Abrir menu principal

Yannick Djaló

futebolista português
NoFonti.svg
Esta biografia de uma pessoa viva cita referências, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde novembro de 2016). Ajude a inserir fontes confiáveis e independentes. Material controverso que esteja sem fontes deve ser imediatamente removido, especialmente se for de natureza difamatória.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Yannick dos Santos Djaló (Bissau, 5 de maio de 1986) é um futebolista português de origem guineense que actua como avançado. Foi casado com Luciana Abreu, com a qual teve duas filhas.[2]

Yannick Djaló
Yannick Djaló
Informações pessoais
Nome completo Yannick dos Santos Djaló[1]
Data de nasc. 5 de maio de 1986 (33 anos)[1]
Local de nasc. Bissau[1], Guiné-Bissau
Altura 1,71 m
Informações profissionais
Clube atual Sem clube
Posição Atacante[1]
Clubes de juventude
1998–1999
1999–2001
2001–2005
Forte da Casa
Estação
Sporting
Clubes profissionais1
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
2003
2005–2011
2005–2006
2012–2016
2012–2013
2014
2015
2016
2017–2018
2018–2019
Sporting B
Sporting
Casa Pia (emp.)
Benfica
Toulose (emp.)
San Jose Earthquakes (emp.)
Mordovia Saransk (emp.)
Ratchaburi
Vitória de Setúbal
Ratchaburi
00010 0000(1)
00098 000(23)
00026 000(16)
00003 0000(0)
00017 0000(0)
00018 000(3)
00016 000(2)
00026 00(15)
00002 000(0)
00013 000(1)
Seleção nacional3
2005
2005–2006
2006–2009
2010–
Portugal Sub-19
Portugal Sub-20
Portugal Sub-21
Portugal
00003 000(0)
00006 000(1)
00013 000(1)
00001 000(0)


1 Partidas e gols pelo clube profissional
contam apenas partidas das ligas nacionais,
atualizados até 21 de outubro de 2018.


3 Partidas e gols da seleção nacional estão atualizados
até 3 de setembro de 2010.

Índice

CarreiraEditar

Sporting CPEditar

Nascido em Bissau, nasceu para o mundo do futebol através das camadas jovens do Sporting Clube de Portugal, fez a sua estreia na primeira divisão a 16 de Setembro de 2006, jogando a segunda metade de uma derrota caseira (0-1) com o Paços de Ferreira. Provou ser um jogador de qualidade, muitas vezes saindo do banco, aparecendo também na campanha europeia dos "leões", renovando o seu contrato com o Sporting até 2013.

A 6 de Abril de 2008, após uma ausência de quatro meses devido a lesão, marcou os dois golos da vitória em casa (2-0) sobre o Sporting de Braga, tendo já marcado na semana anterior, saindo do banco, na vitória fora sobre a Naval 1º de Maio. Terminou a época 2007/08 em boa forma, a marcando o único golo da vitória em Paços de Ferreira, que se mostrou crucial para manter o segundo lugar leonino no campeonato. Na Taça de Portugal da temporada, marcou duas vezes numa emocionante vitória por 5-3 na semifinal da competição sobre o rival Benfica.

A 16 de Agosto de 2008, marcou os dois golos da vitória do Sporting sobre o então campeão em título FC Porto, vencendo a Supertaça Cândido de Oliveira pelo segundo ano consecutivo.[3] Durante a temporada 2009/10, foi uma figura ofensiva sempre presente, na frente ou nas alas. A 2 de Abril de 2010, marcou o primeiro hat-trick da sua carreira, na vitória sobre o Rio Ave (5-0) no Estádio José Alvalade.

A 26 de Agosto de 2010, marcou no minuto 90 e ajudou os "leões" a vencer o Brøndby IF por 3 a 0, depois de perder 0-2 em casa, qualificando assim, para a fase de grupos da Liga Europa.[4]

Transferência para o Nice canceladaEditar

A 31 de Agosto de 2011, o último dia da janela de transferências de verão, deixou o Sporting, assinando pelo Nice da primeira divisão francesa por 6 milhões de euros.[5] A 7 de Setembro, a FIFA decidiu que a transferência seria anulada devido a esta ser concluída após o encerramento da janela de transferências, acabando o Nice por recorrer da decisão.[6]

Depois da FIFA não tomar qualquer acção ao recurso do clube, a 28 de Setembro, o executivo do Nice, Julien Fournier, anunciou que o clube iria levar o caso ao Tribunal Arbitral do Desporto.[7] Duas semanas depois, o recurso do clube francês foi rejeitado, o que significava que Djaló não podia representar o Nice até Janeiro de 2012. No dia seguinte à decisão do TAS, Fournier afirmou à Rádio Renascença que o jogador estaria de regresso ao Sporting.[8]

SL BenficaEditar

A 30 de Janeiro de 2012, assinou um contrato de quatro anos e meio com o Sport Lisboa e Benfica, após ter sido um jogador livre por seis meses, quando abandonou o Sporting.

