diffs tão antigos não é legítimo para justificar um bloqueio actual, também é verdade que muitas vezes estamos perante casos em que a duração do bloqueio pode (deve) ser agravada pelo facto de estarmos perante um comportamento recorrente do usuário. Exemplo: temos dois editores, X e Y, que insistem em colocar propaganda em artigos. X é novato e começou a editar agora, mas Y já tinha sido advertido (não necessariamente bloqueado) por comportamento semelhante no passado. Não creio que a decisão sobre eventuais advertências deva ignorar o historial (ainda que antigo) do editor Y, pois X é novato e eventualmente desconhecedor das políticas da Wikipédia, enquanto que Y já tem experiência de edição e já foi advertido anteriormente pelo mesmo tipo de comportamento, e sabe que está a fazer algo que não é aceite pela comunidade.
  Concordo que não se deva usar diffs antigos (os 6 meses parecem-me bem) para justificar a aplicação de um bloqueio actual, desde que isso não negue o princípio do agravamento do tempo de bloqueio em caso de reincidência (exemplos: Pacificador D​ C​ E​ F​ B, Vidente D​ C​ E​ F​ B). --EuTugamsg 09h40min de 8 de Abril de 2008 (UTC)
Eu acho que vale a mesma coisa para os casos de abusos por parte dos administradores. Qual a diferença? Um administrador também pode ter um histórico problemático, que ajude a comprovar a tese de abuso. Mas eu particularmente sou contra usar "provas" com mais de 1 ano em qualquer caso. Um ano é tempo demais. Lipe λ FML 12h57min de 8 de Abril de 2008 (UTC)
  • Usuário:EuTuga escreveu "...mas faço minhas as palavras da Béria: Citação: Beria escreveu: «Oras, se não presumimos a má fé dos novatos, nem mesmo a má fé dos IPs... não acho lógico presumir má fé justamente do grupo que mais trabalha para a manuntenção da wikipédia!»"
Quando vamos começar a trabalhar como usuários-editores? As discusões necessariamente tem que se passar sob essa ótica de administradores?

Tenho tentado contribuir com a manutenção - já que vejo muitos reclamarem que "os administradores fazem todo o trabalho" e blá, blá, blá; - mas é frustrante ver como as discussões se encaminham para esse grupo específico de usuários. Merrill (discussão) 14h48min de 8 de Abril de 2008 (UTC)

Merrill -> Concordo plenamente contigo. O problema é que parece que a maioria das pessoas deixa de ver os "administradores" como "editores", e as discussões deixam de ser entre editores e passam invariavelmente a ser entre "administradores" e "não-administradores". Nota ainda que quando citei a frase da Béria pretendia chamar a atenção para a parte do "assumir a boa-fé dos administradores", não para o facto de serem (ou não) o grupo que mais trabalha na manutenção da Wikipédia. Mas também não deixa de ser verdade que a grande maioria dos wikipedistas com mais edições e maior participação nas tarefas administrativas são actuais, antigos ou potenciais futuros administradores. Resumindo, não pretendi menosprezar o trabalho dos não-administradores, simplesmente é um facto que os maiores editores/contribuidores acabam, salvo raras excepções, por se tornar administradores.
Lipe -> O que está em causa é a noção de reincidência. É igual ao sistema de justiça civil. Um cara é condenado e cumpre a pena; quando sai, não pode ser julgado outra vez pelo mesmo crime, mas se reincidir e for condenado de novo por um novo crime do mesmo género, o facto de ele ser reincidente agrava a pena. Só isso. Quanto aos "administradores com um histórico problemático", conforme já referi anteriormente, esse tipo de análise deve ser considerado apenas nos Pedidos de Desnomeação, em que tudo deve ser considerado para decidir se o administrador mantém ou não a confiança da comunidade; um Pedido de Suspensão Temporária é uma chamada de atenção, e como tal deve referir-se sempre a um abuso actual. Para não complicar mais a proposta de política, proponho que relativamente ao meu ponto 4 acima seja apenas acrescentado na secção respectiva que um Pedido de Suspensão Temporária tem de estar ligado a um abuso comprovado actual. --EuTugamsg 17h20min de 8 de Abril de 2008 (UTC)

Os difs antigos são importantes pro caso de reincidencia e aumento do bloqueio, mas não para aplicar o bloqueio atual. Sugiro uma divisão onde seriam expostos difs antigos que pudessem aumentar a pena, mas que não devem ser considerados para bloquear ou não bloquear.

O maior problema é ter as discussões voltadas muito para as coisas antigas, onde fica mais difícil de se lembrar do contexto.

Por exemplo, um usuário recebeu aviso de vandalismo, mas ele fala com quem mandou a mensagem e a pessoa percebe que errou. Se usarem esse aviso como dif até o carinha se lembrar e achar onde está o dif confirmando que foi um aviso errado já vai ter acabado a votação.

Tem que ter critérios para quais difs podem ser colocados. Só mensagens padronizadas, aviso de vandalismo, votações anteriores ? Ou qualquer dif, mesmo que uma discussão qualquer entre usuários ?

