Abrir menu principal

O cintilômetro é um instrumento de precisão aplicado para reconhecer a quantidade e o tipo de radiação.[1] É um instrumento de autor desconhecido e atualmente é útil nas indústrias geofísicas, nucleares e nos centros de pesquisa nuclear.[2]

Componentes do cintilômetroEditar

Componentes e função:
Componente Função
Alça (Punho) de transporte Serve para o manuseio do cintilômetro e para facilitar a movimentação do instrumento. Transporta duas pilhas de 1,5V para a alimentação do circuito do circuito.
Botão de calibração ou de ajuste a zero Utilizado para a calibração do instrumento.
Botão indicador de constante de tempo Indicador da constante de tempo (Seconds), marca entre um a quatro segundos para a aferição com mais precisão da leitura da intensidade.
Botão de escala Com escala de 1,2,5,10,20,50 e 100, cada um para a leitura apropriada de uma faixa de radiação emitida. Para a leitura é sempre posicionada em uma fonte radioativa e com a faixa aplicada. Se a faixa for acima ou abaixo do limite do mostrador é feita a adequação de acordo com a instensidade dos dados indicados.
Botão de radiação interna ou externa Útil na amplificação da medição através do acoplamento de um sensor externo ao cintilômetro. Acima de três metros, é necessário o botão external meter e conectar a outro detector do cintilômetro.
Detector cintilador Receptor da radiação e na conversão da cintilação. Contém uma sonda cintilante que é um cristal de Iodeto de sódio ativado com tálio, acoplada a uma válvula fotomultiplicadora.
Microamperímetro É conectado ao circuito eletrônico. A partir do seu visor é possível mensurar e verificar a intensidade da radiação.A sua grandeza é dada pela contagem por segundo (cps).
Válvula fotomultiplicadora Conversor das cintilações para a energia elétrica.Após a amplificação dos sinais, ele é medido pelo microamperímetro.
Dados:[3]

Referências

  1. Luciene Pereira da Veiga, Marcus Granato e Thiago Villanova Benigno de Vasconcelo, Homepage do Museu de Astronomia e Ciências Afins <http://www.mast.br/multimidia_instrumentos/cintilometro_funcao.html>. Acessado dia 23 de fevereiro de 2014
  2. Luciene Pereira da Veiga, Marcus Granato e Thiago Villanova Benigno de Vasconcelo, Homepage do Museu de Astronomia e Ciências Afins <http://www.mast.br/multimidia_instrumentos/cintilometro_atualidade.html>. Acessado dia 23 de fevereiro de 2014
  3. Luciene Pereira da Veiga, Marcus Granato e Thiago Villanova Benigno de Vasconcelo, Homepage do Museu de Astronomia e Ciências Afins <http://www.mast.br/multimidia_instrumentos/cintilometro_instrumento.html>. Acessado dia 23 de fevereiro de 2014