Abrir menu principal

Wikipédia β

El ciudadano Gómez

El ciudadano Gómez é uma série de televisão mexicana de comédia de situação criada e protagonizada por Roberto Gómez Bolaños e produzida pela Televisión Independiente de México (posteriormente, Televisa) e exibida pela primeira vez em 25 de janeiro de 1969 no Canal 8.[1]

El ciudadano Gómez
Cidadão Gómez (BR)
Informação geral
Formato Série
Gênero Humorístico
Criador(es) Roberto Gómez Bolaños
País de origem  México
Idioma original Espanhol
Produção
Elenco Roberto Gómez Bolaños
María Antonieta de las Nieves
Ramón Valdés
Rubén Aguirre
Anabel Gutiérrez
ver mais
Exibição
Emissora de televisão original México El Canal de las Estrellas
Formato de exibição 480i (SDTV)
Transmissão original 25 de janeiro de 1969—1994

Índice

HistóriaEditar

Para inicial as transmissões do Canal 8, em 25 de janeiro de 1969, nos antigos estúdios cinematográficos San Ángel Inn, na capital asteca, os diretores da TIM prepararam um programa inaugural cujo roteiro encomendaram ao escritor Roberto Gómez Bolaños.[2]

Além disso, encarregaram-no de escrever uma série de humor em que o protagonista era um homem que se intrometia em tudo para defender os mais necessitados, daí surgir a série intitulada El ciudadano. O criador, então, pediu para que Roberto escrevesse um breve diálogo. Ao entregar o texto, Bolaños perguntou em que utilizariam.[3]

ConcepçãoEditar

Apesar de o projeto estrear somente após vários meses depois de ser gravado, como estratégia para competir abertamente com a programação do Canal 2, El ciudadano Gómez alcançou o primeiro lugar na audiência. Em 1994, já na Televisa, Roberto retomou o esquete e apresentou-o em Con humor, programa alternativo de Chespirito, transmitido às sextas-feiras. Já no primeiro capítulo, descobre-se que o acidente do protagonista foi provocado por um serviço ineficiente na oficina mecânica em que levou seu carro: os freios não foram revisados.[4]

SinopseEditar

  Aviso: Este artigo ou se(c)ção contém revelações sobre o enredo.

A trama relatava a vida de um personagem que perdeu a memória em um acidente automobilístico e que, por conta disso, acaba se metendo em situações cômicas em sua ansiedade para ajudar os mais necessitados,[5][6] portanto, era conhecido como um intrometido.

  Aviso: Terminam aqui as revelações sobre o enredo.

ElencoEditar

Roberto Gómez Bolaños protagonizou a série interpretando o ingênuo e intrometido Cidadão Gómez ao lado de Rubén Aguirre, Ramón Valdés e María Antonieta de las Nieves. O projeto, de apenas treze programas, contou também com a participação do cantor Chava Flores. Ele encarnava diversos personagens e enriquecia o desenvolvimento de cada capítulo com a ajuda de canções que faziam alusão à trama. Essas intervenções encerravam cada um dos blocos em que se dividia o programa, que tinha como tema musical "Sábado Distrito Federal", uma de suas canções mais famosas.

Referências

  1. a b Bolaños, Roberto Gómez; Mauricio Tamboni (2012). «Chaves: A história oficial ilustrada». 208 páginas. 9788579303333 
  2. «El Chavo del 8: los oscuros conflictos tras la bonita vecindad». Guioteca. 7 de fevereiro de 2012. Consultado em 13 de abril de 2013. A fines de los 60 estrenó sus dos primeras series: “El ciudadano Gómez” y “Los supergenios de la mesa cuadrada” 
  3. «El ciudadano Gómez, el libreto de Bolaños». Rotonda. Informador. 5 de março de 2012. Consultado em 13 de abril de 2013 
  4. «Vídeo de El ciudadano Gómez, em 1994, no programa Chespirito». Frequency. Consultado em 13 de abril de 2013 
  5. «El ciudadano Gómez, protagonista Bolaños interpreta seu primeiro personagem». Expreso. Otro célebre Gómez-Bolaños: Chespirito-, creó para la tele un personaje llamado “El ciudadano Gómez”. A ser eso, un simple “Ciudadano Gómez”, se niega nuestro titular de Gobernación y, por lo tanto, renunció a su partido, el PAN, pero no a la Secretaría de Bucareli. 
  6. «História de Chespirito»  Arquivo mexicano sobre a história do escritor e ator Roberto Gómez Bolaños, citando o início de sua carreira em 1968

Ligações externasEditar