=> Rjclaudio msg 18h11min de 8 de Abril de 2008 (UTC)

EuTuga, pode ser, entendi o que quis dizer. Mas o que o Rjclaudio disse também faz muito sentido. Afinal, o que mais vemos é pessoas "provando" algo com vários diffs fora de contexto e que acabam confundindo quem está analisando. Pior que isso acontece em vários casos. --Lipe λ FML 04h13min de 9 de Abril de 2008 (UTC)
Concordo Lipe. Mas estamos a falar de várias situações diferentes: 1. Diffs que podem ser usados para bloqueios; 2. Diffs que podem ser usados em Pedidos de Suspensão Temporária; 3. Diffs que podem ser usados em Pedidos de Desnomeação; 4. Diffs que podem ser usados em Sanções de Insultos ... e existem algumas situações em que todos os diffs podem ser importantes, como nos Pedidos de Checkuser. Acho que era interessante tentar arranjar então uma divisão para cada caso, como falou o Rjclaudio.
Tentando resumir então o ponto de situação das minhas propostas: Nos pontos 2 (duração do bloqueio por fraude: 6 meses) e 3 (não é necessário justificar o voto) concordamos; o ponto 4 está ligado a esta discussão dos diffs que vamos discutir a seguir; e quanto aos pontos 1 e 5? EuTugamsg 09h03min de 9 de Abril de 2008 (UTC)
Pro ponto 5 - forma de desnomeação

"Caso o administrador utilize alguma ferramenta nesse período sua ação deve ser desfeita e ele deve ser alertado. Caso insista, deve ser desnomeado." Não está bem explicado. Ele vai ser desnomeado / votado pra desnomeação se insistir em usar as ferramentas de adms quando ele está proibido de usar ? Ou ele vai ser votado se insitir em cometer o mesmo erro ? Por exemplo, um administraodr pode ficar a vida toda recebendo apenas restrições ?

Pro ponto 1 - Restrição na votação

Pelas regras de votação de suspensão temporária, onde só precisa 10 pessoas a favor e o adm perde temporariamente as ferramentas, imagino um administrador que fez 10 bloqueios corretos nos últimos 3 meses, mas todos pequenos (1 semana, por exemplo). Aí na primeira oportunidade de votação de desnomeação esses dez iriam votar a favor da desnomeação e o administrador ia perder o mandato.

Ou então um novo tipo de vandalos, os que foram bloqueados a mais de 6 meses, tem direito a voto, se juntam e votam a favor de qualquer pedido de desnomeação temporária. Esses 10 votos a favor seriam conseguidos facilmente. E como não tem necessidade de justificar os votos eles estariam votando por "vingança" de algo que aconteceu a mais de 6 meses.

Acho a restrição válida para o primeiro caso, mas ela passa a ser inútil no segundo. Já to achando necessário ter votos contra para balancear esse tipo de vandalo.

Desnomeação x Renomeação

Outra coisa, depois de um administrador ser desnomeado ele pode voltar a se candidatar depois de quanto tempo ? Como os moldes da votação são bem diferentes um administrador pode ser desnomeado hj e mês que vem já ser renomeado.

A votação de desnomeação

Como não podemos partir diretamente para a desnomeação e precisamos fazer a votação, melhor ficar entre os extremos. Fazer uma votação nos moldes da votação de nomeação, mas a proporção necessária para desnomear ia diminuindo com a reincidencia (1/2, 1/3, 1/4, 1/5 ...), aí mesmo com os vandalos a comunidade como um todo pode decidir manter um administrador, mas com o tempo (reincidencia) a tendencia seria ele perder o cargo.

Acho que isso sai um pouco do escopo da política de bloqueio, mas é uma idéia.

=> Rjclaudio msg 14h04min de 9 de Abril de 2008 (UTC)

EuTuga, tudo bem, por mim concordo com o item 5. O item 1 ainda me parece estranho, mas não sei. Rjclaudio, acho que você deve ter confundido um pouco as coisas. Desnomeação é uma coisa, e suspensão temporária é outra totalmente diferente. Dê uma lida na discussão anterior: Wikipedia Discussão:Votações/Política de bloqueio/Tentativa de consenso/Abuso da ferramenta de bloqueio por parte do administrador. Eu sinceramente não acredito nesse tipo de vândalo que você mencionou. Mesmo porque, deve-se ter direito ao voto, e não creio que existam "vândalos de carteirinha" a ponto de se unirem para fazer uma vingança a longo prazo. Parece-me teoria da conspiração demais. A idéia dos 10 votos favoráveis é, principalmente ao meu ver, poupar tempo e desgaste de todos os lados. Se a votação for muito longa, o objetivo da suspensão pode perder o contexto e aí a situação fica muito chata. Se a votação for muito longa, também haverá infinitas discussões sobre isso e aquilo, porrada pra cá, porrada pra lá e todos saem perdendo. Muitas das votações de desnomeações históricas que conhecemos deu tanta briga que o administrador preferiu sair por conta própria ao ter que ficar ouvindo tanta pancadaria. — se a suspensão é só pra esfriar a cabeça, que seja feita de forma rápida e prática, sem maiores dores de cabeça. E uma suspensãozinha não mata ninguém, o usuário continua editando os artigos normalmente e depois de 15 dias volta ao trabalho normal. --Lipe λ FML 15h27min de 9 de Abril de 2008 (UTC)

Um administrador pode ficar recebendo restrição a vida toda, ou a partir da segunda vez ele vai pra votação de desnomeação ? Pelo texto parece que ele só vai pra desnomeação se ele contornar a restrição.

E a minha idéia de mudar a desnomeação era chegar num meio termo entre sua proposta e a do EuTuga. Pra mim ir aumentando a quantidade de votos necessária para manter uma pessoa no cargo de acordo com a reincidencia é um modo de já colocar o peso da reincidencia.

