Abrir menu principal

Back to the Woods

filme de 1937 dirigido por Jack White
Question book.svg
Este artigo ou secção não cita fontes confiáveis e independentes (desde abril de 2018). Ajude a inserir referências.
O conteúdo não verificável pode ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Searchtool.svg
Esta página ou secção foi marcada para revisão, devido a inconsistências e/ou dados de confiabilidade duvidosa. Se tem algum conhecimento sobre o tema, por favor verifique e melhore a consistência e o rigor deste artigo. Pode encontrar ajuda no WikiProjeto Cinema.
Se existir um WikiProjeto mais adequado, por favor corrija esta predefinição. Este artigo está para revisão desde abril de 2018.


Back to the Woods
 Estados Unidos
1937 •  pb •  19 min 
Direção Preston Black
Roteiro Andrew Bennison
Searle Kramer
Elenco Moe Howard
Larry Fine
Curly Howard
Bud Jamison
Vernon Dent
Ethelreda Leopold
Harley Wood
Cy Schindell
Ted Lorch
Género comédia
Idioma inglês
Página no IMDb (em inglês)

Back to the Woods é um filme de curta metragem estadunidense de 1937, dirigido por Preston Black. É o 23º de um total de 190 filmes da série com os Três Patetas produzida pela Columbia Pictures entre 1934 e 1959.

Gravado de 2 a 6 de março de 1937, é o último filme da série dirigido por "Preston Black", pseudônimo de Jack White, irmão mais velho do produtor e diretor Jules White.

EnredoEditar

Na Inglaterra Medieval (chamada de "alegre e jocosa Inglaterra"), os Três Patetas são levados a um tribunal após brigarem com a guarda real ao dizerem-se descendentes dos Três Mosqueteiros. O juiz os condena a 50 anos de prisão, depois mudado para 55 após Curly incitar o juiz imitando um leiloeiro ("Eu tenho 50, quem dá mais?"). Contudo, o juiz é convencido a mudar a pena pois 55 anos seria muito tempo para alimentá-los na prisão. O trio então é expatriado e enviado às colônias britânicas da América.

Na América, os Patetas conhecem três mulheres e após um rápido flerte e de uma dança atrapalhada com elas, descobrem que são filhas do governador. Ele está negociando com os índios mas a conversa fracassa e os nativos negam a permissão para a caça e pesca em suas terras. Os Patetas resolvem ajudar os colonos e limparem seus nomes e partem para uma caçada clandestina. Eles entram na floresta de Plymouth (Massachusetts) e se "disfarçam" (tiram os chapéus de puritanos e colocam uns de peles sendo que o de Curly é de pele de gambá). Em um tiro acidental Curly acerta um peru selvagem e isso atrai os índios. Ao verem penas atrás das rochas, os Patetas pensam que são mais perus e disparam, chamuscando a cabeça dos índios. É iniciada uma luta confusa. Os Patetas arruinaram seus mosquetes então usam um galho como catapulta e arremessam várias coisas nos índios, tais como abacaxi, peixe e uma colméia de abelhas. Larry acaba ficando prisioneiro e Moe e Curly voltam e desmaiam os índios, disfarçados com as roupas deles. Mas Curly, ao tentar pegar água para reanimar o amigo desacordado, tropeça e derruba o líquido nos nativos, que ficam despertos e reiniciam a perseguição. O trio finalmente escapa ao pegar uma canoa e fugir.

Referências

Ver tambémEditar

  A Wikipédia tem o portal:

Referências

  Este artigo sobre um curta-metragem é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.