Caspar Schmalkalden

Caspar Schmalkalden
Nascimento 1616
Friedrichroda
Morte 1673 (57 anos)[1]
Gotha[2]
Nacionalidade  Alemanha
Ocupação militar, pintor e desenhista
Movimento estético barroco

Caspar Schmalkalden (1616, Friedrichroda, Turíngia1673, Gotha) foi um artista alemão que, como militar, viajou até à América do Sul e Índias Ocidentais ao serviço dos neerlandeses no século XVII.[2][nota 1] O artista chegou ao Brasil em 1642 e residiu em Recife por três anos em virtude de sua função militar na Companhia das Índias Ocidentais.[2] Após seu regresso à Europa em 1652, Schmalkalden escreveu um abrangente relatório de quase 500 páginas com anotações geográficas e etnológicas de suas viagens, assim como observações e descrições da flora e da fauna dos países visitados.

Arara pintada por Caspar Schmalkalden quando de sua estada no Brasil (séc. XVII)

Os relatos de Schmalkalden se juntam a uma série de escritos semelhantes feitos por viajantes do século XVII, e, embora eles não possam oferecer novas perspectivas a partir do que já se sabe das narrativas europeias da época, sua obra fornece um valioso complemento às fontes históricas contemporâneas. Apesar do extenso relatório, a razão exata de suas viagens é desconhecida, para além de suas funções militares.

Notas

  1. Foi militar entre 1646 e 1652, tendo servido também nas Índias Orientais.[3]

Referências

  1. Dominik Collet (2007). Die Welt in der Stube: Begegnungen mit Aussereuropa in Kunstkammern der Frühen Neuzeit. [S.l.]: Vandenhoeck & Ruprecht. 403 páginas. ISBN 9783525358887 
  2. a b c Adm. do sítio web (2010). «Pessoas: Caspar Schmalkalden». Enciclopédia Itaú Cultura. Consultado em 6 de outubro de 2015 
  3. Alvaro Alfredo Bragança Júnior & Dante Martins Teixeira (1998). Volume 2 de Brasil Holandês: A Viagem de Caspar Schmalkalden de Amsterdã ara Pernambuco no Brasil. [S.l.]: Editora Index 
  Este artigo sobre uma pessoa é um esboço relacionado ao Projeto Biografias. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.