Mas por mim tanto faz. As próprias pessoas podem levar em conta a reincidencia, embora nem sempre o façam, vendo mais o presente.

=> Rjclaudio msg 16h04min de 9 de Abril de 2008 (UTC)

Lipe -> Por querer precaver exactamente esse tipo de acção retaliatória dos vândalos é que propus o ponto 1. Se aparecer uma votação logo depois dele ser bloqueado ele vai lá votar quase de certeza como retaliação (e acho que muitos vândalos e/ou trolls provavelmente não iam ligar se era o mesmo administrador que o bloqueou ou não), mas se não puder faze-lo por 6 meses após o fim do bloqueio, uma vingança a tão longo prazo já não é tão provável.
Rjclaudio ->
  • Ponto 1: Parece-me pela sua resposta que concorda com a minha proposta ... ou não? Quanto ao segundo caso que indicou, tem razão, mas considero um caso desses improvável. Um vândalo com más intenções acaba sempre por reincidir. Seja na mesma conta ou com socks, é pouco provável que passe mais de 6 meses sem arrumar confusão de novo e ser bloqueado novamente. Para além disso, conforme disse o Lipe, parece teoria da conspiração demais.
  • Ponto 5: Citação: Rjclaudio escreveu: «Ele vai ser desnomeado / votado pra desnomeação se insistir em usar as ferramentas de adms quando ele está proibido de usar ?» - O que está na proposta de política neste momento é que seja desnomeado automaticamente, o que eu proponho é que seja automaticamente aberto um Pedido de Desnomeação, pelos motivos que indiquei acima; Citação: Rjclaudio escreveu: «Ou ele vai ser votado se insitir em cometer o mesmo erro ?» - Cada situação de abuso é independente, ele pode ser alvo de diversos Pedidos de Suspensão Temporária consecutivos. No entanto, como é óbvio, uma situação de reincidência facilmente pode levar a que alguém abra um Pedido de Desnomeação; Citação: Rjclaudio escreveu: «Por exemplo, um administraodr pode ficar a vida toda recebendo apenas restrições ?» - Sim, desde que respeite os períodos de suspensão temporária e se ninguém abrir um processo de desnomeação entretanto (o que me parece improvável).
  • Desnomeação x Renomeação: 3 meses, que é o prazo mínimo entre nomeações definido em Wikipedia:Pedidos de administração?
  • A votação de desnomeação: Acho que na prática esse sistema ia dar confusão. De qualquer forma, a experiência diz-me que administradores muito contestados e alvo de Pedidos de Desnomeação com um número razoável de usuários a favor acaba por renunciar voluntariamente ao estatuto. --EuTugamsg 09h32min de 10 de Abril de 2008 (UTC)

Tá, agora entendi td. Concordo com os pontos q vc apresentou. Só estou na dúvida sobre ele receber suspensão eternamente. Mas se um usuário quiser ele ainda pode propor uma desnomeação mesmo se um adms não descumprir o prazo ?

Eu apoio a idéia de ir pra votação mesmo, sem ser desnomeado direto. Mas independente do resultado da desnomeação no período de votação (30 dias né?) ele deve ficar suspenso, como punição por ter contornado a suspensão. Seria como o bloqueio, o usuário bloqueado contorna, e o bloqueio recomeça. Mas neste caso, por ser administrador, a suspensão recomeça, e dobra, pq já tem mais experiencia.

=> Rjclaudio msg 13h46min de 10 de Abril de 2008 (UTC)

EuTuga, concordo com o item 1 se for 3 meses, pode ser? 6 me parece muito. De qualquer forma, pode já fazer as alterações que julgar ser consenso diretamente em Wikipedia:Política de bloqueio/Nova política. Se ninguém se opôs até agora é porque acho que está tudo bem.
Rjclaudio, um administrador pode receber suspensões "eternamente", e qualquer usuário pode pedir a desnomeação mesmo se ele não descumprir o prazo. --Lipe λ FML 16h02min de 11 de Abril de 2008 (UTC)
Lipe:   Concordo, partindo do principio que esse prazo se inicia a partir da data do fim do bloqueio. Se concordar com isso, farei então as alterações correspondentes aos pontos 1, 2 e 5 no texto da nova política. Fica só a faltar discutir melhor o ponto 4. EuTugamsg 14h19min de 14 de Abril de 2008 (UTC)
Por mim tudo bem! Pode alterar. Lipe λ FML 19h09min de 14 de Abril de 2008 (UTC)

Sobre o item 4.1 Revisão do bloqueio (Local e momento para criticar bloqueios)Editar

Hoje me deparei com esta alteração: [2] feita pelo JSSX com o argumento "Colocando o texto que JÁ FOI APROVADO pela comunidade, em outubro de 2007".

