Chiquitos é uma região na parte oriental da Bolívia, no Departamento de Santa Cruz de la Sierra, limítrofe com o Brasil.[1] É um conjunto de seis cidades fundadas pelos missionários jesuítas entre 1696 e 1760 e preservadas mesmo quando o rei da Espanha decidiu expulsá-los.[1]

Pix.gif Missões Jesuíticas de Chiquitos *
Welterbe.svg
Património Mundial da UNESCO

Iglesia Jesuita de Concepcion Santa Cruz Bolivia.jpg
Igreja Jesuíta de Concepción, Chiquitos, Bolívia
País  Bolívia
Critérios (iv)(v)
Referência 529 en fr es
Coordenadas 16° 00′ S, 60° 30′ O
Histórico de inscrição
Inscrição 1990  (? sessão)
* Nome como inscrito na lista do Património Mundial.

Nos últimos anos, a região da Chiquitania (as províncias de Ñuflo de Chavez, Velasco e Chiquitos) foi "descoberta" pelos bolivianos junto com partituras de música barroca transcritas pelos indígenas.[2] Já é conhecido o festival anual de música barroca que se realiza nas igrejas.[2]

Missões jesuíticas de ChiquitosEditar

 Ver artigo principal: Chiquitos (missões jesuíticas)

Seis igrejas da região (San Francisco Javier, Concepción, Santa Ana, San Miguel, San Rafael e San José) foram selecionadas em 1990 como Patrimônio Mundial da Humanidade pela Unesco.[1] A cidade de San José de Chiquitos encontra-se à beira da estrada de ferro que une a cidade brasileira de Corumbá e a boliviana Santa Cruz.

Ver tambémEditar

Referências

  1. a b c «Jesuit Missions of the Chiquitos». UNESCO World Heritage Centre (em inglês). Consultado em 12 de dezembro de 2019 
  2. a b «The Baroque Music Festival of the Jesuit Missions of Chiquitos, Bolivia.». BoliviaBella. Consultado em 12 de dezembro de 2019 

Ligações externasEditar