Abrir menu principal

Equipe

(Redirecionado de Equipa)
Broom icon.svg
As referências deste artigo necessitam de formatação (desde outubro de 2018). Por favor, utilize fontes apropriadas contendo referência ao título, autor, data e fonte de publicação do trabalho para que o artigo permaneça verificável no futuro.
Disambig grey.svg Nota: Se procura outra designação para Time, veja Time.

A equipe, time (português brasileiro) ou equipa (português europeu) é um grupo de pessoas que se junta para alcançar um objetivo em comum. No desporto, equipe quase sempre se refere às agremiações desportivas, como por exemplo, as equipes de futebol. Também é definido como um pequeno grupo de pessoas com habilidades complementares, que trabalham juntas com o fim de atingir um propósito comum; pelo qual se consideram coletivamente responsáveis,[1] ou como um grupo com funcionamento qualificado, que compreende seus objetivos e está engajado em alcançá-los, de forma compartilhada. A comunicação entre os membros é verdadeira, opiniões divergentes são estimuladas. A confiança é grande, assumem-se riscos. As habilidades complementares dos membros possibilitam alcançar resultados, os objetivos compartilhados determinam seu propósito e direção. Respeito, mente aberta e cooperação são elevados. A equipe investe constantemente em seu crescimento[2].

Em português diz-se equipa para conjunto de pessoas a trabalhar em conjunto. Em português 'equipe', vêm do verbo equipar, de equipamento, com roupa ou ferramentas, ou por exemplo nos carros, equipamento de série ou equipamento extra.

As palavras-chave das novas abordagens ao trabalho em equipe são delegação de poder (empowerment ou empoderamento), participação e desenvolvimento.

Wisinski[3] relaciona os seguintes elementos da dinâmica de uma equipe, que interage e busca os objetivos:

  1. participação: deve haver uma participação equilibrada, não havendo dominante, nem ausente; dever haver equilíbrio;
  2. vender ideias: a responsabilidade de cada membro da equipe é preparar suas ideias antecipadamente e apresentá-la à equipe de forma lógica e equilibrada, possibilitando efetiva contribuição;
  3. renúncia: este é o elemento mais importante no relacionamento de equipe. Quando os membros conseguem renunciar uma posição pessoal em prol do grupo, todos saem ganhando;
  4. avaliação: saber avaliar os resultados alcançados pela equipe ao final de um período (de um trabalho, de um projeto ou de um fechamento de mês), buscando eliminar os pontos falhos e buscar as alternativas que melhores resultados apresentaram;
  5. relacionamento: todos são responsáveis pelo relacionamento quando são membros de uma equipe. Se houver um conflito pessoal, deve ser resolvido pelas partes o mais rápido possível, pois um conflito no grupo prejudica ao todo e, muitas vezes, impede a realização proveitosa das tarefas;
  6. realização das tarefas: é de extrema importância que todos estejam conscientes da sua responsabilidade em relação à realização das tarefas que cabem ao grupo. Em um relacionamento interdependente, a falha de um membro pode atrasar toda a equipe.

Referências

  1. Schermerhorn, Hunt e Osborn - 1999
  2. Moscovici, 1995
  3. Wisinski, 1994, p.88

FontesEditar

  • SCHERMERHORN JR. J. R; HUNT. J.G; OSBORN. R.N. Fundamentos do Comportamento organizacional. 2º ed. Trabalho de equipe e projeto de grupo. Bookman, Porto Alegre; 1999.
  • WISINSKI, Jerry. Como Resolver Conflitos no Trabalho. Rio de Janeiro: Campus,1994.
  • MOSCOVICI. F. Equipes dão certo: a multiplicação do talento humano. 2º ed. José Olympio; Rio de Janeiro; 1995.
  A Wikipédia possui o:
Portal de Economia e negócios
 
O Wikcionário tem o verbete equipe.