Se eu não me engano, a exclusão do "aumento" do texto foi sugerida pelo EuTuga na discussão anterior e foi bem aceita por todos. Não creio que uma votação tenha o poder de "decidir algo para sempre" e que o texto não pode ser alterado ou adaptado no futuro. Para mim fica evidente que o "aumento" não faz sentido ali. Mas, deixo para vocês decidirem, eu não mexerei nisso. Editem diretamente na página. Lipe λ FML 17h07min de 11 de Abril de 2008 (UTC)

O texto proposto em Wikipedia:Votações/Local e momento para criticar bloqueios foi aprovado pela comunidade. Lá diz: A seguinte secção deverá ser acrescentada à Política de bloqueio.
Se querem fazer uma nova política, tudo bem. Agora, alterar políticas já aprovadas pela comunidade, é outra coisa totalmente diferente.
Prometi ao FML que seria cordial com ele e vou ser. No entanto, não se trata de uma diferença de opinião. Trata-se de respeitar uma decisão já tomada pela comunidade.
Utilizar uma proposta de documentação como meio de modificar uma política já aprovada pela comunidade, não deve ser uma prática apoiada.
Não é a documentação que deve se ajustar à proposta. É a proposta que tem que se ajustar à documentação existente. Se é necessária alteração, que se proponha isso no local apropriado, ou seja, Wikipedia Discussão:Votações/Local e momento para criticar bloqueios. Lembrando que o colega FML já estava orientado sobre isso, conforme essa minha edição, de 10 de março de 2008.
Peço compreensão, embora eu acredite que a restauração da edição já aprovada pela comunidade não irá interferir no resultado (entendam o que já foi definido) até aqui apresentado. Cumprimentos! JSSX uai 17h22min de 11 de Abril de 2008 (UTC)
Aqui percebe-se uma melhor diferença no texto Sobre a edição de hoje, que desfiz. O que não estou entendendo é onde está a diferença substancial. Apenas a título de compreensão, pergunto. Se for relevante, pode desfazer minha edição. Cumprimentos. __ Observatore (discussão) 19h00min de 11 de Abril de 2008 (UTC)
Vão reverter? Podem reverter. Já que irá permanecer com o texto já aprovado em março alterado, só voltarei a me manifestar no dia da votação de aprovação dessa proposta. Façam o que bem entender. Não vou me desgastar com isso. Até a votação! JSSX uai 19h24min de 11 de Abril de 2008 (UTC)
Calma Fred, foi só uma pergunta... O que é que está contradizendo uma e outra política? O que modifica? Uma política é sobre aplicar bloqueio, outra política é sobre comentar bloqueio. Quem pediu para retirar foi o EuTuga, e realmente não está maculando a outra política. O que penso do EuTuga ter pedido para retirar o "aumentar" é que, estando em contestação um bloqueio, contesta-se para "diminuir", e não "aumentar". O que tentei fazer foi: Vamos esclarecer antes de modificar. Não estou entendendo sequer por que motivo se irritou... __ Observatore (discussão) 19h43min de 11 de Abril de 2008 (UTC)
Desculpa se pareci grosseiro, Observatore. Não foi a intenção. Mas confesso que fico chateado pois, mesmo quando tento ajudar vocês, encontro resistência. É a segunda vez (na primeira, fui recebido com pedradas pelo colega FML; que já se desculpou). Infelizmente, tenho que sair agora. No mais, como disse, vocês são livres para fazerem o que quiserem. Voltarei a me manifestar sobre o assunto no dia da votação. Espero que não se importe e respeite minha posição. Ótimo fim-de-semana, Observatore. JSSX uai 19h49min de 11 de Abril de 2008 (UTC)
Ah, e não é irritação. É tristeza e desânimo. Abraços! JSSX uai 19h51min de 11 de Abril de 2008 (UTC)
Fred, não precisa ficar triste e nem desanimar. Basta argumentar. O "diminuído" no texto não faz muito sentido, foi uma sugestão do EuTuga tirá-lo e todos ali presentes concordaram. Porém, se faz oposição, creio que poderia nos explicar. Obrigado! Lipe λ FML 03h16min de 13 de Abril de 2008 (UTC)
FML, com todo respeito, me explicarei no dia da votação. Lamento. JSSX uai 12h00min de 14 de Abril de 2008 (UTC)
Na votação você será favorável ou não à aprovação do novo texto? Se não, sugere alguma mudança? Não me parece muito produtivo guardar os "problemas" para discutir no dia da votação. É bom que o texto chegue o mais refinado possível no destino, para que a nova política (necessária) seja aprovada. Se tem algo a dizer, diga agora. Lipe λ FML 19h12min de 14 de Abril de 2008 (UTC)

Eu recoloquei a alteração do JSSX em [3] pois não considero que seja uma alteração substancial como disse o próprio Observatore. E se há essa forte oposição do JSSX em se retirar o "aumentado", então acho melhor rediscutirmos melhor o assunto aqui. Lipe λ FML 19h20min de 14 de Abril de 2008 (UTC)

