Abrir menu principal

Casa Lebre

loja em São Paulo (extinta)
Casa Lebre em 1912 - Rua XV de Novembro - São Paulo

A Casa Lebre foi um importante estabelecimento comercial da cidade de São Paulo[1][2].

HistóriaEditar

Fundada em 1858[2] por João Lopes Lebre e Joaquim Lopes Lebre (futuro Conde de São Joaquim) a Casa Lebre estava localizada na antiga Rua da Imperatriz[3] (atual Rua XV de Novembro), esquina com a Rua Direita[4], num imóvel de propriedade do Barão do Tietê[4]. Inicialmente uma pequena loja de ferragens mas que transformou-se num comércio moderno e logo ganhou fama na cidade comercializando produtos importados, como: perfumarias finas, brinquedos, artigos domésticos, porcelanas e crystaes, baterias para cozinha de níckel puro, alumínium e ferro esmaltado, entre outros.

Em meados da década de 1910 o sócio diretor era Feliciano Lebre de Mello e utilizando o capital da Casa Lebre para diversificar os negocias da empresa, fundou a Empresa Paulista de Diversões e abriu o Cine República (em 1921)[2]. O resultado deste novo empreendimento não foi o esperado e o Cine Republica e a Casa Lebre fecharam as portas no final da década de 1920[5] .

Posteriormente, parte da família Lebre abriu uma segunda Casa Lebre, voltada para revenda e fabricação de produtos de ferragens e artigos de arame e logo transformou-se em uma indústria, porém, sem o sucesso que a primeira Casa Lebre ostentou por mais de 60 anos[2].

Referências

  1. de Heloísa Barbuy Livro - A cidade-exposição: comércio e cosmopolitismo em São Paulo, 1860-1914 — acessado em 27 de setembro de 2010
  2. a b c d Casa Lebre Almanack Paulistano — acessado em 27 de setembro de 2010 [ligação inativa]
  3. Casa Lebre Instituto Moreira Salles — acessado em 27 de setembro de 2010
  4. a b Rua Direita Almanack Paulistano — acessado em 27 de setembro de 2010 [ligação inativa]
  5. Casa da Imagem Museu da Cidade - Governo de São Paulo — acessado em 27 de setembro de 2010