Em 10 de Abril de 2014 foi emprestado ao San José Earthquakes.[9]

Em 2015 emprestado ao Mordovia Saransk, da liga russa, mas fez apenas sete jogos (e um golo).

Em fevereiro de 2016, rescindiu com o Benfica e assinou contrato com o Ratchauri Mitr Phol da Tailândia.

Vitória FCEditar

Yannick assinou pelo Vitória FC em agosto de 2017. Mas por conta de uma lesão grave apenas se irá estrear (se tal acontecer) na segunda metade da época, ou seja, no ano de 2018, já com 32 anos.

Carreira internacionalEditar

Djaló escolheu representar Portugal internacionalmente, jogando nas várias camadas jovens. Doze dias após a sua exibição na Supertaça de 2008, foi convocado para a selecção AA pelo seleccionador Carlos Queiroz, não fazendo entretanto, a sua estreia.[10]

No final de Agosto de 2010, Djaló foi chamado para dois jogos qualificativos para o Euro 2012, depois de Silvestre Varela do FC Porto, sofrer uma lesão. A 3 de Setembro, faz finalmente a sua estreia, jogando os últimos seis minutos do empate caseiro (4-4), frente ao Chipre, substituindo Hugo Almeida.

TítulosEditar

ClubeEditar

Sporting
SL Benfica

IndividualEditar

PessoaisEditar

Nascido na Guiné-Bissau, viveu a maior parte da sua vida na capital portuguesa, Lisboa.

A 13 de Maio de 2010, casou-se com a cantora e atriz Luciana Abreu relação que durou até 2012.[11] O casal teve a sua primeira filha, Lyonce Viktórya, no início do ano seguinte, tendo o jogador já sido pai de Christian Martim (nascido em 2008) num relacionamento com Ana Sofia Miguel.[12] O casal teve uma segunda filha, a quem deram o nome de Lyani Viiktórya, nascida a 20 de Março de 2012.[2]

Referências

  1. a b c d «Yannick Djaló» (em inglês). zerozerofootball.com. Consultado em 28 de agosto de 2011. Arquivado do original em 13 de janeiro de 2019 
  2. a b «Notícia do nascimento da segunda filha de Yannick Djaló». diariodigital.sapo. Consultado em 26 de março de 2012 
  3. UEFA. «Djaló double steers Sporting success» (em inglês). uefa.com. Consultado em 31 de Janeiro de 2012 
  4. PortuGOAL.net. «Sporting come back from the dead to make Europa League group stage» (em inglês). portugoal.net. Consultado em 31 de Janeiro de 2012. Arquivado do original em 24 de julho de 2011 
  5. PortuGOAL.net. «Sporting sell Postiga and Yannick» (em inglês). portugoal.net. Consultado em 31 de Janeiro de 2012. Arquivado do original em 24 de novembro de 2011 
  6. Diário Económico (8 de Setembro de 2011). «FIFA rejeita inscrição de Yannick e Nice recorre». economico.sapo.pt. Consultado em 31 de Janeiro de 2012 
  7. Sky Sports. «Nice to appeal Djalo ruling» (em inglês). skysports.com. Consultado em 31 de Janeiro de 2012 
  8. Diário de Notícias (12 de Outubro de 2011). «Nice devolve Yannick Djaló ao Sporting». dn.pt. Consultado em 31 de Janeiro de 2012 
  9. MLSsoccer.com (10 de março de 2014). «San Jose Earthquakes land Portuguese winger Yannick Djalo on season-long loan from Benfica» (em inglês) 
  10. TSF (28 de Agosto de 2008). «Yannick Djaló estreia-se nos convocados». tsf.pt. Consultado em 31 de Janeiro de 2012 
  11. Lux (26 de Agosto de 2010). «Luciana Abreu está grávida». lux.iol.pt. Consultado em 1 de Fevereiro de 2012 
  12. Jornal de Notícias (11 de Junho de 2008). «Yannick Djaló já foi pai». jn.pt. Consultado em 1 de Fevereiro de 2012 

Ligações externasEditar