Abrir menu principal

Wikipédia β

Ambox rewrite.svg
Esta página precisa ser reciclada de acordo com o livro de estilo (desde abril de 2014).
Sinta-se livre para editá-la para que esta possa atingir um nível de qualidade superior.

Zita de Lucca ou Santa Zita (c. 121227 de abril de 1272), é uma santa italiana e denominada Padroeira das serventes e empregadas domésticas.

Nasceu na vila de Monsagrati, próxima a Lucca, na Toscana, Itália. De família pobre, aos 12 anos foi trabalhar como empregada doméstica na casa da abastada família Fatinelli, onde permaneceu por 48 anos, até sua morte. Por sua bondade e esforço era frequentemente vilanizada e até maltratada pelo resto da criadagem, mas nunca se deixou abater nem permitiu que isso alterasse sua calma interior. Aos poucos foi sendo aceita por todos e chegou a ser responsável por toda a administração da casa. Quando de sua morte era praticamente venerada pela família Fatinelli, à qual serviu fielmente por toda a vida.

Foi canonizada em 1696 após o reconhecimento de cento e cinquenta milagres atribuídos à sua intercessão. Seu corpo foi exumado em 1580 e descobriu-se estar incorrupto, mas foi-se mumificando desde então. Atualmente seu corpo mumificado, deitado em uma cama de brocado, está em exposição em um relicário de vidro para veneração pública na Basílica de São Frediano, em Lucca.


Referências externasEditar

  • St. Zita Breve descrição da vida de Santa Zita, publicada pela Charles Borromeo Catholic Church, Picayune, Mississipi, EUA.
  • Life of St. Zita - Butler A Vida de Santa Zita - retirado do volume IV de "The Lives of the Fathers, Martyrs and Other Principal Saints" ("As vidas dos Padres, Mártires e Outros Principais Santos"), pelo Rev. Alban Butler, edição de 1864 publicada por

D. & J. Sadlier, & Company.