Caio Escribônio Curião (pretor em 183 a.C.)

Disambig grey.svg Nota: Para outras pessoas de mesmo nome, veja Escribônios Curiões.

Caio Escribônio Curião (em latim: Gaius Scribonius Curio) foi o responsável pela construção do Templo de Fauno em Roma durante seu mandato como edil plebeu em 196 a.C.. Treze anos mais tarde foi eleito pretor e, em 174 a.C., assumiu o posto de curião máximo (em latim: curio maximus), o segundo plebeu a alcançar o posto, motivo pelo qual recebeu o cognome "Curião" (em latim: Curio)[1][2][3].

Caio Escribônio Curião
Nascimento século III a.C.
Roma Antiga
Morte século II a.C.
Desconhecido
Cidadania Roma Antiga
Progenitores
  • Desconhecido
  • Desconhecido
Filho(s) Gaius Scribonius Curio
Ocupação político da Antiga Roma

Referências

  1. Lívio, Ab Urbe Condita 27.8 e 41.21
  2. Vishnia, pp. 105–107
  3. Christopher John Smith, The Roman Clan: The gens from Ancient Ideology to Modern Anthropology (Cambridge University Press, 2006), p. 216.

BibliografiaEditar

  • (em alemão) Walter Eder: Scribonius I,3. In: Der Kleine Pauly (KlP). Vol. 5, Stuttgart 1975, col. 53.
  • Vishnia, Rachel Feig (1996). State, Society, and Popular Leaders in Mid-Republican Rome, 241–167 B.C. (em inglês). [S.l.]: Routledge