Corona (empresa egípcia)

The Empresa de Chocolates e Confeitaria de Alexandria (em árabe: شركة الإسكندرية للحلويات والشوكولاتة Sharkat Al Iskandariyah Lal Ḥalawiyat Wal Shokalatat, conhecida como Corona), fundada em 1919 by Tomy Khresto, é a primeira confeitaria e fábrica de chocolates no mercado egípcio.[1]

Empresa de Chocolates e Confeitaria de Alexandria
Razão social Alexandria Confectionary & Chocolate Company(em árabe: شركة الإسكندرية للحلويات والشوكولاتة Sharkat Al Iskandariyah Lal Ḥalawiyat Wal Shokalatat)
Atividade Alimentícia
Fundação 1919 em Alexandria, Egito
Fundador(es) Tomy Khresto
Sede Alexandria, Egito
Produtos
Website oficial Predefinição:Site Oficial

Em 1963, a companhia se tornou uma empresa estatal devido ao processo de nacionalização ocorrido após a revolução Egípcia de 1952, no qual o governo revolucionário tomou posse de praticamente todas as empresas e bens privados. Em 2000, a companhia foi privatizada novamente ao ser vendida para o grupo Samcrete Egypt.

ReferênciasEditar

  1. «Corona - History». corona-1919.com. Consultado em 12 de maio de 2012. Cópia arquivada em 28 de janeiro de 2012 

Ligações externasEditar