Bandeira do Ansaru

Vanguarda para a Proteção dos Muçulmanos na África Negra (em árabe: جماعة أنصار المسلمين في بلاد السودان Jamāʿatu Anṣāril Muslimīna fī Bilādis Sūdān), mais conhecida como Ansaru, é uma organização militar jihadista estabelecida no nordeste da Nigéria.[1] É um grupo dissidente do Boko Haram, fundado em janeiro de 2012, e afirma ter um foco mais internacional que o último.

Na primeira declaração do grupo, divulgada na internet em janeiro de 2012, seu líder, Abu Usmatul al-Ansari (às vezes escrito 'Abu Ussamata al-Ansary'), descreveu as ações do Boko Haram como "desumanas para os muçulmanos umma".[2] Também elogiou o Califado de Sokoto e seu fundador, Usman dan Fodio. Em outro vídeo na internet divulgado pelo grupo em junho de 2012, al-Ansari alegou que não mataria civis não-muçulmanos ou oficiais de segurança, exceto em "autodefesa" e que o grupo defenderia os interesses do Islã e dos muçulmanos não apenas em Nigéria, mas em toda a África.[3] Ao contrário do Boko Haram, estabelecido em Borno, no nordeste do país, Ansaru opera em e ao redor de Kano, no centro-norte da Nigéria, o coração dos povos hauçá-fulani. [4]

O lema da organização é "Jihad Fi Sabilillah", que significa "lutar pela causa de Alá".[5]

Referências

  1. «Ansaru: A Profile of Nigeria's Newest Jihadist Movement». Jamestown Foundation. 10 de janeiro de 2013 
  2. Chothia, Farouk (19 de fevereiro de 2013). «Profile: Who are Nigeria's Ansaru Islamists?». BBC News 
  3. «ABU USMATUL AL-ANSARI ANNOUNCES BOKO HARAM BREAKAWAY FACTION». Jamestown Foundation. 30 de junho de 2012. Cópia arquivada em 31 de maio de 2013 
  4. «Boko Haram: Reversals and Retrenchment». Combating Terrorism Center. 29 de abril de 2013 
  5. «Boko Haram : Splinter group, Ansaru emerges». Vanguard Newspaper. 1 de fevereiro de 2013