Abrir menu principal
Question book-4.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, o que compromete a verificabilidade (desde março de 2019). Por favor, insira mais referências no texto. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Alan Freed
Alan Freed 1957.JPG
Informação geral
Nome completo Albert James Freed
Também conhecido(a) como Moondog
Nascimento 15 de dezembro de 1921
Origem Johnstown, Pensilvânia
País Estados Unidos
Morte 20 de janeiro de 1965 (43 anos) Palm Springs, California
Gênero(s) Rock and Roll,
Período em atividade 1945 – 1959
Outras ocupações DJ
Página oficial www.AlanFreed.com

Albert James Freed (Johnstown, 15 de dezembro de 192120 de janeiro de 1965), também conhecido como "Moondog", foi um disc-jockey estadunidense,[1] reconhecido como o criador do termo "rock 'n' roll".[2] Em 1951, o disc-jockey Alan Freed criou o termo rock’n’roll, antes utilizado para referir-se ao ato sexual em letras. Freed teve um importante papel por atrair jovens brancos para a música feita pelos negros, lançando nomes em seus programas de rádio e posteriormente com a promoção de shows ao vivo.

Esses shows, chamados de “Rock‘n’Roll Jamboree” foram os primeiros a reunir num mesmo auditório, plateias misturadas de jovens negros e brancos, assim como no palco, onde o que e era a música apresentada e não a cor dos artistas. Era a música da liberdade que os jovens tanto esperavam e, ao se depararem com ela, demonstravam uma explosão interna através de atos de selvageria, num verdadeiro clima de êxtase (lado a lado com o suposto inimigo), superando as diferenças raciais. A destruição dos teatros, cinemas e outros locais escolhidos para os “Jamborees”, uma forma violenta de exteriorização de todos os sentimentos reprimidos, tornou-se o ponto de partida das perseguições que o rock’n’roll e seu promotor principal sofreriam.

Sepultura de Freed no Lake View Cemetery

Alan Freed é preso por um suposto envolvimento no pagamento de propinas para execução de músicas no rádio (o conhecido e frequente jabaculê, o jabá), cujo escândalo ficou conhecido como "Payola". Alan Freed morreu em 20 de janeiro de 1965, no hospital de Palm Springs, na miséria. Está sepultado no Lake View Cemetery.

Referências

  1. Obituary Variety, January 27, 1965, page 54.
  2. SPIN. 17 (7). 82 páginas. ISSN 0886-3032  Em falta ou vazio |título= (ajuda)

Ligações externasEditar