Concílio de Constantinopla (394)

Concílio de Constantinopla foi um concílio realizado na capital imperial bizantina, Constantinopla, em 394 durante o reinado do imperador Arcádio. Tinha cerca de 37 participantes, entre os quais Nectário de Constantinopla, Teófilo de Alexandria e Flaviano I de Antioquia, e tinha como objetivo decidir sobre o caso de Begádio de Bostra que havia sido ilegalmente deposto e substituído por Agápio. Tal deposição foi considerada ilegal, pois foi realizada por apenas dois bispos e não por um concílio ou sínodo.[1]

Referências

  Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Editor: considere marcar com um esboço mais específico.