Abrir menu principal

Conde ou condessa de Cervera é um título nobiliárquico, que foi criado por primeira vez pelo rei Pedro IV de Aragão. Atualmente é um dos títulos vinculados tradicionalmente ao herdeiro da Coroa da Espanha,[1] sendo seu titular Leonor, Princesa das Astúrias.

Condessa de Cervera
Corona de conde.svg
Coroa da condessa
No cargo
Leonor

desde 19 de junho de 2014
Residência Palácio da Zarzuela
Duração Até a coroação como Rei de Espanha
Criado em 27 de janeiro de 1353
Primeiro titular Pedro IV de Aragão
Sucessão Sofia de Bourbon e Ortiz

HistóriaEditar

Título criado em 1353 pelo rei de Aragão, Pedro IV, para seu filho e herdeiro, o infante João. Esse título, próprio dos herdeiros ao trono da Coroa de Aragão, desde 1414 esteve sempre unido ao de Príncipe de Girona, compartindo as mesmas vicissitudes.

Situação geralEditar

Desde 19 de junho de 2014 os títulos de herdeiro da antiga Coroa de Aragão são ostentados pela princesa Leonor de Bourbon e Ortiz, onde também recebeu explicitamente o título de Princesa das Astúrias e outros títulos vinculados tradicionalmente ao sucessor da Coroa de Espanha. No âmbito legal, a Constituição espanhola de 1978 estabelece no Título II, art. 57.2:

Em 1996, em uma visita oficial a Cervera, o rei Filipe VI enquanto herdeiro do trono espanhol assumiu o título em uma cerimônia de homenagem popular. Desde a supressão da Coroa de Aragão, a princípios do século XVIII, é o primeiro herdeiro real que o ostenta, se bem que não tem feito uso público dele salvo nas ocasionais visitas à Catalunha e na cerimônia de seu casamento.

Referências

  1. Artigo 57.2 do título II, De la Corona, da Constituição espanhola de 1978