FML, sinceramente, não quero levar mais pedradas. Portanto, não irei mais participar de qualquer discussão referente a essa proposta. Também não farei mais correções. É minha última palavra sobre isso. A recente reversão (simplesmente porque era eu o autor da edição) foi o estopim para mim.
Como você sempre esteve ciente, votarei contra. Até pensei em apenas deixar meu voto no dia da votação. No entanto, agora, decidi que além de deixar meu voto, irei participar ativamente dos debates que surgirem na votação.
Mas fique tranquilo: o texto será aprovado, estando com minha edição ou não. Cordialmente, JSSX uai 19h35min de 14 de Abril de 2008 (UTC)
Fred, agir assim não será melhor pra ninguém. Nem pra mim, nem pra você e nem para a comunidade. Não acho que ninguém aqui te recebeu com "pedras". Apenas ninguém entendeu a sua alteração e até agora estamos esperando explicações, só isso. Eu recoloquei a sua edição para que você esclareça onde é que ela é substancialmente diferente da versão anterior. Não sei se o texto será aprovado ou não, mas é bom que os que se opõem se manifestem antes da votação, pois assim há maior chance do texto chegar bem feito na votação. Creio que todos aqui, incluindo eu, estamos 100% abertos a qualquer opinião, sugestão, correção etc. Estamos esperando que você coloque seus argumentos, apenas isso. Não estamos "brigando" nem "jogando pedras". — Este item é o da finalização, ou seja, agora é a hora para acertar os últimos detalhes. Ajude-nos. Lipe λ FML 02h01min de 15 de Abril de 2008 (UTC)
Como fui eu que sugeri a alteração, passo a explicar o porquê da mesma, com um exemplo: O administrador X bloqueia um usuário por um qualquer motivo por uma semana. O usuário em causa julga que o bloqueio é abusivo e pede uma revisão de bloqueio. Outros administradores intervém e consideram que esse bloqueio, para além de justo, é até demasiado curto, decidindo-se aumentar o tempo de bloqueio. Com a versão actual do texto da política (com o "aumentado") o administrador que fez o bloqueio inicial está sujeito a ser alvo de sanções. Pessoalmente acho que isso não faz sentido, para mim é abuso sim quando o bloqueio é injusto ou excessivo. Daí a proposta de correcção dessa passagem.
Esta alteração não foi feita à revelia da comunidade. Sugeri a alteração quando o item 9 estava ainda a ser discutido, e todos os que lá se pronunciaram sobre ela concordaram. Ainda não chegámos à fase da votação, estamos apenas tentando chegar a um consenso sobre o texto que vai ser votado. Aliás, este último item 10 (previsto desde o início da tentativa de consenso) é suposto servir exactamente para discutir eventuais ajustes ao que foi feito nos outros itens. Se não concorda com esse e com os outros ajustes que estamos a discutir aqui, tudo bem, apresente os seus argumentos. Se não concorda com a nova política de bloqueio e tem intenção de votar contra, tudo bem, está no seu direito. EuTugamsg 10h29min de 15 de Abril de 2008 (UTC)

Resumo de propostas de alteraçãoEditar

Resumindo então as propostas de alteração apresentadas:

  1. Usuários que tenham sofrido bloqueios justificados nos últimos X meses (nº em aberto, por mim entre 3 e 6 seria razoável) não possam votar na referida votação. Isto destinar-se-ia a prevenir eventuais abusos por parte de usuários que foram correctamente bloqueados. Por exemplo:
    • Usuário bloqueado, sem que tenha havido Pedido de Revisão do Bloqueio - Assume-se que o bloqueio foi correcto, logo não pode votar neste tipo de votações nem abrir processos de Pedido de Suspensão durante X meses após o fim do tempo de bloqueio;
    • Usuário bloqueado, fez Pedido de Revisão do Bloqueio, o bloqueio foi mantido (com ou sem alteração de duração) - Não pode votar neste tipo de votações nem abrir processos de Pedido de Suspensão durante X meses após o fim do tempo de bloqueio;
    • Usuário bloqueado, fez Pedido de Revisão do Bloqueio, o bloqueio foi levantado por se considerar injustificado - Pode votar e abrir processos de Pedido de Suspensão livremente.
  2. Podia estabelecer-se que a pena por tentar fraudar estas votações com recurso a socks seria mais pesada do que noutro tipo de votações. Por exemplo, a pena a aplicar seria a máxima definida para o uso indevido de socks.
  3. Sei que já foi falado, mas não sei se teve apoio a ideia de os votos serem como na Wikipédia inglesa e no Commons, em que não basta por o nome mas é obrigatório justificar o voto;
  4. Este tipo de votação só poderá aparecer ligada a um caso concreto de abuso comprovado e actual. Ou seja, que não apareçam pedidos baseados em N difs antigos ou invocando situações anteriores à situação em causa como justificação para a sanção (excepto se o "abuso" em causa for Aplicar o tempo de bloqueio máximo de forma sistemática e sem justificativa plausível, que exige a demonstração de um comportamento continuado no tempo) - Deve julgar-se um abuso concreto e actual. Esse tipo de "julgamento" de todo o historial do administrador só deve ser feito nos Pedidos de Desnomeação, em que então sim, deve-se ponderar tudo.
  5. Na secção "Julgamento e punição" se altere a frase "Caso insista, deve ser desnomeado." por "Caso insista, deve ser feito um pedido de desnomeação." - convém lembrar que a desnomeação de administradores não pode ser feita localmente, e que para levar a desnomeação até instâncias superiores é preciso algo sólido como um Pedido de Desnomeação votado pela comunidade ou um pedido do próprio em como renuncia ao estatuto de administrador.
  6. Que se retire o "aumentado" dos pontos 4.1.2 e 4.1.3 da nova política (mantendo apenas o "anulado" e o "diminuido") - pessoalmente acho que ter lá o aumentado não faz sentido, para mim é abuso sim quando o bloqueio é injusto ou excessivo.

