Abrir menu principal
Emblem-scales.svg
A neutralidade deste artigo ou se(c)ção foi questionada, conforme razões apontadas na página de discussão deste artigo.
Colégio Agostiniano Mendel
Tipo Particular
Fundação 3 de fevereiro de 1984 (35 anos)
Localização São Paulo, São Paulo, Brasil
Bairro Tatuapé
Cursos oferecidos Educação infantil, ensino fundamental, ensino médio
Orientação religiosa catolicismo
Diretor(a) Padre Eduardo Flauzino Mendes
Página oficial www.agostinianomendel.com.br

O Colégio Agostiniano Mendel foi construído na área ocupada pelo Centro Agostiniano, que estava dedicado a atividades de cunho religioso: Cursilhos de Cristandade, OVISA, encontro de jovens, além de outras atividades pastorais.

Essas atividades eram desenvolvidas apenas nos fins-de-semana, ficando suas instalações, na maior parte do tempo, ociosas; mesmo sofrendo algumas reformas, ainda assim se mantinham extremamente precárias.

A ideia de um melhor aproveitamento da extensa área ocupada pelo Centro Agostiniano foi ganhando terreno e, na reunião da Assembleia em 30 de abril de 1979 “era aprovada a construção do Colégio Agostiniano Mendel”. Finalmente, no plenário da Assembleia Geral de 30 de dezembro de 1982, foi decidido que este centro de ensino funcionaria com Pré-Escola e 2º Grau.

Quanto ao nome, foram apresentadas várias sugestões, dentre as quais foi escolhido o de Colégio Agostiniano Mendel, por celebrar-se naquele ano o centenário de Johann Gregor Mendel, religioso agostiniano, considerado o pai da genética e descobridor das leis da hereditariedade, conhecidas como “Leis de Mendel”.

Numa área de 5.574 m², foi iniciada a obra em 1981 e inaugurada em 3 de fevereiro de 1984. No dia 6 de fevereiro, o Colégio iniciou o primeiro ano letivo com 800 alunos.

Em 1994, após 10 anos de existência, tendo adquirido fama e prestígio pela qualidade de ensino e excelência na formação dos seus alunos, o Colégio Agostiniano Mendel ampliou suas instalações com um prédio moderno e funcional, exclusivo para o Ensino Médio.

Hoje, o Colégio Agostiniano Mendel conta com cerca de 4300 alunos de Educação Infantil, Ensino Fundamental e Ensino Médio, destacando-se como um dos melhores colégios do Estado de São Paulo.

HistóriaEditar

O Colégio Agostiniano Mendel foi construído na área ocupada pelo Centro Agostiniano, que estava dedicado a atividades de cunho religioso: Cursilhos de Cristandade, OVISA, encontro de jovens, além de outras atividades pastorais.

Essas atividades eram desenvolvidas apenas nos fins-de-semana, ficando suas instalações, na maior parte do tempo, ociosas; mesmo sofrendo algumas reformas, ainda assim se mantinham extremamente precárias.

A ideia de um melhor aproveitamento da extensa área ocupada pelo Centro Agostiniano foi ganhando terreno e, na reunião da Assembleia em 30 de abril de 1979 “era aprovada a construção do Colégio Agostiniano Mendel”. Finalmente, no plenário da Assembleia Geral de 30 de dezembro de 1982, foi decidido que este centro de ensino funcionaria com Pré-Escola e 2º Grau.

Quanto ao nome, foram apresentadas várias sugestões, dentre as quais foi escolhido o de Colégio Agostiniano Mendel, por celebrar-se naquele ano o centenário de Johann Gregor Mendel, religioso agostiniano, considerado o pai da genética e descobridor das leis da hereditariedade, conhecidas como “Leis de Mendel”.

Numa área de 5.574 m², foi iniciada a obra em 1981 e inaugurada em 3 de fevereiro de 1984. No dia 6 de fevereiro, o Colégio iniciou o primeiro ano letivo com 800 alunos.

Em 1994, após 10 anos de existência, tendo adquirido fama e prestígio pela qualidade de ensino e excelência na formação dos seus alunos, o Colégio Agostiniano Mendel ampliou suas instalações com um prédio moderno e funcional, exclusivo para o Ensino Médio.

Hoje, o Colégio Agostiniano Mendel conta com cerca de 3800 alunos de Educação Infantil, Ensino Fundamental e Ensino Médio, destacando-se como um dos melhores colégios do Estado de São Paulo.

Referências

Ligações externasEditar