Abrir menu principal

A Luta do Século

filme de 2016 dirigido por Sérgio Machado
(Redirecionado de A Luta do Século (filme))
A Luta do Século
A Luta do Século (PRT)
 Brasil
2016 •  cor •  75 min 
Direção Sérgio Machado
Idioma português

A Luta do Século é um documentário brasileiro dirigido pelo cineasta baiano Sérgio Machado que conta a história da maior rivalidade da história do boxe brasileiro, entre os pugilistas Luciano Todo Duro e Reginaldo Holyfield.[1]

O filme foi exibido pela primeira vez no dia 10 de outubro de 2016, no Festival do Rio.[2]

"A luta do século é a luta de dois analfabetos contra todas as dificuldades que a vida colocou e que poderiam ter chegado mais longe."[3]
Sérgio Machado, diretor do filme

O filmeEditar

SinopseEditar

AntecedentesEditar

Desde 2014, a produtora baiana Ondina Filmes iniciou filmagens sobre a história da rivalidade entre os pugilistas. Não se cogitava uma sétima luta. A surpresa pela vontade dos boxeadores, que estavam aposentados, em lutar, motivou os produtores a também gravar os bastidores antes do duelo.[4]

Em abril de 2015, na época da assinatura de contrato para luta desempate que será contada neste documentário, os rivais chegaram a fazer uma prévia do embate. A confusão começou após Todo Duro entregar uma coroa de flores a Holyfield, com os dizeres "Holyfield "estraçaiado" e sepultado junto com o boxe baiano, saudades eternas, de seu pai Todo Duro e dos pernambucanos", e tentar acertar um soco no inimigo. Durante a briga, Holyfield acabou abrindo o corte que levou após uma briga com ambulantes no centro de Salvador.[5]

A lutaEditar

Cinco mil pessoas lotaram o Clube Português, da cidade de Recife, para acompanhar o embate. De um lado, representando o Recife, Luciano Todo Duro Torres, 50 anos; do outro, Reginaldo Holyfield, 49, representante da Bahia..

Rivais nas décadas de 1980 e 1990, eles voltaram a se enfrentar, após 11 anos desde a última luta. O confronto ocorreu no dia 11 de Agosto de 2015.

Durante a luta, a hashtag "#LutaDoSéculo" ficou entre os trending topics do Recife.[6]

O combate deixou claro, além do nefasto efeito do tempo em ambos, a diferença de estratégia: enquanto Holyfield procurava ocupar o centro do ringue e dar socos mais fortes, Todo Duro se deslocava com maior desenvoltura, acertando o baiano em mais oportunidades.

Por motivos óbvios, os lutadores mostraram dificuldade de lançar pelo menos três golpes em sequência. O duelo foi repleto de clinches, também para surpresa de ninguém.

Um dado curioso foi que nenhum intervalo respeitou o limite de um minuto – o mais rápido durou 20 segundos a mais.

No 1ª round, Holyfield chegou a derrubar Todo Duro, porém o pernambucano mostrava mais velocidade nos deslocamentos em cima do quadrilátero, qualidade que fez a diferença nos rounds seguintes. Holyfield sentiu a perda de peso e não aguentou o ritmo imposto por Todo Duro. O baiano, inclusive, foi punido com a perda de dois pontos por deixar cair o protetor bucal de forma proposital para que pudesse recuperar o fôlego.[7]

O terceiro round foi movimentado, com Todo Duro balançando o rival em três oportunidades, mas sofreu uma retaliação que quase o mandou a knockdown.[8]

No quarto, o baiano chegou a cair depois de se desequilibrar ao socar o vento. O ritmo caiu vertiginosamente, com direito a lutador cuspindo o protetor para ganhar tempo para respirar[8]. Ele foi punido com a perda de dois pontos por deixar cair o protetor bucal de forma proposital para que pudesse recuperar o fôlego.[7]

Após a vitória anunciada em favor de “Todo Duro” a torcida local que apoiava o pernambucano comemorou muito e o ringue acabou caindo. Felizmente, ninguém saiu ferido[8].

Prêmios e indicaçõesEditar

Ano Prêmio Indicação Resultado Ref.
2016 18º Festival de Cinema do Rio Melhor Documentário Venceu [9]

Ver tambémEditar

Referências

  1. correio24horas.com.br/ Ivan Dias Marques: Holyfield x Todo Duro, uma história de cinema
  2. leiaja.com/ Luta do Século: Documentário estreará no Festival do Rio
  3. noticias.bol.uol.com.br/ Filme "Luta do Século" narra a mais explosiva rivalidade do boxe brasileiro
  4. folhape.com.br/ "A Luta do Século" garantida
  5. jconline.ne10.uol.com.br/ Todo Duro e Holyfield trocam sopapos durante evento de assinatura do contrato da Luta do Século
  6. jconline.ne10.uol.com.br/ Nocaute do SJCC e vitória de Todo Duro na Luta do Século
  7. a b nocautenarede.com.br/ Sétimo embate entre Luciano “Todo Duro” Torres e Reginaldo “Holyfield” Andrade termina por pontos.
  8. a b c mmabrasil.com.br/ Luciano Todo Duro bate Reginaldo Holyfield e faz 4 a 3 na lendária rivalidade do boxe brasileiro
  9. correio24horas.com.br/ Filme "A Luta do Século" vai encerrar Panorama Coisa de Cinema em Salvador

Ligações externasEditar

  Este artigo sobre um filme brasileiro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.