Acadêmicos de Niterói

Escola de Samba

SRBCES Acadêmicos de Niterói[3] é uma escola de samba da cidade de Canoas, no Rio Grande do Sul.

Acadêmicos de Niterói
Fundação 6 de abril de 1998 (24 anos)[1]
Cores
Símbolo Uma Coruja com chapéu e canudo de formatura[1]
Bairro Niterói
Presidente Diego Lopes Moreira[2]

HistóriaEditar

A Acadêmicos de Niterói foi fundada em 6 de abril de 1998, por Crispim Fernandes, Lourival de Lima, Adão de Oliveira e Valdir César.

O grupo de amigos não se conformava com o fato de Canoas na época ter apenas duas escolas de samba: A Unidos do Guajuviras e a Imperatriz da Grande Niterói. As cores escolhidas foram o azul, o vermelho e o branco e o símbolo foi uma coruja com chapéu e um canudo de formatura. A entidade desfila em Canoas e em Porto Alegre. A quadra da escola localiza-se no bairro Niterói.

A entidade participou pela primeira vez dos desfiles em Porto Alegre no ano de 2001 apresentando como enredo: "Sonho de uma noite de luar", que lhe rendeu o quarto lugar no então grupo de acesso.

Permaneceu no grupo de acesso em 2002 apresentando o enredo: "Vitória Régia".

Em 2003 com o enredo "Reisado" a escola é campeã do acesso e sobe para a categoria-B.[4]

No ano seguinte é campeã em Canoas e quarta colocada na categoria-B dos desfiles da capital apresentando: "A lenda da mãe do ouro".

Em 2005 a escola faz uma homenagem a Imperadores do Samba com o enredo, "A coruja na toca dos leões" e conquista o título da categoria-B.[5]

No ano de 2006 volta a vencer o carnaval de Canoas[6] e fica em segundo lugar na categoria-A que lhe garantiu a participação na categoria especial no ano seguinte, apresentando a história do artista plástico Arthur Bispo do Rosário que havia morrido em um hospital psiquiátrico no Rio de Janeiro, sendo que o enredo era: "Arthur Bispo do Rosário, o labirinto de uma vida".

Em 2007 a escola contou a história da exploração do carvão que ocorre em cidades do Rio Grande do Sul como Charqueadas, São Jerônimo, Rio Pardo e Arroio dos Ratos com o enredo: "É ouro, é ouro; o ouro negro que brota do chão", foi campeã em Canoas[7] e 12ª colocada em Porto Alegre.

A escola prestou uma homenagem a França em 2008 com o enredo: "Viens Mon Amour com nosso samba conhecer a França" com o qual ficou em nono lugar na categoria especial de Porto Alegre, já em Canoas a escola desfilou como Hors Concours.[8]

SegmentosEditar

PresidentesEditar

Nome Mandato Ref.
Carlos Augusto Thomaz ? - atualidade [9]

DiretoresEditar

Ano Diretor de Carnaval Diretor de harmonia Mestre de bateria Ref.
2013 Alan Carlos Dias da Silva Nado [9]

Casal de Mestre-sala e Porta-bandeiraEditar

Ano Nome Ref.
2013 Tadeu Pé-de-Vento e Jocasta [10]

CarnavaisEditar

Acadêmicos de Niterói
Ano Colocação Grupo Enredo Intérprete Ref.
2001 4º lugar Acesso Sonho de uma noite de luar.
2002 2º lugar Acesso Vitória Régia. [11]
2003 Campeã Acesso Reisado [12]
2004 4º lugar B A lenda da Mãe do Ouro. [13]
2005 Campeã B A Coruja na toca dos Leões. Luciara Teixeira [14]
2006 Vice-campeã A Arthur Bispo do Rosário, o labirinto de uma vida. Luciara Teixeira [15][16]
2007 12º lugar Especial É ouro, é ouro; o ouro negro que brota do chão. Luciara Teixeira [17][18]
2008 9º lugar Especial Viens Mon Amour com nosso samba conhecer a França. Luciara Teixeira [1][19]
2009 10º lugar Especial Uma Ópera na Avenida: O Guarani de Carlos Gomes Luciara Teixeira [20]
2010 12º lugar Especial África, seus costumes e mistérios Lú Astral [21][22]
2011 3º lugar A São Luiz padroeiro, abençoai essa brava gente canoense. [23][24]
2012 5º lugar A Sai pra lá olho gordo! Na história da pimenta, a Niterói faz a avenida pegar fogo! Luciara Teixeira [25]
2013 6º lugar A A Niterói é Chama que Não se Apaga. Leandrinho LV [9][10][26]
2014 7º lugar A Manuel Padeiro, o zumbi dos Pampas, a saga de um guerreiro. [27][28]
2015 Desfile sem avaliação * No voo da coruja, uma viagem fascinante na memória...A Niterói conta em samba e poesia sua história [29]
Desfila apenas em Canoas a partir de 2016
2016 Campeã Especial Metamorfose, é Tempo de Transformação! [2][30][31]

