Abrir menu principal
Ambox question.svg
Esta página ou seção carece de contexto (desde março de 2014).

Este artigo (ou seção) não possui um contexto definido, ou seja, não explica de forma clara e direta o tema que aborda. Se souber algo sobre o assunto edite a página/seção e explique de forma mais clara e objetiva o tema abordado.

Broom icon.svg
As referências deste artigo necessitam de formatação (desde março de 2014). Por favor, utilize fontes apropriadas contendo referência ao título, autor, data e fonte de publicação do trabalho para que o artigo permaneça verificável no futuro.
Wikitext.svg
Esta página ou seção precisa ser wikificada (desde março de 2014).
Por favor ajude a formatar esta página de acordo com as diretrizes estabelecidas.

Os Bancos Mistos (ou também: Bancos Múltiplos) foram criados no Brasil como medida de redução de custo do sistema financeiro, que até a década de 1970 se baseava nas cartas-patentes, tipo de concessão dada pelo governo a quem quisesse abrir bancos, mediante o pagamento de determinado valor. Para reduzir esse custo, o governo resolveu permitir que as instituições financeiras passassem a operar com uma única carta-patente, desde que fossem pertencentes aos seguintes tipos: banco comercial, banco de investimento, corretora de valores ou financeira. Para efeitos de financiamento a longo prazo, ele opera no mercado financeiro e no mercado de capitais.[1]

Referências

  1. Administração Financeira -Princípios, Fundamentos e Práticas Brasileiras - Terceira Edição - Editora Elsevier. Pág.:269)
  Este artigo sobre economia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.