O anel é um adorno de luxo. Segundo os registros históricos, os faraós egípcios foram os primeiros a usar o anel com o intuito de representar a eternidade. Isso, principalmente pelo formato da joia ser circular; sem um começo ou um fim. Ainda segundo os egípcios, acreditavam que o espaço aberto no meio do anel representava uma entrada para o desconhecido, auferindo ao usuário uma elevação material e espiritual.[1]

Anel de Noivado

Culturalmente, os anéis (alianças) são utilizados para simbolizar o matrimônio. A tradição da troca de alianças no altar vem de uma antiga tradição também dos egípcios, posteriormente sendo adotados pelos romanos: acreditava-se que uma veia do dedo anelar possuía ligação direta com o coração, representando dessa forma o uso da aliança como sinal de amor e fidelidade.[2]

Tipos de AnéisEditar

  • Alianças de compromisso
  • Alianças de noivado
  • Alianças de casamento
  • Anéis de Noivado
  • Anéis de Formatura
  • Anéis de Debutante
  • Anel (joia)

História do Anel de NoivadoEditar

Todo mundo se lembra da romântica história do casal Romeu e Julieta; poucos conhece no entanto o épico casal Maximiliano I da Áustria e Maria da Borgonha.

No ano de 1477, o anel de noivado foi utilizado pela primeira vez na história com o propósito de marcar o importante momento na vida do casal: o noivado. A notícia rapidamente se espalhou por todo o mundo e de forma imediata a realeza dos mais variados continentes passaram a usar a joia para simbolizar o noivado.[3]

 
Maximiliano I e Maria de Bordonha

Segundo o Museu de Belas Artes de Viena, o anel ainda encontra-se em exposição.[4]

ComposiçãoEditar

Por se tratar de uma joia criada para durar, o anel de noivado é composto de ouro e diamantes. É muito comum a joia ser passada de geração de geração, constituindo assim o anel de noivado como uma joia de família.

AquisiçãoEditar

A compra é realizada joalherias. Hoje em dia, é possível ainda comprar diretamente da fábrica, via internet.

  Este artigo sobre vestuário ou moda é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.

Referências