Abrir menu principal

A Pedra do Tesouro

filme de 1965 dirigido por Roberto Farias
A Pedra do Tesouro
 Brasil
1965 •  cor •  
Produção Roberto Farias
Elenco Renato Aragão
Dedé Santana
Gênero comédia / curta-metragem
Idioma português

A Pedra do Tesouro é um filme brasileiro de 1965, produzido por Roberto Farias e estrelado por Renato Aragão e Dedé Santana. Trata-se de um curta-metragem que marcou a estreia do comediante Didi no cinema.[1]

Esse filme nunca foi lançado comercialmente, até que em 2005 foi lançado como um extra no DVD do filme/documentário O Mundo Mágico dos Trapalhões.

Índice

SinopseEditar

Didi e Dedé estão no Velho Oeste, em busca de um tesouro de enorme valor. Descobrem que o mesmo está escondido sob uma enorme pedra. Para proteger o local, matam qualquer um que se aproxima. Em seguida, tentam de todas as formas remover a pedra, mas não conseguem lograr êxito. Ao final, com a ajuda de uma turma de jovens hippies, conseguem remover a pedra e encontram o tesouro, mas o mesmo é repartido entre todos, não sobrando quase nada para ninguém.

ElencoEditar

Referências

  1. «A Pedra do Tesouro (1965)». Os Trapalhões. Consultado em 17 de março de 2014 

Ligações externasEditar

  Este artigo sobre um filme brasileiro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.