Zuihō (porta-aviões)

O Zuihō (瑞鳳?) foi um porta-aviões rápido operado pela Marinha Imperial Japonesa e a primeira embarcação da Classe Zuihō, seguido pelo Shōhō. Sua construção começou em junho de 1935 originalmente como o tênder de submarinos Takasaki, sendo lançado ao mar em junho de 1936 e comissionado na frota japonesa em dezembro de 1940.[1] Era capaz de transportar até trinta aeronaves, era armado com uma bateria antiaérea de canhões de 127 e 25 milímetros, tinha um deslocamento de mais de onze mil toneladas e conseguia alcançar uma velocidade máxima de 28 nós.[2]

Zuihō
 Japão
Operador Marinha Imperial Japonesa
Fabricante Arsenal Naval de Yokosuka
Batimento de quilha 20 de junho de 1935
Lançamento 19 de junho de 1936
Comissionamento 27 de dezembro de 1940
Destino Afundado na Batalha do Cabo
Engaño
em 25 de outubro de 1944
Características gerais
Tipo de navio Porta-aviões rápido
Classe Zuihō
Deslocamento 11 443 t (padrão)
Maquinário 2 turbinas a vapor
4 caldeiras
Comprimento 205,5 m
Boca 18,2 m
Calado 6,6 m
Propulsão 2 hélices
- 52 000 cv (38 200 kW)
Velocidade 28 nós (52 km/h)
Autonomia 7 800 milhas náuticas a 18 nós
(14 400 km a 33 km/h)
Armamento 8 canhões de 127 mm
8 canhões de 25 mm
Aeronaves 30
Tripulação 785

O Zuihō foi convertido em porta-aviões durante sua construção. Ele desempenhou um papel pequeno na Batalha de Midway em 1942 e em seguida participou da Campanha de Guadalcanal até o final do ano. Pouco fez em 1943 além de navegar entre diversas bases japonesas, com suas aeronaves muitas vezes atuando a partir de bases terrestres. O navio participou em 1944 das batalhas do Mar das Filipinas em junho e do Golfo de Leyte em outubro. Nesta última, atuou como chamariz para a principal força de ataque e foi afundado por ataques aéreos norte-americanos.[3]

Referências

  1. Peattie, Mark (2001). Sunburst: The Rise of Japanese Naval Air Power 1909–1941. Annapolis: Naval Institute Press. p. 242. ISBN 1-55750-432-6 
  2. Nguyen, Andrew. «Zuiho-class Light Carrier». Combined Fleet. Consultado em 20 de agosto de 2021 
  3. Tully, Anthony P. (2 de novembro de 2007). «IJN Zuiho: Tabular Record of Movement». Combined Fleet. Consultado em 20 de agosto de 2021 

Ligações externas editar

  Este artigo sobre Porta-aviões é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.