TítulosEditar

Porto Alegre
  • Campeã do Grupo B: 2005
  • Campeã do Grupo de Acesso: 2003
Canoas
  • Campeã: 2004, 2006, 2007, 2016

PrêmiosEditar

  • Estandarte de Ouro em Canoas
    • 2005: Bateria, fantasia e comissão de frente.[32]
    • 2007: Bateria, fantasia, ala infantil, interprete, comissão de frente, mestre-sala e porta-bandeira.[33]
    • 2014: Evolução e enredo.[34]
    • 2016: Bateria, harmonia, evolução, fantasia, diretor de carnaval e presidente.[35]
  • Estandarte de Ouro em Porto Alegre
Grupo A
  • 2012: Bateria.[36]
  • 2013: Mestre-sala e porta-bandeira.[37]

Referências

  1. a b c Marcela Donini (2 de fevereiro de 2008). «França é o tema da Acadêmicos de Niterói». A Notícia. Consultado em 8 de abril de 2011 
  2. a b Daniel Soares (20 de março de 2016). «Carnaval 2016: Grupo Especial contagia com graça e luxo». Prefeitura de Canoas. Consultado em 20 de março de 2016. Arquivado do original em 20 de março de 2016 
  3. «Escolas Integrantes do Grupo Especial 2010». Prefeitura de Porto Alegre. Consultado em 22 de janeiro de 2010. Arquivado do original em 23 de dezembro de 2008 
  4. «Império do Sol garante vaga no Grupo Especial». Correio do Povo. Consultado em 25 de dezembro de 2008. Arquivado do original em 7 de agosto de 2003 
  5. «Canoas comemora vitória no Grupo B». Correio do Povo. Consultado em 25 de dezembro de 2008. Arquivado do original em 24 de janeiro de 2019 
  6. «Acadêmicos de Niterói é campeã no Carnaval Solidário 2006». Prefeitura de Canoas. Consultado em 25 de dezembro de 2008 [ligação inativa]
  7. «Acadêmicos de Niterói é bicampeã de Canoas». Correio do Povo. Consultado em 25 de dezembro de 2008. Arquivado do original em 24 de janeiro de 2019 
  8. «Disputa pelo título iniciou neste domingo (03/02) em Canoas». Prefeitura de Canoas. Consultado em 25 de dezembro de 2008 [ligação inativa]
  9. a b c Waskow, Denise (7 de fevereiro de 2013). «Fora da elite, dentro da folia». Diário Gaúcho: 6-7. Consultado em 7 de fevereiro de 2013. Arquivado do original em 28 de setembro de 2013 
  10. a b «Acadêmicos de Niterói». Prefeitura de Porto Alegre. Consultado em 11 de fevereiro de 2013 [ligação inativa]
  11. «Carnaval 2002». Porto na Folia. Consultado em 27 de dezembro de 2019 
  12. «Desfile pontual e criativo agrada ao público». Correio do Povo. 3 de março de 2003. Consultado em 8 de abril de 2011 [ligação inativa]
  13. «Escolas de Samba de Canoas». Prefeitura Municipal de Canoas. Consultado em 30 de março de 2011. Arquivado do original em 22 de abril de 2004 
  14. «Esquenta o Carnaval no Complexo Cultural do Porto Seco». 7 de fevereiro de 2005. Consultado em 3 de abril de 2011. Arquivado do original em 3 de abril de 2011 
  15. «Acadêmicos de Niterói é campeã no Carnaval Solidário 2006». Prefeitura de Canoas. 3 de março de 2006. Consultado em 10 de fevereiro de 2010 [ligação inativa]
  16. «CD 2006». Porto na Folia. Consultado em 17 de agosto de 2017 
  17. «Acadêmicos de Niterói é bicampeã de Canoas». Correio do Povo. 21 de fevereiro de 2007. Consultado em 8 de abril de 2011. Arquivado do original em 24 de janeiro de 2019 
