Agão (em latim: Aggo) era um nobre danês do século I, ativo no reinado do rei Frodo III. Aparece apenas nos Feitos dos Danos de Saxão Gramático. Segundo a obra, que cita-o só uma vez, quando Frodo sucedeu seu pai Fridlevo I com apenas sete, Isúlfo era um dos nobres que tornar-se-ia guardiões do novo rei.[1] Teve um filho chamado Alfo.[2]

Agão
Nascimento século I
Dinamarca
Nacionalidade Escandinávia
Filho(a)(s) Alfo
Religião Paganismo nórdico

Referências

  1. Saxão Gramático 2015, p. 250-251 (V.1.1).
  2. Saxão Gramático 2015, p. 534-535 (VIII.2.1).

BibliografiaEditar

  • Saxão Gramático (2015). Friis-Jensen; Karsten, ed. Gesta Danorum - The History of the Danes Vol. I. Traduzido por Fisher, Peter. Oxônia: Clarendon Press