Desenvolvimento social

O conceito de Desenvolvimento Social surge como uma expansão do entendimento das dimensões do desenvolvimento, alargando a visão de uma concepção estrita relacionada ao crescimento econômico, para incorporar outros pilares do bem-estar social, sobretudo aqueles relacionados aos direitos sociais, surgidos na primeira metade do século XX, e posteriormente positivados na Declaração Universal dos Direitos Humanos. Dentre esses destacam-se a educação, a saúde, a alimentação, o trabalho, a moradia, o lazer, a previdência social, a proteção à maternidade e à infância, e a assistência aos desamparados. O desenvolvimento social é um dos fatores de moderação das religiões[1] e é considerado um direito humano pela ONU.[2]


  1. Maulana Wahiduddin Khan, The Age of Peace. New Delhi: Good Word Books, 2015; pp.1-26.
  2. A/RES/56/150 The right to development,  A/RES/55/2 United Nations Millennium Declaration, A/RES/55/110 Human rights and unilateral coercive measures,  A/RES/55/108 The right to development, A/RES/54/175 The right to development, A/RES/53/155 Right to development, /RES/52/136 Right to development, A/RES/52/120 Human rights and unilateral coercive measures, A/RES/51/99 Right to development, A/RES/50/184 Right to development.