Affair in Trinidad

filme de 1952 dirigido por Vincent Sherman


Affair in Trinidad (bra: Uma Viúva em Trinidad[1]) é um filme noir estadunidense de 1952, dirigido por Vincent Sherman e estrelado por Rita Hayworth e Glenn Ford. Foi produzido pela Beckworth Corporation e lançado pela Columbia Pictures. O filme marca o retorno de Hayworth ao cinema depois de quatro anos longe da Columbia.[2] Affair in Trinidad ultrapassou em US$ 1 milhão o filme de maior bilheteria de Hayworth até então, Gilda (1946).[3]

Affair in Trinidad
Estados Unidos
Direção Vincent Sherman
Produção Rita Hayworth
Roteiro James Gunn
Virginia Van Upp
Elenco Alexander Scourby
George Voskovec
Howard Wendell
Joel Fluellen
Juanita Moore
Kathleen O'Malley
Mort Mills
Ralph Moody
Steven Geray
Valerie Bettis
Glenn Ford
Karel Štěpánek
Rita Hayworth
Roy Glenn
Torin Thatcher
Gênero dramafilm noir • filme sobre crimes
Música George Duning
Cinematografia Joseph Walker
Companhia(s)
produtora(s)
Columbia Pictures
Distribuição Columbia Pictures, Netflix
Lançamento 1952
Duração 98 minuto

ElencoEditar

RecepçãoEditar

BilheteriaEditar

O filme faturou cerca de US$ 2,7 milhões nas bilheterias da América do Norte em 1952.[4]

Prêmios e indicaçõesEditar

1953: Oscar de Melhor Figurino para Jean Louis (indicado)

MúsicasEditar

  • I've Been Kissed Before - escrita por Lester Lee e Bob Russell; interpretada por Rita Hayworth (dublada por Jo Ann Greer ).
  • Trinidad Lady - escrita por Lester Lee e Bob Russell; interpretada por Rita Hayworth (dublada por Jo Ann Greer).

Referências

  1. EWALD FILHO, Rubens (1975). Os filmes de hoje na TV. São Paulo: Global. p. 204. 210 páginas 
  2. Silver, Alain (2010). Film Noir: The Encyclopedia. [S.l.: s.n.] p. 27. ISBN 978-0715638804 
  3. «Affair in Trinidad (1952) - Articles». TCM.com. Consultado em 10 de março de 2020 
  4. 'Top Box-Office Hits of 1952', Variety, 7 de janeiro de 1953.

Ligações externasEditar