Abrir menu principal
Chave grega

O motivo chave grega é um exemplo de uma estrutura super secundária de proteína. Esta consiste de padrões de arranjo espacial de estruturas secundárias que são comuns a muitas proteínas não relacionadas. O motivo ou domínio chave grega consiste de 3 folhas beta antiparalelas conectadas por segmentos polipeptídicos curtos, enquanto que a quarta folha se liga a terceira por um fragmento mais longo. As ligações de hidrogênio ocorrem entre a primeira e quarta folhas e a segunda e terceira folhas. Esse motivo recebe esse nome por se assemelhar ao um desenho ornamental da Grécia antiga.[1]

Referências

  1. Donald., Voet, (2013). Bioquímica 4. ed. Porto Alegre: Artmed. ISBN 9788582710043. OCLC 940090828 
  Este artigo sobre Química é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.