Abrir menu principal

Um abscesso perianal é uma coleção de pus dolorosa e localizada, próxima ao ânus. Origina-se em 90% dos casos por infecção nas glândulas do canal anal, o restante se deve a traumatismos.

Índice

ApresentaçãoEditar

São classificados segundo o local acometido: perianal (ou isquioanal), submucosos, interesfincterianos, isquiorretal, e supralevantador (ou pelverretal).

SintomasEditar

  • Tumefação firme e dolorosa na região anal
  • Dor pulsátil (pode piorar à movimentação/deambulação)
  • Febre e calafrios
  • Dor abdominal baixa, se a localizaçao for mais alta (próxima ao reto)

TratamentoEditar

Seu tratamento consiste basicamente em um acesso cirúrgico ao conteúdo do abscesso, para que se proceda sua drenagem. Geralmente mantém-se um dreno artificial por 24 horas ou mais. É rotineira a antibioticoterapia, para evitar disseminação e complicações sistêmicas. Abscessos menores podem ser drenados ambulatorialmente, sem necessidade de internação hospitalar.

ComplicaçõesEditar

Cerca de metade dos abscessos perianais cura após drenagem cirúrgica, e a outra metade desenvolve fístulas perianais. A formação de uma fístula requer fistulectomia, procedimento suficiente para eliminar a maioria das fístulas e abscessos restantes.

Ver tambémEditar

  Este artigo sobre Medicina é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.