Estado actual da discussão:

  1. Consensual entre os que se manifestaram no item 10, com X=3 meses;
  2. Consensual entre os que se manifestaram no item 10;
  3. Abandonada face à opinião dos que se manifestaram;
  4. A ideia parece consensual, mas os detalhes não. Ainda em discussão;
  5. Consensual entre os que se manifestaram no item 10;
  6. Consensual entre os que se manifestaram sobre ela no item 9, embora tenha sido apresentada após a votação do restante texto. O JSSX manifestou-se contra no item 10, pelo que continua ainda em discussão;

Lipe, chegaste a avisar os interessados que o item 10 já estava em discussão? Era importante que mais gente se pronunciasse. EuTugamsg 10h29min de 15 de Abril de 2008 (UTC)

  Concordo. EuTuga, eu avisei todos que estão na lista de interessados. Não sei o motivo de não terem aparecido muitos aqui. Não sei se é porque acham que já está OK, se estão sem tempo mesmo ou algum outro motivo. Seria legal que cada um ativo aqui chamasse um colega que trabalha em algum projeto junto, seilá. Seria interessante a participação mais ativa da comunidade neste item, para que o texto vá "redondo" para a votação final. Você pode fazer um chamado na Esplanada/anúncios, por gentileza? Obrigado! Lipe λ FML 15h10min de 15 de Abril de 2008 (UTC)

Bom, ninguém se manifestou mesmo depois do aviso na esplanada. Prossigamos então o debate do ponto 4, a antiguidade máxima dos diffs.
Conforme já falámos antes, concordo que haja um limite para os diffs a usar. No geral, incluindo a avaliação da aplicação de um bloqueio e pedidos de desnomeação, proponho 6 meses. Para as votações de suspensão temporária, se o "abuso" em causa for Aplicar o tempo de bloqueio máximo de forma sistemática e sem justificativa plausível, então diffs com 6 meses no máximo; para os restantes tipos de abuso definidos o pedido fica sempre ligado a uma revisão de bloqueio actual e não precisa de mais diffs (o que vai interessar é se o bloqueio se justifica ou não e/ou se há histórico de conflito entre os usuários envolvidos), por isso acho que não faz sentido falar nesses casos. EuTugamsg 09h16min de 23 de Abril de 2008 (UTC)
EuTuga, gostaria de fazer uma reflexão sobre o item 1. Não discordo do que está posto, contudo creio que pode ser melhor elaborado, pois a proibição deve ser nos casos graves, pois não? __ Exemplifico: Houve o caso de um administrador que foi bloqueado por um dia por outro administrador, ou seja, uma besteira que se resolveu com um dia de "reflexão". Não se enquadra no caso do item 1. Esse administrador tendo seu elevado valor, fica com o voto prejudicado por um atrito sem relação direta? Por 3 meses? __ Outra reflexão, agora genérica: Antes de uma votação, um administrador partidário de uma linha de "direita", por exemplo, poderá distribuir pequenos bloqueios "justificados", eliminando assim, propositadamente, possíveis votantes partidários de "esquerda". E vice-versa. __ Será que estou sendo muito meticuloso nos meus pensares, ou deixei de acompanhar algo do debate sem me aperceber que isso já foi previsto? Cumprimentos. __ Observatore (discussão) 12h09min de 23 de Abril de 2008 (UTC)
Bom, se for bloqueado de forma "justificada" é porque fez alguma coisa de errado, ou não? Porque se for bloqueado, pedir a revisão de bloqueio, e o mesmo for levantado por ser injustificado, o usuário em questão pode votar livremente e o administrador que fez esse bloqueio "preventivo" pode também ele ser alvo de um pedido semelhante. Ou seja, essa ideia de os administradores sairem bloqueando "preventivamente" me parece muita teoria da conspiração, até porque seria uma estratégia pouco inteligente por parte de quem o tentasse.   EuTugamsg 14h14min de 23 de Abril de 2008 (UTC)
PS: Quanto ao primeiro exemplo que deu sobre o administrador, não vejo porque deva ser tratado de forma diferente de outro usuário qualquer. Se foi bloqueado "justamente", deve seguir as mesmas regras. EuTugamsg 14h14min de 23 de Abril de 2008 (UTC)

Pelo o que entendi do comentário dele, isso diminuiria a propoensão a dar bloqueios pequenos, dando preferencia as vezes por não fazer o bloqueio. Se tem um pedido e um administrador ficar em dúvida se faz bloqueio de 1 dia ou não, ele terá tendência a não fazer o bloqueio, pq pode tirar o direito ao voto do usuário em votações de suspensão.

Seria o mesmo que a sanção de insultos contra administrador. Ninguém quer votar a favor e fazer um bloqueio de apenas uma semana, sabendo que isso depois vai levar obrigatoriamente a uma votação de desnomeação. As pessoas tendem a deixar quieto.

Quando uma coisa pequena (bloqueio mínimo de 1h ou 1 dia) tem um efeito grande (impedir voto nas votações de suspensão) isso diminui as ações pequenas.

=> Rjclaudio msg 02h28min de 24 de Abril de 2008 (UTC)

Apesar de não ver essa questão como um problema (pessoalmente não ia deixar de bloquear por causa disso), entendo o raciocínio e proponho então que se estabeleça então um tempo mínimo. Bloqueios maiores que 1 dia parece-vos bem? Para ser bloqueado por mais tempo do que isso em princípio já não será por algo de tão pequeno assim. EuTugamsg 08h47min de 24 de Abril de 2008 (UTC)

  Concordo => Rjclaudio msg 10h26min de 24 de Abril de 2008 (UTC)

Alguém faz um resumo pra mim? Não entendi muito bem essa última discussão. Lipe λ FML 22h48min de 27 de Abril de 2008 (UTC)

Lipe: O Rjclaudio propôs que no ponto 1 apenas fossem considerados os bloqueios superiores a X tempo, e eu propus iguais ou superiores a 1 dia.
Rjclaudio: Acho que bloqueios iguais ou superiores a 1 dia é o ideial, senão começamos a abrir muito o critério. EuTugamsg 09h11min de 30 de Abril de 2008 (UTC)

