Abrir menu principal
Question book.svg
Este artigo ou secção não cita fontes confiáveis e independentes (desde setembro de 2018). Ajude a inserir referências.
O conteúdo não verificável pode ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Placa indicativa de distrito sanitário, em Belo Horizonte.

Distrito sanitário compreende uma área geográfica que comporta uma população com características epidemiológicas e sociais e suas necessidades, e os recursos de saúde para atendê-la. A área geográfica é definida para cada realidade e pode ser constituída por: • vários bairros de um município; • vários municípios de uma região. No processo de definição do chamado território-distrito devem ser consideradas para a sua composição as relações de fluxos existentes entre os municípios ou bairros, as referências natural ou culturalmente já estabelecidas entre eles em suas diversas atividades, principalmente na área da saúde. A preexistência de uma eventual territorialização definida pelo gestor estadual (Secretaria Estadual da Saúde) não deve ser considerada como balizamento definitivo, mas pode ser utilizada como um ponto de partida e ajustada de acordo com as necessidades.

Os problemas relacionados ao conceito de Distrito sanitário são classificados em:

Intermediários: São aqueles que se referem ao processo organizacional dos recursos de saúde, por exemplo, a falta de leitos para pacientes especiais tal como os queimados. Como problemas intermediários também pode-se citar a falta de médicos e o gasto excessivo com ações de saúde;

Terminais: Ocorre quando a população do Distrito Sanitário ultrapassa a capacidade de atendimento do Distrito Sanitário. A qualidade de vida neste estágio pode estar afetada.

Atuais: Referem-se à incidência (situação atual) de uma determinada doença, ex: Tuberculose.


Ver tambémEditar

Ligações externasEditar

  Este artigo sobre Saúde é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.