Abrir menu principal
António Pereira dos Reis
Político Português, membro da Junta Provisória de Governo de 1842. Presidente da Câmara dos Senhores Deputados da Nação Portuguesa.
Período Membro da Junta Provisória de Governo da Monarquia Constitucional (1842)
Dados pessoais
Nascimento 19 de Maio de 1804
Ourém, Portugal
Morte 19 de Abril de 1850
Lisboa, Portugal
Nacionalidade Portuguesa

António Pereira dos Reis (Ourém, 19 de Maio de 1804Lisboa, 19 de Abril de 1850) foi um alto funcionário público e político que se destacou como deputado e presidente da Câmara dos Deputados nas Cortes[1].

BiografiaEditar

Natural da freguesia de Santa Maria de Ourém, distrito de Santarém, era filho de Isidoro José dos Reis e de D. Luísa Rosa dos Reis.

Redigiu a Chronica Constitucional do Porto durante o cerco da mesma cidade, desde Julho de 1832 até Abril do ano seguinte, em que foi exonerado, preso, e mandado processar em 23 do dito mês. Esteve encarregado da redacção do Diário do Governo em curtos intervalos. Defensor do Liberalismo, fez parte dos Bravos do Mindelo.

Destaca-se na sua carreira o desempenho como deputado e presidente da Câmara dos Deputados nas Cortes.

Casou em 8 de Maio de 1842 na Igreja de Santa Justa, em Lisboa, com D. Elisa Amélia Pereira, natural do Porto, filha de António Joaquim Pereira e D. Joaquina Fausta Dias Pereira.

Faleceu com apenas 45 anos "sem os últimos sacramentos porque a moléstia lhe não deu lugar a recebê-los", como consta do assento de óbito, no Largo de Camões, número 10, segundo andar, à data distrito da freguesia de Santa Justa, de Lisboa. Consta que não deixou filhos e foi sepultado num jazigo do Cemitério do Alto de São João.

A sua esposa voltaria a casar, em 6 de Agosto de 1851, com Cláudio Mesquita da Rosa.

Notas

  1. Maria Filomena Mónica (coordenadora), Dicionário Biográfico Parlamentar (1834-1910), vol. III, pp. 431-432. Lisboa : Assembleia da República, 2006 (ISBN 972-671-167-3).
  Este artigo sobre um político é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.