Abrir menu principal

Aires Gomes da Silva, 3.º senhor de Vagos

Aires Gomes da Silva, foi senhor de Vagos, regedor da Casa do Cível e alcaide-mor de Montemor-o-Velho.

Era filho de João Gomes da Silva, 2º senhor de Vagos, e de Margarida Coelho, filha de Gonçalo Pires Coelho e de Maria Silva

Casou uma primeira vez com Leonor de Miranda, filha Martim Afonso Charneca, bispo do Porto e de Braga.

Tiveram:

Casou uma segunda vez com D. Beatriz de Meneses, filha de D. Martinho de Meneses, senhor de Cantanhede, que foi aia e camareira-mor da Rainha D. Isabel, que igualmente depois teve a muito jovem infanta Santa Joana Princesa ao seu cuidado, e isso até vir a recolher-se junto ao Mosteiro de São Marcos, perto de Tentúgal, por ela fundado e dotado, em 1458, vindo aí a falecer em 1466[1].

Tiveram:

Referências

  1. «Joana Princesa e Infanta, irmã de Dom João II, por Mário Casa Nova Martins, alameda digital». Consultado em 6 de setembro de 2017. Arquivado do original em 22 de janeiro de 2015 
  2. Moreno 1980, p. 1047

BibliografiaEditar

  • Moreno, Humberto Baquero (1980). A Batalha de Alfarrobeira. Antecedentes e Significado Histórico. II. [S.l.]: Biblioteca Geral da Universidade de Coimbra. ISBN 9789726160045 
  • A Descendência Portuguesa de El-Rei D. João II, por Fernando de Castro da Silva Canedo, Fernando Santos e Rodrigo Faria de Castro, 2ª Edição, Braga, 1993, vol. I, pg. 21
  • Nobiliário das Famílias de Portugal, Felgueiras Gayo, Carvalhos de Basto, 2ª Edição, Braga, 1989, vol. IX, pg. 388 (Silvas)
  Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.