Abrir menu principal
Searchtool.svg
Esta página ou seção foi marcada para revisão, devido a incoerências e/ou dados de confiabilidade duvidosa. Se tem algum conhecimento sobre o tema, por favor, verifique e melhore a coerência e o rigor deste artigo.
Mapa do castelo sofrendo o cerco durante a Rebelião Shimabara.
Restos do Castelo Hara
Restos do Castelo Hara, vistos do oceano.

Castelo Hara (原城 Hara jō?) é um castelo na província de Hizen. Durante a Rebelião Shimabara (1637-1638), os camponeses rebeldes foram cercados lá.[1]

Como resultado da Rebelião de Shimabara, em 1637 o Xogunato decidiu expulsar os portugueses do Japão. Os holandeses, por sua vez, ganharam a confiança das autoridades japonesas ao bombardear o Castelo Hara[2] (onde os insurgentes japoneses tomaram refúgio durante a Rebelião Shimabara) e assim ganharam um monopólio do comércio europeu com o Japão.

Referências

  1. «Shimabara Rebellion - Peasant Revolt in Shimabara Rebellion» (em inglês). Consultado em 6 de março de 2012 
  2. «Rebellion at Shimabara» (em inglês). Consultado em 6 de março de 2012 
  Este artigo sobre História do Japão é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.


 
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Castelo Hara