Barragem romana de Belas

A Barragem romana de Belas ou Barragem de Olisipo é uma barragem romana, localizada a 10 km de Lisboa na ribeira de Carenque entre os concelhos da Amadora e de Sintra, no distrito de Lisboa. Foi declarada Imóvel de interesse público pelo Decreto 735/74, DG 297, de 21 de Dezembro de 1974.

Barragem romana de Belas
Barragem romana Belas1.JPG
Localização
Município Sintra, Lisboa
Bacia hidrográfica Tejo
Rio Ribeira de Carenque
Coordenadas 38°47'35.61"N, 9°14'40.21"W
Dados gerais
Uso (Abastecimento)
Data de inauguração século III
Características
Tipo Alvenaria, Contrafortes
Altura ±8 m
Cota de coroamento ±188 m
Dados da albufeira
Capacidade total ±125.000

O muro da barragem é de opus incertum com aproximadamente 50 m de comprimento, 7 m de largura e uma altura máxima de pelo menos 8 m. Dispõe de contrafortes a jusante.

A barragem alimentava o Aqueduto romano da Amadora que, segundo algumas fontes, conduziria a água a Lisboa (Olisipo), entrando na cidade por Santo André, na zona da Graça.

O que resta do muro da barragem está situado na margem direita da Ribeira de Carenque, sendo ainda cortado por um ramal do Aqueduto das Águas Livres.

BibliografiaEditar

QUINTELA, António de Carvalho et alli. "Aproveitamentos Hidráulicos Romanos a Sul do Tejo". Ministério do Plano e da Administração Interna, 1987

Ligações externasEditar

  Este artigo sobre Património de Portugal é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.