Abrir menu principal
Question book.svg
Este artigo ou secção não cita fontes confiáveis e independentes (desde setembro de 2018). Ajude a inserir referências.
O conteúdo não verificável pode ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)


Willem Marinus van Rossum, C.Ss.R.
Cardeal da Igreja Católica
Prefeito da Congregação para a Evangelização dos Povos
Atividade Eclesiástica
Congregação Congregação do Santíssimo Redentor
Diocese Diocese de Roma
Nomeação 12 de março de 1918
Predecessor Dom Domenico Cardeal Serafini, O.S.B.
Sucessor Dom Pietro Cardeal Fumasoni Biondi
Mandato 19181932
Ordenação e nomeação
Ordenação presbiteral 17 de outubro de 1879
Nomeação episcopal 25 de abril de 1918
Ordenação episcopal 19 de maio de 1918
por Papa Bento XV
Nomeado arcebispo 25 de abril de 1918
Cardinalato
Criação 27 de novembro de 1911
por Papa Pio X
Ordem Cardeal-diácono (1911-1915)
Cardeal-presbítero (1915-1932)
Título São Cesário em Palatio (1911-1915)
Santa Cruz de Jerusalém (1915-1932)
Dados pessoais
Nascimento Zwolle
3 de setembro de 1854
Morte Maastricht
30 de agosto de 1932 (77 anos)
Nacionalidade neerlandês
Progenitores Mãe: Hendrika Veldwillems
Pai: Jan van Rossum
dados em catholic-hierarchy.org
Cardeais
Categoria:Hierarquia católica
Projeto Catolicismo


Willem Marinus van Rossum , C.Ss.R. (3 de setembro de 1854 - 30 de agosto de 1932) foi um cardeal holandês da Igreja Católica Romana . Ele serviu como Prefeito da Congregação para a Propagação da Fé , e foi elevado ao cardinalato em 1911.

VidaEditar

Willem van Rossum nasceu em Zwolle, na Holanda , filho de Jan e Hendrika (née Veldwillems) van Rossum. Entrou no Seminário Menor de Culemborg em 1867, e se uniu à Congregação do Santíssimo Redentor, mais comumente conhecida como os Redentoristas, em 15 de junho de 1873. Ele fez sua profissão como Redentorista em 16 de junho de 1874.

Ele foi ordenado um padre em Wittem em 17 de outubro de 1879. Ele, então, ensinou Latina e retórica em Roermond, e era um professor de teologia dogmática no Escolasticado de Wittem de 1883 a 1892. Ele se tornou prefeito de estudos do escolasticado em 1886 e sua reitor em 1893.

Depois de se tornar membro da comunidade redentorista em Roma em 1895, Rossum foi nomeado consultor da Congregação do Santo Ofício em 25 de dezembro de 1896. Ele também se tornou conselheiro da Comissão para a Codificação do Direito Canônico em 15 de abril de 1904. Ele serviu como consultor geral dos Redentoristas de 1909 a 1911.

Em 1911, o Papa Pio X fez dele cardeal-diácono de San Cesareo em Palatio, o primeiro cardeal holandês desde a Reforma Protestante. Em 1914, ele se tornou presidente da Pontifícia Comissão Bíblica. Em 1915, ele foi nomeado chefe da Penitenciaria Apostólica, um dos três tribunais da Cúria Romana e também foi elevado à categoria de Cardeal Sacerdote, com a igreja titular de Santa Croce in Gerusalemme. Foi nomeado bispo titular de Cesaréia da Mauritânia e cardeal prefeito da Congregação para a Evangelização dos Povos.

Ele participou dos conclaves papais de 1914 e 1922, que elegeram respectivamente os Papa Bento XV e Papa Pio XI.

Van Rossum faleceu em 30 de agosto de 1932 em um hospital de Maastricht, após ficar doente ao retornar de uma visita à Dinamarca, e foi sepultado primeiro no cemitério de Witten, mas depois na igreja redentorista em Wittem.

ReferênciasEditar