Um dia está bom, normalmente é o bloqueio para usuários sem antecedente, e que tenham feito "vandalismo leve". Se foi leve, mas teve mais que 1 dia já não é a primeira vez. Por mim fica 1 dia. => Rjclaudio msg 23h31min de 30 de Abril de 2008 (UTC)

Por mim tudo bem! Podem fazer a alteração diretamente na página por gentileza? Estou um tempo ausente da internet, mas pelo jeito vai ser necessário adiar essa discussão mais um pouco. Até que data acham justo adiar? Não queria adiar muito, pois o texto parece estar quase pronto para uma votação! Precisamos só acertar os detalhes finais. abraço! Lipe λ FML 03h11min de 4 de Maio de 2008 (UTC)
  Feito para os pontos 1, 2, 5 e 6. Visto que o 3 foi abandonado, resta discutir melhor o 4. Para além disso, vou ler de novo com atenção o texto da proposta a ver se me ocorre mais alguma correcção/melhoramento. Mais uma semana ou duas para os últimos detalhes parece-me suficiente. EuTugamsg 10h47min de 5 de Maio de 2008 (UTC)

Novas regras de desnomeação: esclarecimentosEditar

Notei que a "campanha negativa" contra a nova política já começou por parte do JSSX, assim como ele mesmo havia prometido. Em Wikipedia:Administradores/Pedidos de remoção/GRS73 ele diz: Citação: JSSX escreveu: «Que a comunidade se acostume! Caso a nova proposta de política de bloqueio for aprovada, será um pedido deste todos os dias e, o pior, haverá lobbys suficientes para a desnomeação de administradores competentes, mesmo sem ter existido abusos do sysop.» e em Wikipedia:Esplanada/anúncios#Desnomeação ele diz: Citação: JSSX escreveu: «Mais uma piada, que com a aprovação da nova política de bloqueio, se tornará frequente.»

Ora, gostaria de aqui dizer que isso não passa de uma mentira, afinal, um dos objetivos dessa política foi, durante as discussões, minimizar ou anular esses casos esdrúxulos de pedidos de desnomeação.

Basta ler a regra 4.2.1, que é bem clara:

"Um pedido de desnomeação só pode ser feito caso o administrador tenha sido suspenso temporariamente nos últimos três meses."

E de acordo com a regra 4.2 somente poderá ser aberto um pedido de suspensão a um administrador:

"Em caso de abuso constatado (...)"

E isso só pode ocorrer (regra 4.1.3):

"Se, na seqüência de um pedido de revisão, um bloqueio for anulado ou diminuído (...)"

Em resumo:

Não poderá mais ocorrer como é hoje, que qualquer um abre um pedido de desnomeação para um administrador. Nesses casos que acontecem hoje, a discussão será arquivada imediatamente com embasamento nas novas regras, pois o usuário que deseja fazer a desnomeação deverá começar fazendo um pedido de reclamação em Pedidos de revisão de bloqueios e somente no caso do bloqueio ter sido de fato questionado é que o usuário poderá abrir um pedido de suspensão e só depois, se conseguir 10 pessoas o apoiando e só depois ainda do administrador ter cumprido a suspensão é que poderá abrir um pedido de desnomeação nos moldes como ocorre hoje, com a necessidade de maioria simples.

Vejam que ficou muito mais difícil de pedir a desnomeação de um administrador, evitando portanto toda a bagunça que novatos promovem ao propor administradores que os bloquearam justamente para desnomeação.

Espero que esse ponto tenha ficado bem esclarecido. Lipe λ FML 18h03min de 12 de Maio de 2008 (UTC)

Tomando o caso do Fabianopires como exemplo, essa desnomeação só poderia ter sido aberta caso vários bloqueios que o Fabiano fez tenham sido diminuídos (erro em demasia) e o Fabianopires tenha sido suspenso nos últimos três meses. Que eu saiba o Fabiano não teve nenhum bloqueio efetuado diminuído, ou teve? --Lipe λ FML 18h08min de 12 de Maio de 2008 (UTC)

Lipe, acho que não vale a pena prolongar muito mais este item, mais ninguém parece querer discutir nada. Quando quiseres avança com a votação. EuTugamsg 10h06min de 15 de Maio de 2008 (UTC)

EuTuga, criei o esboço da votação em: Wikipedia:Votações/Nova política de bloqueio. O que achou? --Lipe λ FML 01h07min de 19 de Maio de 2008 (UTC)

Sobre o item 4Editar

Eu Tuga, sobre o item em questão é que essa proposta é muito “filosófica”, e não "histórica". Vai dá para infindáveis discussões se um caso concreto acontecer – cada caso é um caso. E acho que houve pouca participação nesse tópico. __ Bem, como já vimos em votação recente de uma certa sanção de insulto, foram alencados "diffs" de muito tempo atrás, sem contemplar uma prescrição. Assim, não é senso comum o que o colega propõem, visto que historicamente, nossa tradição não apresenta tal costume, não sendo então consenso. __ Se vale para administrador, vale também para não administrador. Espero ter sido um mínimo inteligível. Cumprimentos. __ Observatore (discussão) 13h06min de 19 de Maio de 2008 (UTC)

