Abrir menu principal
Question book.svg
Este artigo ou secção não cita fontes confiáveis e independentes (desde setembro de 2019). Ajude a inserir referências.
O conteúdo não verificável pode ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Dom Pedro compondo hino da independencia, de Bracet.
Nascimento 14 de agosto de 1881
Rio de Janeiro
Morte 24 de agosto de 1960 (79 anos)
Rio de Janeiro
Nacionalidade brasileiro
Ocupação Pintor, decorador e professor

Augusto Bracet (Rio de Janeiro, 14 de agosto de 1881 — Rio de Janeiro, 1960) foi um pintor, desenhista e professor brasileiro.

BiografiaEditar

Formou-se na Escola Nacional de Belas Artes (ENBA). Foi discípulo dos pintores Zeferino da Costa, Daniel Bérard, Rodolpho Amoêdo, e Baptista da Costa.

Bracet dedicou-se à paisagem, à figura humana e eventualmente a temas históricos.

Em 1911, ganhou o Prêmio de Viagem ao Estrangeiro e fixou-se na Itália e na França, estudando com Morelli e Louis Billoul.

Voltou ao Brasil em 1914 e, em 1926, Bracet foi nomeado professor interino de Pintura na Escola Nacional de Belas Artes e efetivado no ano seguinte.

Foi diretor interino da Escola entre 1938 e 1945 e diretor efetivo de 1945 a 1948.

Obras principaisEditar

  • A traição de Judas
  • Lindóia
  • Primeiros Sons do Hino Nacional (Museu Histórico Nacional)


BibliografiaEditar

  • BRAGA, Teodoro. Artistas pintores no Brasil. São Paulo: São Paulo Edit., 1942.
  • PONTUAL, Roberto. Dicionário das artes plásticas no Brasil. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1969.
  • BRACET, Augusto. 100 anos de Augusto Bracet de 1981 com 55 páginas.
  • NEISTEIN, José. A Arte no Brasil: dos primórdios ao século vinte, uma bibliografia seleta de 1997 com 535 páginas.
  • LOUZADA, Júlio. Artes plásticas Brasil de 1986 com 60 páginas.