Abrir menu principal
Calínico V de Constantinopla
Nascimento Desconhecido
Morte Desconhecido
Istambul
Ocupação sacerdote

Calínico V de Constantinopla (em grego: Καλλίνικος Ε΄)[1] foi patriarca ecumênico de Constantinopla duas vezes, entre 1801 e 1806 e depois novamente entre 1808 e 1809. Antes disto ele foi bispo metropolitano de Edirne (Adrianópolis) entre 1780 e 1792 e de İznik (Niceia) entre 1792 e 1801[2].

Índice

HistóriaEditar

Em setembro de 1806, Calínico V renunciou ao título em favor de Gregório V, o que foi recebido com grande alegria em Constantinopla[3]. Ele conseguiu preservar seu posto mesmo durante o violento golpe de estado perpetrado por Mustafá IV em 1807, mas não ao de Mamude II em 1808, cujo vizir o substituiu em decreto por seu antecessor Calínico V[3][4].

A forma como ele se tornou patriarca pela segunda vez provocou grande fúria entre os bispos, que acreditavam que o seu direito de eleger o patriarca havia sido violado. Por causa disto, eles se movimentaram para depô-lo. A oportunidade apareceu logo depois da morte violenta de Mustafá Bayrakdar (Alemdar Mustafa Pasha) em novembro de 1808. Em 23 de abril de 1809, o sínodo decidiu remover Calínico "por causa da idade avançada e frequentes enfermidades". Calínico se retirou para um mosteiro onde provavelmente morreu[1].

Ver tambémEditar

Calínico V de Constantinopla
(1801-1806 / 1808-1809)
Precedido por:  

Patriarcas ecumênicos de Constantinopla

Sucedido por:
Neófito VII
Gregório V
235.º Gregório V
Jeremias IV

Referências

  1. a b «Kallinikos V of Constantinople» (em inglês). Encyclopedia of the Hellenic World 
  2. «Καλλίνικος Δ´» (em grego). Site oficial do Patriarcado Ecumênico de Constantinopla 
  3. a b Agapitós 1871.
  4. Frazee 2009, p. 27.

BibliografiaEditar