Abrir menu principal
Craniometry skull 1902.jpg

Craniometria, também conhecida como craniologia, é uma subdivisão da Antropologia que estuda as características do crânio humano.[1]

No século 19, os britânicos usaram a craniometria para justificar as políticas racistas contra os irlandeses e os Africanos, que consideravam raças inferiores. Os crânios irlandeses teriam a forma dos homens de Cro-Magnon e eram aparentados dos macacos, prova da sua inferioridade, tal como dos Africanos.

No século 20, os nazistas usaram craniometria e antropometria para distinguir Ariano de não-Arianos.

Referências

  1. craniometria in Dicionário infopédia de Termos Médicos [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2018. [consult. 2018-07-25 13:56:19]. Disponível na Internet: https://www.infopedia.pt/dicionarios/termos-medicos/craniometria

BibliografiaEditar

  • SCHWARCZ, Lilia Moritz. O ESPETÁCULO DAS RAÇAS: CIENTISTAS, INSTITUIÇÕES E QUESTÃO RACIAL NO BRASIL. São Paulo, Companhia das Letras, 1.ª Edição, 1993:1994
  Este artigo sobre Medicina é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.