  18. «CD 2007». Porto na Folia. Consultado em 17 de agosto de 2017 
  19. «CD 2008». Porto na Folia. Consultado em 17 de agosto de 2017 
  20. «Entidades Filiadas». AECPARS. 5 de novembro de 2008. Consultado em 2 de abril de 2011. Arquivado do original em 30 de janeiro de 2009 
  21. «Acadêmicos de Niteroi exalta o continente africano». Prefeitura de Porto Alegre. 10 de fevereiro de 2010. Consultado em 10 de fevereiro de 2010 
  22. «CD 2010». Porto na Folia. Consultado em 17 de agosto de 2017 
  23. Marcos Merker (8 de novembro de 2010). «Verba para Carnaval deve ser liberada ainda em novembro». Diário de Canoas. Consultado em 8 de novembro de 2010 [ligação inativa]
  24. «Escolas do Grupo A buscam espaço no Grupo Especial». Prefeitura de Porto Alegre. 7 de março de 2011. Consultado em 1 de abril de 2011 
  25. Wagner Machado (20 de fevereiro de 2012). «Escolas rebaixadas se destacam no Grupo A». Correio do Povo. Consultado em 29 de março de 2012 
  26. «Academia de Samba Puro é campeã do Grupo Intermediário A». Correio do Povo. 12 de fevereiro de 2013. Consultado em 12 de fevereiro de 2013 
  27. «Os enredos do Carnaval 2014 de Porto Alegre». AECPARS. Consultado em 30 de novembro de 2013. Arquivado do original em 1 de dezembro de 2013 
  28. «Copacabana é campeã do Intermediário A e está na elite do Carnaval». Correio do Povo. 4 de março de 2014. Consultado em 4 de março de 2014 
  29. Moreno Carvalho (27 de fevereiro de 2015). «Fim de semana para você cair na folia». Diário de Canoas. Consultado em 19 de abril de 2014. Cópia arquivada em 19 de abril de 2015 
  30. Sidney de Jesus (20 de março de 2016). «Acadêmicos de Niterói vence carnaval 2016». Diário de Canoas. Consultado em 20 de março de 2016. Cópia arquivada em 20 de março de 2016 
  31. Daniel Soares (20 de março de 2016). «Acadêmicos de Niterói é a grande campeã do Grupo Especial». Prefeitura Municipal de Canoas. Consultado em 20 de março de 2016. Arquivado do original em 20 de março de 2016 
  32. «Destaques do Carnaval Solidário 2005 recebem troféus». Prefeitura Municipal de Canoas. 8 de março de 2005. Consultado em 17 de abril de 2012 [ligação inativa]
  33. «Estandarte de Ouro homenageia destaques do Carnaval Solidário 2007». Prefeitura Municipal de Canoas. 25 de março de 2007. Consultado em 16 de abril de 2012 [ligação inativa]
  34. Rosilaine Pinheiro (30 de março de 2014). «Campeãs do Carnaval na Paz 2014 são premiadas». Prefeitura de Canoas. Consultado em 31 de março de 2014. Arquivado do original em 3 de março de 2016 
  35. Daniel Soares (8 de abril de 2016). «Noite para os melhores do Carnaval na Paz 2016». Prefeitura Municipal de Canoas. Consultado em 10 de abril de 2016. Arquivado do original em 10 de abril de 2016 
  36. «Estandarte de Ouro é entregue aos melhores do Carnaval de Porto Alegre». G1. 1 de maio de 2012. Consultado em 1 de maio de 2012 
  37. «Os vencedores do Estandarte de Ouro 2103». AECPARS. Consultado em 10 de abril de 2013. Arquivado do original em 1 de dezembro de 2013 
  Este artigo sobre carnaval, integrado ao Projeto Carnaval é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.