.tp
Flag of East Timor.svg
Introduzido 1997
Tipo de TLD Domínio de Topo
Status Ativo, mas está a ser desativado em favor do novo ccTLD .tl
Registo Timor-Leste NIC
Patrocinador(a) Laleia
Intenção de uso Entidades ligadas ao Timor-Leste
Realidade de uso Ainda está em uso para sites em Timor-Leste, mas novos registos não são mais aceites; todos os registos .tp têm automaticamente o mesmo nome em .tl, mas ambos não funcionam de forma idêntica.
Restrições de registo Não é aceite nenhum novo registo
Estrutura Eram aceites registos diretamente no segundo nível, com alguns sites (especialmente governamentais) eram no terceiro

.tp era o código TLD (ccTLD) na Internet para Timor-Leste. As letras têm origem na designação histórica colonial, quando o território era chamado Timor Português, onde era uma colónia de Portugal. Este domínio de topo foi criado em dezembro de 1997 pela Connect Ireland, um provedor de acesso à Internet sediado em Dublin, na República da Irlanda, quando Timor-Leste ainda estava sob o domínio da Indonésia.

O domínio .tp ainda continua em uso, porém Timor-Leste mudou o seu código de .tp para .tl depois da independência. Contudo, .tl não estava no padrão ISO 3166-1 de código de países de duas letras. Mesmo assim, o domínio .tp ainda continuava com uma grande quantidades de sites, após a mudança ter começado em fevereiro de 2007.[1]

ControvérsiaEditar

Em 1999, antes da realização do referendo em Timor-Leste para a independência, sites com o domínio '.tp' foram atacados por hackers simpatizantes pró-indonésios e a Connect Ireland recebeu diversos telefonemas maliciosos. Entretanto, quando o então líder pela independência e agora primeiro ministro, José Ramos Horta pronunciou-se em favor de hackear sites indonésios, a Connect Ireland lançou um comunicado condenando o uso de qualquer tipo de hacking como uso de arma política.

Transição para o .tlEditar

.tl é um código ccTLD que não está no padrão ISO 3166-1, e o Departamento de Informações Tecnológicas de Timor-Leste está a trabalhar, juntamente com a Connect Ireland, para fazer uma transição segura e estável para o ccTLD .tl, onde qualquer site registado no domínio .tp tem garantido o mesmo domínio em .tl sem qualquer custo. Ambas as "versões" .tp e .tl dos sites terão os mesmos dados de registos, de dados whois e nome de servidos, para domínios legais.

Até recentemente, os únicos endereços de Internet válidos com o domínio .tl foi o Network Information Center, www.nic.tl, mas agora existem outros, como o site do governo www.timor-leste.gov.tl e o site das telecomunicações do Timor Leste www.timortelecom.tl.

Até outubro de 2005, nenhum novo registo era aceito com o domínio .tp.

Atualização das informações no IANAEditar

Por um longo tempo, de acordo com o site da IANA, o domínio .tl foi listado como não atribuído, no qual o .tp era ainda listado para Timor Leste. Xanana Gusmão, agora uma grande figura política e uma vez presidente, ainda é listado como contacto administrativo. O Departamento de Informação Tecnológica de Timor-Leste enviou um comunicado para o IANA requerendo que as informações fossem atualizadas. Em 30 de setembro de 2005, a atualização foi feita e o .tl é agora listada como um domínio de topo ativo.

Ligações externasEditar

ReferênciasEditar

  1. «TP Zone File». Análise de dados ccTLD por Robert Baskerville. 28 de dezembro de 2007. Consultado em 16 de janeiro de 2008. Arquivado do original em 19 de janeiro de 2008