Abrir menu principal
Camera-photo.svg
Ajude a melhorar este artigo sobre Arquitetura ilustrando-o com uma imagem. Consulte Política de imagens e Como usar imagens.
Searchtool.svg
Esta página ou seção foi marcada para revisão, devido a incoerências e/ou dados de confiabilidade duvidosa. Se tem algum conhecimento sobre o tema, por favor, verifique e melhore a coerência e o rigor deste artigo.

O cruzeiro paroquial de Aborim é dedicado a São Sebastião, sendo também conhecido por Cruzeiro de São Sebastião, devido à imagem em relevo, daquele mártir no pedestal. Dos datados, do concelho de Barcelos, é o mais antigo. É um exemplar muito interessante, assente sobre uma plataforma de três degraus, composto por pedestal, coluna e cruz. No pedestal, além da imagem de São Sebastião, já referida, tem uma caveira e, na parte de trás uma inscrição. A coluna é composta por uma base, fuste oitavado e um capitel quadrangular. Na cruz tem a imagem de Cristo crucificado.”

O Crucificado domina-o na simplicidade da sua escultura, impregnada dum misticismo puro. Para que haja perfeita harmonia em tão modesto conjunto até uma das legendas gravadas na base é sensivelmente simpática: "ESTA OBRA FOY FEYTA POR DEVOCÃO NO ANNO DA PESTE DE MIL QUINHENTOS E SESSENTA E SETE."

Este cruzeiro foi removido em 1985 aquando da pavimentação em paralelo da avenida que liga à igreja, e depois de estar algum tempo desmontado e encostado na berma foi montado, rodando-lhe noventa graus a cruz em relação ao pedestal.

Ícone de esboço Este artigo sobre Património de Portugal é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.