Albufeira de Bratsk

Albufeira de Bratsk
A Central Hidroelétrica de Bratsk
Localização
Coordenadas 56° 15' N 101° 45' E
País  Rússia
Oblast Irkutsk
Localidades mais próximas Bratsk
Características
Tipo Lago artificial
Área * 5 470 km²
Volume * 169,27 km³
Albufeira de Bratsk está localizado em: Rússia
Albufeira de Bratsk
* Os valores do perímetro, área e volume podem ser imprecisos devido às estimativas envolvidas, podendo não estar normalizadas.

A albufeira de Bratsk (em russo: Бра́тское водохрани́лище, Bratskoye vodokhranílishchye) é uma albufeira no rio Angara, no oblast de Irkutsk, na Rússia, criado pela construção da Central Hidroelétrica de Bratsk. Recebe o nome da cidade de Bratsk, que fica próxima. Tem uma área de 5470 km2 e um volume máximo de 169,27 km3[1], o que a torna uma das maiores albufeiras do mundo em volume. À data da inauguração em 1967, a albufeira era a maior do mundo em volume.[2] Its electrical power capacity is 4,500 MW.[1]

A épica construção da central hidroelétrica e albufeira de Bratsk é tema de um longo poema epónimo de Yevgeni Yevtushenko. Mais tarde (1976), o impacto da construção na vida da população próxima foi motivo da novela de Valentin Rasputin Adeus a Matyora.[3]

Referências

  1. a b Grande Enciclopédia Soviética, artigo Братское водохранилище[ligação inativa]
  2. George St. George. Siberia: The New Frontier. D. McKay Co, 1969. Page 147.
  3. Valentin Grigorʹevich Rasputin (1995). Farewell to Matyora. [S.l.]: Northwestern University Press. p. ix. ISBN 0810113295  (trad. Antonina W. Bouis)