Abrir menu principal
Disambig grey.svg Nota: Se procura o processador para portáteis da Intel, veja Intel Atom.
Disambig grey.svg Nota: Não confundir com Aton.

A designação Atom aplica-se a dois padrões da Web. O Atom Syndication Format é uma linguagem de programação XML utilizada em web feeds, enquanto o Atom Publishing Protocol (AtomPub ou APP) é um protocolo HTTP para criar e actualizar recursos da Web.[1]

Os web feeds permitem que programas de software verifiquem se existem actualizações em algum site da web. Para fornecer um web feed, o dono do site pode usar software especializado (como um sistema de gestão de conteúdo) que publique uma lista (ou feed) de artigos ou conteúdos recentes em formato padrão e que o computador seja capaz de a ler. O feed poderá, então, ser descarregado por programas que o utilizem, tal como páginas da web que permitam o seu uso, ou por agregadores que permitam aos utilizadores da internet a subscrição de feeds e a visualização do seu conteúdo.

Um feed contém entradas, que podem ser cabeçalhos, artigos completos, resumos, e/ou ligações a conteúdos na web, e também a metadados.

O formato Atom foi desenvolvido como alternativa ao RSS. Ben Trott, um defensor do novo formato que se tornaria em Atom, achava que o RSS tinha limitações e falhas — como a falta de inovação constante, e a necessidade de se manter sempre compatível — e que era necessário um novo e actual serviço.[1]

Os proponentes do novo formato criaram o "IETF Atom Publishing Format and Protocol Workgroup". O formato Atom foi publicado como padrão IETF como RFC 4287 (Dezembro de 2005), e o Atom Publishing Protocol foi publicado como RFC 5023 (Outubro de 2007).

Índice

Elementos do feedEditar

Um feed consiste de alguns metadados, seguido por alguns números de entrada. Todo feed deve conter um cabeçalho.

<?xml version="1.0" encoding="utf—8"?>
<feed xmlns="http://www.w3.org/2005/Atom">
<title>Exemplo Home Page — News Feed</title>
<link href=http://www.exemplo.com/>
<updated>2006—01—05 3:05:47</updated>
<author>
<name>Nome do autor</name>
<email>email@exemplo.com</email>
<uri>http://www.exemplo.com</uri>
</author>
<id>http://www.exemplo.com</id>
<icon>http://www.exemplo.com/img/imagem.ico</icon>
<logo>http://www.exemplo.com/img/logo.jpg</logo>
<rights> © 2002—2009 Nome da Empresa/Site</rights>
<subtitle>Esteja atualizado com o que há de melhor na web</subtitle>
<category term=Informática/>
</feed>

Elementos requeridos do cabeçalhoEditar

Abaixo segue uma lista com os principais elementos requeridos em um feed e um exemplo.

• ID, Identifica o Feed usando um universal e permanente URL, você pode colocar seu Nome de Domínio nesta parte.

  Ex.: <id>http://www.exemplo.com</id>

• Title, contem o título do Feed, este valor não pode ser deixado em branco de maneira alguma.

  Ex.: <title>Kaizel Atomic Bomb — News Feed</title>

Elementos recomendadosEditar

• Author, nome do autor do Feed, um feed pode ter inúmeros autores e um feed precisa ter ao menos um autor

  Ex.: <author>
  <name>Nome do autor</name>
  <email>email@exemplo.com</email>
  <uri>http://www.exemplo.com</uri>
  </author>

• Link, identifica uma HP relacionada, o tipo de relação é atribuído pelo atributo rel.

  Ex.: <link rel="self" href="http://www.exemplo.com/" />

Elementos do Corpo (ENTRY)Editar

Um exemplo de uma entrada seria um único post em um site.

<entry>
<title>Título do artigo</title>
<link href="http://www.exemplo.com/artigos.php?id=46"/>
<id>http://www.exemplo.com/artigos.php?id=46/</id>
<updated>05—01—2006 02:56:00</updated>
<summary>Descrição do artigo</summary>
<author>
 <name>Nome do autor</name>
</author>
</entry>

Elementos requeridos do corpoEditar

Aqui esta uma lista de elementos requeridos para o Feed, cada um tem uma breve descrição e é seguido de um exemplo, como no tópico acima.

• ID, Title, tem o mesmo significado que o do cabeçalho, salvo que eles se referem ao artigo e não ao Feed.

  Ex.: <id>http://www.exemplo.com/artigos.php?id=46</id>

• Updated, Indica quando foi a ultima vez que a entrada foi modificada

  Ex.: <updated>05—01—2006 02:56:00</updated>

Neste parte ainda cabem os elementos link e author que funcionam da mesma forma que no cabeçalho e como já foi dito, salvo que eles fazem referencia ao artigo e não ao Feed.

Uma entrada interessante é a:

• Source, ela, a entrada, é usada para se referir a documentos copiados de outros Sites, assim seria como se falássemos que a fonte foi de outro local.

Ex.: <source>
        <id>http://example.com/</id>
        <title>Fourty—Two</title>
        <updated>2003—12—13T18:30:02Z</updated>
        <rights>© 2005 Exemplo, Inc.</rights>
     </source>

Exemplos de FeedEditar

<?xml version="1.0" encoding="utf—8"?>
<feed xmlns="http://www.w3.org/2005/Atom">
<title>Exemplo Home Page — News Feed</title>
<link href=http://www.exemplo.com/>
<updated>2006—01—05 3:05:47</updated>
<author>
<name>Nome do autor</name>
<email>email@exemplo.com</email>
<uri>http://www.exemplo.com/about—me</uri>
</author>
<id>http://www.exemplo.com/</id>
<icon>http://www.exemplo.com/img/image.ico</icon>
<logo>http://www.exemplo.com/img/logo.jpg</logo>
<rights> © 2002—2006 Nome da Empresa/Site </rights>
<subtitle>Esteja atualizado com o que há de melhor na web</subtitle>
<category term=Informática/>
<entry>
<title>Título do artigo1</title>
<link href="http://www.exemplo.com/artigos.php?id=46"/>
<id>http://www.exemplo.com/artigos.php?id=46/</id>
<updated>05—01—2006 02:56:00</updated>
<summary>Descrição do artigo1</summary>
<author>
<name>Nome do autor</name>
</author>
</entry>
<entry>
<title>Título do artigo2</title>
<link href="http://www.exemplo.com/artigos.php?id=47"/>
<id>http://www.exemplo.com/artigos.php?id=47/</id>
<updated>06—01—2006 01:36:00</updated>
<summary>Descrição do artigo2</summary>
<author>
 <name>Nome do autor</name>
</author>
</entry>
</feed>

Referências

  1. a b Trott, Benjamin (29 de junho de 2003). «Why We Need Echo». Six Apart — News and Events. Cópia arquivada em 16 de fevereiro de 2008 

Ligações externasEditar