Sobre início da votaçãoEditar

Lipe, vamos deixar de procrastinar, abre logo essa votação para uns dois dias. Já discutimos meses... vai dar prazo de mais uma semana? O que não foi consenso não entre na proposta e se vote, logo. __ Observatore (discussão) 13h05min de 19 de Maio de 2008 (UTC)
Eu   Concordo Observatore. Por mim tudo bem, é que eu tinha definido o novo prazo em Wikipedia Discussão:Votações/Política de bloqueio/Tentativa de consenso/Detalhes finais devido à baixa participação neste último item do debate, onde eu esperava que houvesse mais participação, principalmente de quem não participou ativamente do longo debate. Mas, se estão todos quietos, talvez seja porque todos estão de acordo. Quer esperar mais alguém se manifestar ou já posso mudar o prazo da votação? Lipe λ FML 16h49min de 19 de Maio de 2008 (UTC)
Lipe, duvido que alguém vá se manifestar mais. Coloca logo essa votação pra rolar. Acho que já tá todo mundo na espera... Cumprimentos. __ Observatore (discussão) 19h00min de 19 de Maio de 2008 (UTC)

OK! --Lipe λ FML 19h02min de 19 de Maio de 2008 (UTC)

Outra coisa... retira aquele prazo de 30 dias de votação. Quinze dias já é de bom tamanho. sds. __ Observatore (discussão) 19h05min de 19 de Maio de 2008 (UTC)
Modifiquei antes de alguém votarSe discordar altera. Ok? __ Observatore (discussão) 19h14min de 19 de Maio de 2008 (UTC)
Justifiquei a alteração. É melhor errar para mais que para menos nesse caso. abraço! Lipe λ FML 19h50min de 19 de Maio de 2008 (UTC)

VotaçãoEditar

A votação já está ocorrendo em:

--Lipe λ FML 20h30min de 19 de Maio de 2008 (UTC)

DúvidaEditar

Por vários motivos, apesar de estar inscrito no acompanhamento da formulação da "Política de bloqueio/Nova política", não me foi possível acompanhar e dar as minhas opiniões. Por isso peço desculpa.

  • Queria colocar uma questão que me parece não estar contemplada na política de bloqueio. Exemplo : No caso deste usuário Usuário Discussão:Manuel neto, se ele continuar o vandalismo quando acabar o bloqueio, tenho que pedir à comunidade a permissão para o bloquear "infinite" ? Os bloqueios sucessivos não devem dar bloqueio "infinito" automaticamente sem mais burocracias ? Abraços João Carvalho deixar mensagem 13h10min de 22 de Maio de 2008 (UTC)

Concordo, se o bloqueio for sucessivo, não seria preciso abrir votação para a comunidade. Só colocar depois 3 meses na prórima que ele deve desistir de editar. Se continuar aí vai infinito sem precisar da comunidade. => Rjclaudio msg 14h41min de 22 de Maio de 2008 (UTC)

  • Mas isso não está escrito em nenhum lado, segundo me parece. Portanto penso que é um tópico para ser alterado posteriormente. Certo ? João Carvalho deixar mensagem 15h42min de 22 de Maio de 2008 (UTC)

Caro João, três meses demora pra passar.   Bloquear por mais de um mês tem quase o mesmo efeito que bloquear em infinito, mas dá uma chance para que o usuário possa voltar depois de um bom tempo, num outro momento de sua vida, em que ele nem se lembrará mais que havia editado 3 meses atrás. Ainda assim, creio que bloquear alguém por três meses deva acontecer somente em casos extremos. Pelo que percebi, o usuário em questão foi bloqueado progressivamente até ser bloqueado por um mês. Pense por este lado: um mês de folga para os administradores, ou seja, durante um mês não será mais necessário vigiá-lo. Se depois de um mês ele voltar a vandalizar, aí bloqueia-se por três. Três meses de folga! Se depois de três meses ainda voltar, basta proibi-lo de editar através da Wikipedia:Política de banimento até que ele se comprometa a não vandalizar mais. --Lipe λ FML 18h10min de 22 de Maio de 2008 (UTC)

PS: Eu dei uma olhada (bem por cima) das contribuições do tal Manuel neto e notei que muitas (talvez a grande maioria) são válidas. Creio então que houve algum problema pontual que, sinceramente, procurei e nem consegui encontrar. Não é o caso de recomendá-lo o programa de tutoria? --Lipe λ FML 18h15min de 22 de Maio de 2008 (UTC)

Lipe, nesse caso os tres primeiros bloqueios foram justificados pelo João, e o editor não se preocupou em entender melhor as políticas nem contactou o administrador. Provavelmente uma tutoria também não daria efeito. No máximo uma abordagem diferente, se oferecendo para tirar dúvidas. Sempre achei esse aviso de Vandalismo mt genérico e usado em casos que caberia uma tutoria (q tal colocar um link para tutoria no aviso ?)

Voltando a proposta, dá pra colocar um "cronograma", depois de três bloqueios progressivos se faz o bloqueio máximo permitido pelas regras, e no caso de insistencia bloqueio infinito sem precisar consultar a comunidade. Neste caso seria bloqueio de 1 semana, 2 semanas, 1 mes, depois o máximo de 3 meses e se continuar infinito sem consulta a comunidade.

Pode permitir bloqueio infinito pelos próprios administradores, contanto que tenha feito bloqueio progressivo e tenha feito um bloqueio máximo.

Depois da votação da política podemos votar uma emenda neste ponto.

=> Rjclaudio msg 18h36min de 22 de Maio de 2008 (UTC)

Discussão durante a votaçãoEditar

Voltar à página de projeto "Política de bloqueio/Nova política".