Abrir menu principal

DF-085

rodovia radial do Distrito Federal brasileiro, sob administração da respectiva unidade federativa
(Redirecionado de EPTG)
Question book.svg
Este artigo ou secção não cita fontes confiáveis e independentes (desde abril de 2013). Ajude a inserir referências.
O conteúdo não verificável pode ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Estrada Parque Taguatinga (EPTG)
Nomes populares Centro de Taguatinga
Via Serejão
Identificador  DF-085 
Tipo Rodovia Radial
Inauguração 2010 (reformada)
Extensão 19,90 km (12,37 mi)
Extremos
 • Central:
 • Sudoeste:

EPIG com a EPIA
P5 do P Sul como Avenida Elmo Serejo
Interseções DF-087 Estrada Parque Vale (EPVL)
DF-079 Estrada Parque Vicente Pires (EPVP)
DF-001 Estrada Parque Contorno (EPCT)
Rodovias do Distrito Federal

DF-085 é uma rodovia radial do Distrito Federal brasileiro, sob administração da respectiva unidade federativa. Sendo via de ligação entre a região central de Brasília ao Guará, Park Way, Águas Claras, Vicente Pires, Taguatinga, Ceilândia e Samambaia, é uma das vias mais movimentadas do Distrito Federal.

Também conhecida como Estrada Parque Taguatinga (EPTG), é denominada Avenida Central na região entre a DF-001 e a Avenida Samdu em Taguatinga, e Avenida Samdu a Avenida Elmo Serejo até o final de Taguatinga.

Em 2010 foi ampliada, sendo transformada em via expressa e tendo novos viadutos, passarelas para pedestres e vias marginais, formando a chamada "Linha Verde", com o intuito de diminuir os constantes congestionamentos na rodovia.

Índice

Linhas semi-expressas da EPTGEditar

Em 31 de janeiro de 2012, entraram em operação as linhas de ônibus semi-expressas, ligando três populosos setores de Ceilândia (P Sul, Setor O e QNQ) a região central de Brasília.[carece de fontes?] Esses ônibus não param ao longo da EPTG e trafegam pela faixa da esquerda, exclusiva. As linhas tradicionais ainda funcionam e param em Vicente Pires, Águas Claras, Park Way e Guará, mas não vão pela via central. Elas vão pelas vias Marginais. Com as linhas semi-expressas, o tempo para um ônibus tradicional atravessar a EPTG inteira pulou de 45 minutos para 12 minutos.

Saindo do Setor OEditar

Via Oeste/GuarirobaEditar

Expansão do Setor O/Ceil.N/SEditar

Saindo do P SulEditar

Saindo da QNQ/QNREditar

Crescimento desordenadoEditar

A região ao longo da EPTG, é considerada a região mais populosa do Distrito Federal. Com o crescimento da população na região oeste do Distrito Federal, e o consequente aumento no número de carros, linhas de ônibus e pessoas trafegando pela EPTG, numerosas empresas vêm instalando-se às margens da rodovia, notadamente na região de Vicente Pires e Águas Claras.

Ver tambémEditar

Ligações externasEditar