Chai é um posto administrativo moçambicano, parte do distrito de Macomia na província de Cabo Delgado.

HistóriaEditar

Foi neste local que em 25 de Setembro de 1964 se iniciou a Luta Armada de Libertação Nacional contra as autoridades coloniais portuguesas com o ataque da Frelimo à sede do posto.[1] Chai foi atacada 28 de Maio de 2020 pelos grupos armados que têm levado a cabo a insurreição na província. O ataque destruiu algumas infraestruturas públicas e privadas, nomeadamente casas, causou vítimas mortais entre os residentes e forçou a fuga da população para a mata. .[2]

Referências

  1. «Autor do "primeiro tiro" contra o colonialismo português em Moçambique narra façanhas da guerra». Diário de Notícias. 20 de setembro de 2020. Consultado em 31 de maio de 2021 
  2. «"O que Vi foi A Morte". Crimes de Guerra no "Cabo Esquecido" de Moçambique» (PDF). Amnesty International. 2021. Consultado em 31 de maio de 2021 
  Este artigo sobre Geografia de Moçambique, integrado ao Projeto África é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.