Abrir menu principal
Como ler uma infocaixa de taxonomiaDendrobates azureus
Dendrobates azureus (Dendrobates tinctorius) Edit.jpg
Estado de conservação
Espécie vulnerável
Vulnerável
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Amphibia
Ordem: Anura
Subordem: Neobatrachia
Família: Dendrobatidae
Género: Dendrobates
Espécie: D. azureus
Nome binomial
Dendrobates azureus
(Girard, 1855)

Dendrobates azureus é uma espécie de anfíbio que também pode ser chamado de sapo-boi-azul (conhecido como tamma) e pode ser encontrada nas florestas da região de Sipaliwini, no Suriname, e no extremo norte do Brasil. Possui uma pele de cor azul metálica, com manchas negras. Estas cores chamativas advertem os possíveis predadores de que a espécie contém um potente veneno neurotóxico na pele.[1] Recentes estudos confirmaram que Dendrobates azureus não é mais do que uma variante polimórfica de Dendrobates tinctorius [2][3], uma espécie amplamente distribuída no Suriname, Guiana e Brasil.

Ligações externasEditar

Outros projetos Wikimedia também contêm material sobre este tema:
  Imagens e media no Commons
  Diretório no Wikispecies

Referências

  1. Folha Online. «Excêntrico, sapo azul usa cor para evitar ataques de predadores». Consultado em 4 de agosto de 2009 
  2. Philippe Gaucher, Ross MacCulloch (2008). Dendrobates%20tinctorius (em Inglês). IUCN 2008. Lista Vermelha de Espécies Ameaçadas da IUCN de 2008 . . Página visitada em 13 de maio de 2009.
  3. Wollenberg, Katharina C.; Michael Veith, Brice P. Noonan, and Stefan Lötters (2006). «Polymorphism Versus Species Richness—systematics of Large Dendrobates from the Eastern Guiana Shield (Amphibia: Dendrobatidae)» (pdf). Copeia (em inglês). 2006 (4). pp. 623–629. Consultado em 13 de maio de 2009