Abrir menu principal

Celeirós (Braga)

localidade e antiga freguesia de Braga, Portugal
Disambig grey.svg Nota: Para outros significados, veja Celeirós.
Portugal Celeirós 
  Freguesia portuguesa extinta  
Celeirós está localizado em: Portugal Continental
Celeirós
Localização de Celeirós em Portugal Continental
Coordenadas 41° 31' 18" N 8° 27' 49" O
Concelho primitivo Braga
Concelho (s) atual (is) Braga
Freguesia (s) atual (is) Celeirós, Aveleda e Vimieiro
Extinção 28 de janeiro de 2013
Área
- Total 2,36 km²
População (2011)
 - Total 3 289
    • Densidade 1 393,6 hab./km²
Celeirós-loc.png
Igreja de Celeirós

Celeirós foi uma freguesia portuguesa do concelho de Braga, com 2,8 km² de área e 3289 habitantes (2011)[1]. Densidade: 1174,6 hab./km².

Foi extinta em 2013, no âmbito de uma reforma administrativa nacional, tendo sido agregada às freguesias de Aveleda e Vimieiro, para formar uma nova freguesia denominada União das Freguesias de Celeirós, Aveleda e Vimieiro da qual é a sede.[2]

Índice

PopulaçãoEditar

População da freguesia de Celeirós (1864 – 2011) [3]
1864 1878 1890 1900 1911 1920 1930 1940 1950 1960 1970 1981 1991 2001 2011
670 654 789 827 858 741 906 1 054 1 200 1 541 1 853 2 394 2 814 2 998 3 289

LocalizaçãoEditar

Situa-se 5 km a sul do centro de Braga e é atravessada pelo Rio Este.

A população de Celeirós era de 3289 habitantes em 2011 (Dados do INE).

ActualidadeEditar

É uma localidade normalmente conhecida pelo seu grande complexo industrial assim como pelas tradições religiosas.

Anualmente a povoação é palco da procissão dos Passos (Março ou Abril, dependendo da data oficial da Páscoa) que comemora a ressurreição de Jesus Cristo.

Em Celeirós está localizado o Mercado Abastecedor da Região do Noroeste.

Referências

  1. «População residente, segundo a dimensão dos lugares, população isolada, embarcada, corpo diplomático e sexo, por idade (ano a ano)». Informação no separador "Q601_Norte". Instituto Nacional de Estatística. Consultado em 6 de Março de 2014. Cópia arquivada em 4 de Dezembro de 2013 
  2. Diário da República, 1.ª Série, n.º 19, Lei n.º 11-A/2013 de 28 de janeiro (Reorganização administrativa do território das freguesias). Acedido a 2 de fevereiro de 2013.
  3. Instituto Nacional de Estatística (Recenseamentos Gerais da População) - https://www.ine.pt/xportal/xmain?xpid=INE&xpgid=ine_publicacoes
  Este artigo sobre freguesias portuguesas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.