Bienal Internacional de Quadrinhos

Bienal Internacional de Quadrinhos foi um evento brasileiro dedicado às histórias em quadrinhos, realizado em 1991, 1993 e 1997.

A primeira edição da Bienal ocorreu entre 7 e 17 de novembro de 1991. O evento, organizado pela empresa Ayuri Editorial, ocorreu em dezesseis lugares do Rio de Janeiro, sendo que os principais eventos foram realizados na Fundição Progresso, Casa França-Brasil, MAM, Casa de Rui Barbosa e Centro Cultural Banco do Brasil. O evento também contou com a presença de artistas internacionais como Will Eisner, Moebius e Sergio Bonelli. O evento recebeu 400 mil visitantes.[1][2][3]

A segunda edição da Bienal ocorreu novamente no Rio de Janeiro, entre 11 e 21 de novembro. O evento ocorreu em doze lugares da cidade e teve recorde de público. Ao término do evento, já havia a previsão da terceira edição em 1995, novamente no Rio, mas ela acabou não se concretizando por falta de patrocínio, tendo sido realizada apenas em outubro de 1997, dessa vez em Belo Horizonte. Essa foi a última edição da Bienal, que veio a ser substituída pelo Festival Internacional de Quadrinhos a partir de 1999.[4][5][6][7]

As três edições da Bienal Internacional de Quadrinhos receberam o prêmio de "Grande contribuição" no Troféu HQ Mix, respectivamente em 1992, 1994 e 1998.[8]

Referências

  1. Rogério de Campos (21 de outubro de 1991). «Bienal de HQ quer ser a maior do mundo». Folha de S.Paulo: 5 (Ilustrada) 
  2. Rogério de Campos (7 de novembro de 1991). «1ª Bienal de Quadrinhos do Rio abre hoje e já é a maior do mundo». Folha de S.Paulo: 5 (Ilustrada) 
  3. «Bienal termina com 400 mil visitantes». Folha de S.Paulo: 5 (Ilustrada). 18 de novembro de 1991 
  4. Plínio Fraga (11 de novembro de 1993). «Lançamentos animam Bienal de Quadrinhos». Folha de S.Paulo: 5 (Teen) 
  5. Gabriel Bastos Junior (18 de novembro de 1993). «Bienal tem recorde de público no Rio». Folha de S.Paulo: 5 (Teen) 
  6. Carlos Henrique Santiago (3 de novembro de 1997). «Bienal Internacional passa a ser itinerante». Folha de S. Paulo 
  7. «BH sedia 5º Festival Internacional de Quadrinhos, MG». Revista Raiz. 2007 
  8. «Portal oficial do Trofeu HQ Mix»  «Arquivo no WebCite»